Copa do Mundo

A Copa do Mundo é uma competição organizada pela Federação Internacional de Futebol e surgiu em 1930. Atualmente, é disputada por 32 seleções a cada quatro anos.

A Copa do Mundo é uma competição de futebol realizada pela Federação Internacional de Futebol a cada quatro anos. Esse evento é a maior e mais importante competição de futebol organizada pela Fifa e, em sua estrutura atual, é composto por 32 seleções. Os jogos acontecem em uma nação-sede determinada por meio de eleição estruturada pela própria Fifa.

A Copa do Mundo aconteceu pela primeira vez em 1930, no Uruguai. As edições de 1942 e 1946 foram canceladas pela Fifa por conta da Segunda Guerra Mundial. Com o avançar dos anos, a Copa do Mundo transformou-se em uma competição de importância mundial e de grande audiência.

A importância desse evento é claramente representada com base em dados disponibilizados pela própria Fifa. Eles mostram que a Copa de 2014, realizada no Brasil, e a de 2010, na África do Sul, contaram com cerca de 3,2 bilhões de espectadores. No caso da Copa de 2014, o jogo final, disputado entre Alemanha e Argentina, foi assistido por 1 bilhão de pessoas.

Em sua origem, a Copa do Mundo foi pensada com foco no futebol masculino. Uma competição feminina foi criada pela Fifa somente em 1991. A Copa de futebol feminino foi disputada sete vezes e conta com os Estados Unidos como maior campeão (3 títulos), seguidos por Alemanha (2), Noruega e Japão (1 título cada). A colocação máxima do Brasil foi de vice obtida em 2007, quando foi derrotado pelas alemãs na final.

Veja também: Como a Matemática pode tornar você um vidente na Copa do Mundo
 

Copa do Mundo de 1930

A primeira Copa do Mundo aconteceu em 1930, no Uruguai, e foi resultado de um esforço de anos realizado por pessoas relacionadas à Fifa, com destaqie para o papel de Jules Rimet. A realização de uma competição de futebol internacional era algo discutido internamente desde que a Federação foi fundada, em 1904.

As condições políticas para que isso acontecesse só existiram a partir da década de 1920. Atribui-se isso, em grande parte, ao esforço de Jules Rimet, considerado hoje um dos maiores responsáveis pela organização da primeira Copa do Mundo e consequente popularização do futebol em nível mundial. Esse período marcou o retorno dos debates sobre a viabilidade de se organizar tal competição.

Diversos encontros foram organizados pela Fifa em diferentes partes da Europa até que, em 1928, durante uma reunião em Amsterdã, decidiu-se pela criação da Copa do Mundo. O objetivo era estruturar um torneio organizado pela própria Fifa de forma a concorrer com a competição que acontecia nos Jogos Olímpicos (sob responsabilidade do Comitê Olímpico Internacional).

A decisão sobre qual seria a sede da primeira Copa do Mundo foi outro assunto que demandou tempo para que fosse definido. A decisão só saiu em 1929, durante uma reunião em Barcelona, com a escolha do Uruguai para receber os jogos. A candidatura uruguaia derrotou uma série de outras candidaturas europeias.

A escolha do Uruguai como sede ocorreu pelos seguintes fatores. Tratava-se de uma nação influente desportivamente falando, pois representava a maior potência do futebol à época, quando já era bicampeão olímpico. Financeiramente, a candidatura uruguaia comprometeu-se a pagar todas as despesas das nações participantes.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Essa Copa do Mundo contou com uma modesta participação europeia atribuída a dois motivos. Muitas se negaram a realizar a viagem de deslocamento até o Uruguai. Outra questão levantada é o cancelamento de participações por conta da crise econômica que atingia o mundo desde 1929.

Essa competição foi vencida pelos uruguaios, que derrotaram os argentinos na final por 4 a 2. A participação brasileira foi bem modesta, com a seleção eliminada ainda na primeira fase após dois jogos (derrota para a Iugoslávia por 2x1 e vitória contra a Bolívia por 4x0). A participação do Brasil foi prejudicada por conta do boicote dos jogadores paulistas à seleção.

Veja também: Copa do Mundo Rússia 2018


Crescimento da Copa do Mundo

À medida que o futebol se popularizou, a Copa foi se transformando em um evento de grandes proporções que mobiliza o mundo durante trinta dias. A importância da competição pode ser atualmente em diversos casos de comemorações generalizadas, sobretudo em nações de pouca tradição, como foi o caso do Panamá, por exemplo.

As primeiras Copas do Mundo (de 1930 a 1978) contaram com, no máximo, 16 participantes. A partir da edição de 1982, a competição passou a receber 24 seleções, formato que se estendeu até 1994. Em 1998, criou-se o formato atual, que conta com 32 seleções e está previsto para permanecer somente até 2022. A partir de 2026, a Copa do Mundo contará com 48 seleções.


Estatísticas

A Copa já teve a participação de seleções de todos os continentes, mas os melhores resultados foram obtidos por seleções europeias e sul-americanas. Os mais relevantes obtidos por nações de outros continentes foram:

  • África: quartas de final alcançadas por Camarões (1990), Senegal (2002) e Gana (2010).

  • Ásia: 4º lugar, conseguido pela Coreia do Sul (2002).

  • Oceania: oitavas de final, obtidas pela Austrália (2006)*.

  • América do Norte, Central e Caribe: 3º lugar, conquistado pelos Estados Unidos (1930).

Ao todo, oito nações diferentes venceram uma Copa do Mundo: três sul-americanas (em posse de 9 títulos) e cinco europeias (totalizando 11 títulos). As nações que já venceram edições de Copa do Mundo foram:

  • Brasil: 5 títulos (1958, 1962, 1970, 1994 e 2002)

  • Alemanha: 4 títulos (1954, 1974, 1990 e 2014)

  • Itália: 4 títulos (1934, 1938, 1982 e 2006)

  • Argentina: 2 títulos (1978 e 1986)

  • Uruguai: 2 títulos (1930 e 1950)

  • Espanha: 1 título (2010)

  • França: 1 título (1998)

  • Inglaterra: 1 título (1966)

A nação que mais vezes disputou uma final de Copa do Mundo, sem vencer ao menos uma, foi a Holanda, que disputou três finais e saiu derrotada em todas. Os holandeses perderam o confronto em 1974 para os alemães, em 1978 para os argentinos e, em 2010, foram derrotados pelos espanhóis. A nação que mais vezes perdeu em finais foi a seleção alemã, que saiu derrotada em 1966, 1982, 1986 e 2002.

*A Austrália não compete mais pela Oceania. Após a Copa de 2006, a Federação Australiana de Futebol filiou-se à Federação Asiática.

Copa do Mundo é realizada a cada quatro anos, com título disputado por 32 seleções
Copa do Mundo é realizada a cada quatro anos, com título disputado por 32 seleções
Publicado por: Daniel Neves Silva
Assuntos relacionados
O Catar é um país árabe localizado na Ásia Ocidental.
Catar
Descubra mais a respeito do Catar, país do Oriente Médio, localizado na península arábica. Saiba também sua história, dados sobre a economia e diversas curiosidades.
Bola oficial da copa das confederações 2009 e troféu para premiação
Copa das Confederações de 2009
Principais informações do evento que aquece os jogos da copa do mundo.
Fuleco, mascote da Copa 2014
Copa do Mundo 2014 no Brasil
Após 64 anos, a Copa do Mundo volta ao Brasil em 2014. Conheça detalhes da competição e a entenda melhor.
Mascote da 21ª edição da Copa do Mundo*
Copa do Mundo Rússia 2018
Saiba tudo sobre a Copa do Mundo 2018, que será realizada em onze cidades da Rússia, de 14 de junho a 15 de julho. O Mundial de Futebol contará com a participação de 32 seleções. Serão disputados 64 jogos em doze estádios. A final acontecerá dia 15 de julho, em Moscou.
Zakumi – África 10
Copa do Mundo de 2010
Principais informações do evento futebolístico mais importante do mundo.
Maracanã
Conheça a história do Maracanã! Veja quando ele foi construído e como foi esse processo. Relembre os principais eventos sediados nesse estádio.
Taça da Copa do Mundo é uma mistura de diferentes metais e sais*
Química e a taça da Copa do Mundo
Clique agora e conheça a relação entre Química e a taça da Copa do Mundo, aprendendo qual é a verdadeira composição desse importante troféu entregue ao campeão mundial de futebol. Ele é composto em grande parte por ouro 18 quilates e por uma menor parcela do mineral malaquita.
África do Sul 2010, a Copa da superação
África do Sul: o primeiro país africano a sediar uma Copa do Mundo de Futebol
A superação de um país afetado por uma política racial.