Maracanã

O Maracanã, construído para abrigar jogos da Copa do Mundo de 1950, é um dos maiores estádios do Brasil e um dos que mais fazem parte da história do futebol brasileiro. Sediou jogos importantes tanto da Seleção Brasileira quanto dos maiores clubes brasileiros, e presenciou momentos trágicos, como o Maracanazo, a derrota brasileira na Copa de 1950.

Esse estádio também sediou a Copa do Mundo de 2014 e presenciou a Seleção Alemã conquistar o seu quarto título. Foi também o local onde Pelé marcou o seu milésimo gol, em 1969. Títulos importantes para o Brasil foram conquistados lá, como o do torneio de futebol das Olimpíadas, em 2016, e o da Copa América de 2019.

Acesse também: Copa da Rússia - uma das últimas Copas do Mundo, disputada em 2018

Construção

O Maracanã foi construído, a partir de 1948, para sediar jogos da Copa do Mundo de 1950.[1]
O Maracanã foi construído, a partir de 1948, para sediar jogos da Copa do Mundo de 1950.[1]

O Maracanã, também conhecido como Estádio Jornalista Mário Filho, localizado no Rio de Janeiro, tem sua história diretamente ligada com a Copa do Mundo de 1950, evento que foi sediado pelo Brasil. Tudo começou quando Célio de Barros, delegado brasileiro da Confederação Brasileira de Desportos (CBD), foi enviado para a França para participar do congresso organizado pela Federação Internacional de Futebol Associação, a Fifa.

Esse congresso foi realizado em 1938, durante a Copa do Mundo que acontecia naquele ano, e ele levava a proposta brasileira de sediar a competição no ano de 1942. A candidatura brasileira não era favorita porque o país não tinha um grande estádio para receber o evento. O historiador Hilário Franco Júnior afirma que a Alemanha era a provável próxima sede porque tinha uma boa estrutura por conta das Olimpíadas de 1936|1|.

O início da Segunda Guerra Mundial, em 1939, acabou fazendo com que as Copas de 1942 e 1946 não acontecessem. Quando o mundial retornou, em 1950, só o Brasil interessou-se por sediá-lo. A proposta brasileira incluía a disponibilização de seis estádios, e nela também estava a proposta de construir-se um grandioso estádio na capital do país na época, o Rio de Janeiro.

O projeto de construção do estádio carioca mobilizou a imprensa local, e decidiu-se, na época, que ele seria construído no terreno do Derby Clube, local onde eram realizadas corridas de cavalo. Em 16 de julho de 1947, a imprensa do Rio de Janeiro divulgou que o estádio deveria ter lugar para, pelo menos, 150 mil pessoas.

Tudo o que envolveu a construção do Maracanã gerou muita polêmica no Rio, do local onde o estádio seria construído até a forma de financiamento da obra. Um dos maiores apoiadores da sua construção foi o jornalista Mário Rodrigues Filho, diretor do Jornal dos Sports. Esse jornal esportivo fez uma cobertura diária da construção do Maracanã.

O projeto vencedor estipulou a capacidade do Maracanã para 155 mil pessoas, e a pedra fundamental do estádio foi lançada em 20 de janeiro de 1948. A construção estendeu-se por todo o ano de 1948, 1949 e parte de 1950, e a inauguração aconteceu em 16 de junho de 1950, e no dia seguinte, 17, foi realizado seu primeiro jogo. Esse jogo foi travado entre a Seleção do Rio de Janeiro e a Seleção de São Paulo, e recebeu cerca de 150 mil espectadores, que assistiram à vitória do último time por 3x1.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Eventos

O Maracanã foi palco de inúmeros eventos esportivos, incluindo duas Copas do Mundo (1950 e 2014), duas Copas América (1989 e 2019), uma Copa das Confederações (2013), um Pan-Americano (2007), uma Olimpíada (2016) e um Mundial de Clubes (2000). Além disso, lá aconteceram partidas marcantes de campeonatos, como o Brasileiro, a Copa do Brasil, o Campeonato Carioca, a Libertadores etc.

O último título da Seleção Brasileira, conquistado em 2019 durante a Copa América, aconteceu no Maracanã, quando a nossa seleção derrotou o Peru por 3x1. No Maracanã o Brasil também conquistou o torneio de futebol das Olimpíadas de 2016, quando derrotou a Alemanha nos pênaltis, após empate no tempo regulamentar de 1x1. Agora veremos um resumo de algumas dessas competições que tiveram jogos nesse estádio.

Copa do Mundo de 1950

A Copa do Mundo de 1950 foi o evento de estreia do Maracanã e cercado de expectativas para a Seleção Brasileira. As maiores seleções europeias, como Áustria, Alemanha e França, não participaram dessa Copa porque estavam focando em sua reconstrução após a guerra. Os grandes nomes desse evento eram, portanto, Brasil e Uruguai.

Na primeira fase, o Brasil, fez as seguintes partidas:

Partida

Estádio

Brasil 4x0 México

Maracanã

Brasil 2x2 Suíça

Pacaembu

Brasil 2x0 Iugoslávia

Maracanã

 

O Brasil classificou-se em primeiro lugar com cinco pontos e seguiu para o Quadrangular Final. Nesse quadrangular, ele enfrentou Suécia, Espanha e Uruguai. Nos dois primeiros jogos, o país obteve resultados expressivos, derrotando a Suécia por 7x1 e a Espanha por 6x1, e ambas partidas foram no Maracanã. Bastava empatar com o Uruguai para ser campeão.

A decisão com o Uruguai aconteceu no dia 16 de julho de 1950, e até hoje é uma das maiores tragédias esportivas do Brasil. O Maracanã estava abarrotado de gente e tinha 199.854 pessoas assistindo a esse jogo. O Brasil saiu ganhando, mas tomou a virada uruguaia com gols de Schiaffino e Ghiggia.

Os relatos contam que o Maracanã ficou em silêncio e que a Taça Jules Rimet foi entregue de maneira tímida aos uruguaios campeões. O relato do capitão uruguaio, Obdulio Varela, sobre o acontecimento resume o que foi esse evento para os brasileiros na época, quando diz que “a tristeza dos brasileiros foi muito maior que a alegria dos uruguaios”|2|.

Acesse também: A química da Taça da Copa do Mundo

Copa das Confederações de 2013

Em 2013, o Maracanã sediou a final da Copa das Confederações. O Brasil venceu a Espanha por 3x0.[2]
Em 2013, o Maracanã sediou a final da Copa das Confederações. O Brasil venceu a Espanha por 3x0.[2]

Em 2013, o Maracanã foi uma das sedes da Copa das Confederações, um evento teste realizado no ano anterior à Copa do Mundo. Essa competição teve a participação das seguintes seleções: Brasil, Uruguai, Itália, Espanha, Taiti, México, Nigéria e Japão. O Maracanã sediou duas partidas na Fase de Grupos, que foram:

  • México 1x2 Itália – Grupo A

  • Espanha 10x0 Taiti – Grupo B

A final foi disputada entre Brasil e Espanha, no 30 de junho de 2013. A partida também aconteceu no Maracanã, contou com 73.531 espectadores e teve como resultado uma vitória da Seleção Brasileira por 3x0, com dois gols de Fred e um de Neymar. Esse foi o quarto título do Brasil nessa competição, disputada pela última vez, em definitivo, na Rússia, em 2017.

Acesse também: Conheça o mascote da Copa do Mundo disputada na Rússia

Copa do Mundo de 2014

A Alemanha venceu a Argentina por 1x0 no Maracanã e conquistou a Copa do Mundo de 2014.[3]
A Alemanha venceu a Argentina por 1x0 no Maracanã e conquistou a Copa do Mundo de 2014.[3]

O Maracanã passou por uma profunda reestruturação para sediar tanto a Copa das Confederações de 2013 quanto a Copa do Mundo de 2014. A escolha do Brasil como sede deu-se em 2007, sendo o país o candidato único para receber o evento. A reconstrução do estádio foi polêmica porque modificou muito do seu design original e, além disso, foi muito cara, custando cerca de 1,4 bilhão de reais.

Outra crítica a respeito da Copa 2014 e ao Maracanã deu-se pela construção da tabela que fez com que o Brasil só pudesse jogar no principal estádio da Copa caso chegasse à final. Sabemos que isso não aconteceu porque o país sofreu uma derrota vexatória na semifinal e perdeu para a Alemanha por 7x1.

As partidas realizadas no Maracanã durante essa Copa foram as seguintes:

Partida

Fase

Argentina 2x1 Bósnia e Herzegovina

Grupo F

Espanha 0x2 Chile

Grupo B

Bélgica 1x0 Rússia

Grupo H

Equador 0x0 França

Grupo E

Colômbia 2x0 Uruguai

Oitavas

França 0x1 Alemanha

Quartas

Alemanha 1x0 Argentina

Final

 

A final foi realizada em 13 de julho de 2014, e a Alemanha venceu na prorrogação com um gol marcado por Mario Götze. Esse foi o quarto título de Copa do Mundo da Seleção Alemã. Para saber mais sobre esse evento sediado pelo nosso país, leia: Copa do Mundo de 2014.

Curiosidades

O Maracanã já sediou grandes partidas do futebol brasileiro, e presenciou o milésimo gol de Pelé, em 1969.[2]
O Maracanã já sediou grandes partidas do futebol brasileiro, e presenciou o milésimo gol de Pelé, em 1969.[2]
  • O primeiro gol do Maracanã foi realizado por Didi na partida inaugural, que aconteceu em 17 de junho de 1950.

  • A capacidade atual do Maracanã é de 78 mil pessoas.

  • O Maracanã e o Estádio Azteca, na Cidade do México, foram os únicos que receberam duas finais de Copa do Mundo.

  • O maior público já registrado no Maracanã foi na decisão da Copa de 1950, totalizando 199.854 espectadores.

  • O maior público em uma partida de clubes no Maracanã deu-se em 15 de dezembro de 1963, quando 194.603 pessoas assistiram Flamengo 0x0 Fluminense pelo Campeonato Carioca.

  • Pelé marcou o seu milésimo gol no Maracanã durante a partida Vasco 1x2 Santos, em 19 de dezembro de 1969.

  • O nome “maracanã” é de origem tupi-guarani, significando “semelhante a um chocalho”. Faz referência a um pássaro chamado maracanã-guaçu, muito comum na região do estádio antes de sua construção.

  • O nome atual do Maracanã é uma homenagem ao jornalista Mário Rodrigues Filho, um dos grandes defensores de sua construção no final da década de 1940.

  • Zico é o artilheiro do Maracanã, tendo feito 333 gols nele.

Notas

|1| FRANCO JÚNIOR, Hilário. Dando tratos à bola: ensaios sobre futebol. São Paulo: Companhia das Letras, 2017. p. 32.

|2| Idem, p. 33.

Créditos das imagens

[1] spatuletail e Shutterstock

[2] A.PAES e Shutterstock

[3] AGIF e Shutterstock

Publicado por: Daniel Neves Silva
Assuntos relacionados
Copa do Mundo é realizada a cada quatro anos, com título disputado por 32 seleções
Copa do Mundo
Clique neste link do Mundo Educação e tenha acesso a uma série de informações sobre a Copa do Mundo de Futebol. Neste texto você poderá ver uma rápida definição da competição e de sua importância esportiva assim como acompanhar a evolução do evento e ter acesso a informações básicas.
Fuleco, mascote da Copa 2014
Copa do Mundo 2014 no Brasil
Após 64 anos, a Copa do Mundo volta ao Brasil em 2014. Conheça detalhes da competição e a entenda melhor.
Mascote da 21ª edição da Copa do Mundo*
Copa do Mundo Rússia 2018
Saiba tudo sobre a Copa do Mundo 2018, que será realizada em onze cidades da Rússia, de 14 de junho a 15 de julho. O Mundial de Futebol contará com a participação de 32 seleções. Serão disputados 64 jogos em doze estádios. A final acontecerá dia 15 de julho, em Moscou.
Diego Maradona
Saiba tudo sobre Diego Maradona. Veja os maiores momentos da carreira e polêmicas que envolveram sua vida pública. Saiba os prêmios recebidos pelo craque.
Taça da Copa do Mundo é uma mistura de diferentes metais e sais*
Química e a taça da Copa do Mundo
Clique agora e conheça a relação entre Química e a taça da Copa do Mundo, aprendendo qual é a verdadeira composição desse importante troféu entregue ao campeão mundial de futebol. Ele é composto em grande parte por ouro 18 quilates e por uma menor parcela do mineral malaquita.