Whatsapp icon Whatsapp

Reticências (…)

Reticências são o sinal de pontuação usado para indicar, principalmente, hesitação ou interrupção no enunciado, deixando implícito que existe uma lacuna no discurso.
As reticências indicam interrupção, hesitação ou uma lacuna a ser preenchida.
As reticências indicam interrupção, hesitação ou uma lacuna a ser preenchida.

As reticências são um sinal de pontuação usado para representar uma interrupção ou hesitação no discurso, além de deixar uma lacuna que pode ser completada pela imaginação do leitor. É muito frequente na linguagem literária e jornalística.

Leia mais: Travessão — tem como finalidade indicar o discurso direto ou dar ênfase a trechos do texto

Resumo sobre reticências

  • São um sinal de pontuação que indica hesitação na fala ou, ainda, que houve algum tipo de interrupção no discurso.

  • Por tornarem evidente que houve uma lacuna no discurso, elas podem ser um recurso para convidar o leitor a preencher o enunciado, levando-se em conta o contexto.

  • Assumem o lugar do ponto-final; portanto, quando se usa um, não se usa o outro. No entanto, elas podem vir acompanhadas do ponto de interrogação ou do ponto de exclamação, em casos específicos.

  • Após seu uso, a palavra começa com letra minúscula caso seja a continuação do enunciado interrompido. Do contrário, quando o enunciado finalizado com reticências está completo, o seguinte se inicia com letra maiúscula.

Videoaula sobre reticências, ponto e vírgula e dois-pontos

Para que servem as reticências?

As reticências são um sinal de pontuação usado para indicar que houve uma interrupção ou uma hesitação no discurso. Elas se localizam ao final do enunciado; assim, quando uma oração termina em reticências, não é necessário incluir o ponto-final, pois elas já assumem essa função.

Na linguagem literária, é possível combinar as reticências com ponto de interrogação (...? ou ?...) e com ponto de exclamação (...! ou !...), para prolongar a entonação interrogativa ou exclamativa.

Quando se usa as reticências?

As reticências aparecem em alguns contextos recorrentes.

  • Para indicar hesitação na fala

As reticências podem mostrar uma fala pausada, interrompida por um tom de hesitação da pessoa que fala. Essa hesitação pode se originar, por exemplo, de um sentimento de surpresa, dúvida ou timidez de quem fala.

Exemplo:

Não é que eu esteja dizendo que você... Bem... Como eu posso me expressar...?

  • Para indicar interrupção da fala

As reticências podem indicar uma fala interrompida, geralmente por influências externas a quem está falando. É comum que se trate da interrupção abrupta pela fala de outra pessoa.

Exemplos:

“A senhora ia dizer que...

— Nada... nada... — atalhou a mulher.”

(Aníbal Machado)

Quando eu estava chegando lá, nós acab... Que barulho foi esse?!

  • Para representar entonação emotiva, suspiros

Nesses casos, as reticências podem vir acompanhadas do ponto de exclamação ou simplesmente substituí-lo, trazendo um ritmo que pode lembrar aquele de um suspiro.

Exemplo:

Ah...! Nada como a vida no campo...

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

  • Para realçar palavras ou expressões

As reticências também podem, com suas pausas, realçar palavras ou expressões.

Exemplo:

“E as Pedras... essas... pisa-as toda a gente!...

(Florbela Espanca)

  • Para indicar chamamento

Nesses casos, a reticência pode substituir o ponto de interrogação ou a vírgula do vocativo, pois houve uma pausa longa.

Exemplo:

Moça... Você pode me ajudar?

  • Para representar ações que se prolongam ou que não acabam

As reticências podem passar a ideia de algo que se prolonga, uma ação que não se conclui.

Exemplo:

As pesquisas continuavam, enquanto a doença se espalhava...

  • Para representar o silêncio, a ausência de resposta

Muitas vezes, as reticências são colocadas sozinhas em um enunciado para indicar silêncio vindo da ausência de resposta.

Exemplo:

— Você não cansa de ser chato assim?

...

  • Para indicar uma enumeração indefinida, que não se conclui

Nesses casos, as reticências poderiam ser substituídas por “etc.”.

Exemplo:

Eles sabem várias línguas: italiano, nheengatu, alemão, inglês...

  • Para mostrar que, embora o discurso tenha acabado, a ideia explícita no enunciado ainda não está completa

Quando as reticências têm essa função no texto, abre-se margem para que o leitor complete o raciocínio com seu próprio repertório de leitura.

Exemplo:

Eles vieram com aquele jeito deles...

O uso de letras maiúsculas e minúsculas após as reticências

As duas ocorrências são possíveis, mas há algumas tendências de acordo com o contexto.

Quando o enunciado apresenta sentido completo (apesar da ideia de interrupção ou hesitação trazida pelas reticências), o enunciado seguinte tende a se iniciar com letra maiúscula. Observe, no caso a seguir, como, mesmo com as reticências, o enunciado apresenta sentido completo, sendo que o enunciado seguinte não é uma continuação do anterior. Veja:

Pensei, balbuciei, voltei atrás... Desisti de explicar porque não valeria a pena.

Quando o enunciado seguinte às reticências estiver completando o anterior, então ele é a sua continuação, tendo sido apenas interrompido (o que é representado pelas reticências). Dessa forma, por se tratar da continuação do enunciado, a palavra seguinte às reticências tende a permanecer em letra minúscula. Observe:

Ela estava tão... empolgada que nem parecia que sabia das desvantagens.

Leia mais: Parênteses — conheça os casos de uso desses sinais de pontuação

Reticências em frases

  • Ah... Bons tempos aqueles...

  • Mas... você não retrucou nada?!

  • Você é quem sabe, Daniela...

  • Tem certeza que...?

  • — Não é possív...

    — Claro que é!

  • — Você não vai me responder?

    — ...

Exercícios resolvidos sobre reticências

Questão 1

(FUJB)

“O Brasil tem mil dias, a partir de hoje, para corrigir problemas em inúmeras áreas e poder encantar o mundo na Copa 2014. Se 52 obras de infraestrutura das 81 previstas nem começaram, no caso da legislação é pior: o projeto com as garantias para a Fifa nem foi enviado ao Congresso. Os estádios avançam, mas a seleção de Mano Menezes...”

(O Globo, 16-09-2011)

As reticências ao final do texto têm a função de:

A) omitir informações que não são pertinentes.

B) reduzir o espaço gráfico ocupado pela notícia.

C) evitar problemas com críticas sem fundamento.

D) dar espaço à imaginação do leitor.

E) reforçar as críticas realizadas no texto.

Resolução: Alternativa D. Ao não completar o enunciado, o intuito do autor do texto é deixar que o leitor imagine o restante dele.

Questão 2

(Faperp)

Tirinha de exercício sobre reticências

No penúltimo quadrinho, as reticências indicam que:

A) Lucy estava com dúvida em relação ao pensamento que desejava expressar.

B) A fala de Lucy está completa, mas não o pensamento que desejava expressar.

C) Lucy pretendia levar Charlie Brown a criar uma expectativa negativa em relação ao que ele havia enunciado.

D) Lucy pretende realçar o que acabou de dizer.

Resolução: Alternativa B. Embora Lucy tenha completado sua fala, ainda há uma lacuna não expressa, indicada pelas reticências.

Publicado por Guilherme Viana

Artigos Relacionados

As alterações propostas no Novo Acordo Ortográfico têm como propósito a uniformização da modalidade escrita da língua portuguesa nos países lusófonos
Acento circunflexo no Novo Acordo Ortográfico
Você sabe o que mudou no uso do acento circunflexo com o Novo Acordo Ortográfico? Clique e aprenda!
Acentuação no Novo Acordo Ortográfico
Interaja-se com as novas mudanças ocorridas depois da reforma ortográfica!
Acordo ortográfico
Saiba tudo sobre as novas regras!
O emprego do hífen
Constate algumas informações de relevante importância!
Dúvidas quanto ao uso da vírgula
Uso da Vírgula
Saiba tudo sobre o uso da vírgula. Entenda de que maneira essa pontuação auxilia na construção de sentidos em um texto.
video icon
Enem
Pré-Enem | Especiação
O Pré-Enem é o intensivo preparatório do Brasil Escola para o Enem. Nele nós separamos os principais temas que devem ser estudados a menos de três meses do exame. Nesta aula, vamos falar sobre especiação com o professor Fred Mata!

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Videoaula Brasil Escola
Filosofia
Anaxágoras
Assista nossa videoaula para entender mais sobre o pensamento pluralista de Anaxágoras.
video icon
Videoaula Brasil Escola
Guia de Profissões
Publicidade e Propaganda
Que tal conhecer um pouco mais sobre as funções de um publicitário?
video icon
Videoaula Brasil Escola
Inglês
Estrangeirismo
Nessa videoaula você entende sobre o estrangeirismo na música "Samba do Approach."