Whatsapp icon Whatsapp

Parênteses

Os parênteses são um sinal de pontuação cuja finalidade é indicar a rubrica em textos teatrais ou indicar o acréscimo de informações acessórias.
Você conhece as regras de uso dos parênteses?
Você conhece as regras de uso dos parênteses?

Os parênteses são um par de sinais de pontuação cuja representação é: ( ). Sua finalidade é indicar a rubrica nos textos teatrais escritos e, nos demais gêneros e tipos textuais, é intercalar informações acessórias (observações, significados de siglas ou de palavras, adendos, curiosidades etc.).

 Como se escreve PARÊNTESES?

Embora pareça uma pergunta óbvia, há aqui uma peculiaridade: as formas PARÊNTESES e PARÊNTESIS são corretas e sinônimas. Isso significa que, mesmo que a primeira seja mais comum, a segunda também é correta e tem a mesma finalidade.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Leia também: Cinco erros de português cometidos por redatores

Quando usar os parênteses

  • Para indicar RUBRICA:

A rubrica é um recurso utilizado em textos teatrais para substituir o narrador. Por meio dela, oferecem-se ao leitor informações cênicas (cenário, personagens que estão no palco, suas vestimentas, aparência, posição etc.). É um recurso que sempre vem intercalado por parênteses.

Segue abaixo um trecho do texto teatral intitulado “Álbum de Família”, escrito por Nelson Rodrigues, em 1945:

Cena 1

(Palco menor: cena mostra ângulo de um dormitório de colégio. Glória e Teresa entram rindo muito, como se brincassem de esconde-esconde. Ambas em finíssimas camisolas, muito transparentes. São meninas que aparentam 15 anos. Há entre as duas um ambiente de sonho. Quando a música termina, Teresa fala)

TERESA – Você jura?

GLÓRIA – Juro.

TERESA – Por Deus?

GLÓRIA – Claro!

(Nota importante: o sentimento de Teresa é mais ativo; Glória resiste mais ao êxtase)

TERESA – Então, quero ver. Mas, depressa, que a irmã pode vir.

GLÓRIA (erguendo a cabeça) – Juro que...

TERESA (retificando) – Juro por Deus...

GLÓRIA – Juro por Deus...

  • Para introduzir informações acessórias:

Os parênteses podem ser usados para introduzir toda espécie de informação considerada acessória no texto (comentários; significado de siglas, de palavras ou de expressões; possibilidades de leitura; enumerações; exemplificações; referências bibliográficas, nascimento e morte etc.). Veja algumas dessas situações:

  • Significado de siglas:

Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o Brasil tem mais de 200 milhões de habitantes.

  • Significados de palavras ou de expressões:

Os parênteses servem para introduzir um adendo (observação, curiosidade ou ideia acessória sobre algo).

  • Possibilidades de leitura:

Qualquer aluno(a) poderá se candidatar ao grêmio estudantil.

O(s) aluno(s) retirado(s) de sala deve(m) procurar a secretaria da escola.

  • Referências bibliográficas:

"O homem nasceu livre, e em toda parte se encontra sob ferros." (Jean-Jacques Rousseau, Do Contrato Social e outros escritos. São Paulo, Cultrix, 1968.)

  • Exemplos:

Países desenvolvidos (como Estados Unidos e China) deveriam fazer mais pela natureza.

  • Ano de nascimento e de morte:

Carlos Drummond de Andrade (1902-1987) é um dos mais importantes poetas contemporâneos do Brasil.

Leia também: Cinco dicas sobre dúvidas verbais

Diferença entre parênteses e travessão

Os parênteses são utilizados para indicar que a ideia intercalada é acessória, ou seja, algo a mais para a construção do texto, sem o qual ainda se conseguiria atingir o objetivo comunicativo. O travessão, por sua vez, tem finalidade oposta: serve para dar ênfase, para destacar o elemento por ele intercalado.

Veja:

O Brasil – o maior produtor e exportador de carnes do mundo – acaba de lidar com um escândalo sem precedentes envolvendo as maiores empresas de frigorífico do mundo. Além de casos de corrupção, houve denúncias de violação de normas sanitárias e de uso de matéria-prima inapropriada para produção de embutidos.

Observe que, no parágrafo acima, os travessões substituíram as vírgulas que isolavam o aposto explicativo com o intuito de destacar o trecho, ou seja, dar-lhe ênfase.   

Publicado por Jairo Beraldo
Assista às nossas videoaulas

Artigos Relacionados

O ponto de interrogação é usado para marcar a entonação de pergunta na linguagem escrita.
Ponto de interrogação
Aprenda mais sobre o ponto de interrogação, entendendo para que serve esse sinal e quando é utilizado. Descubra quando ele pode ser acompanhado de outros sinais.
video icon
Filosofia
Jacques-Bénigne Bossuet
Jacques Bossuet foi um teólogo e clérigo francês que reforçou a teoria do direito divino. Podemos dizer que as teorias de Bossuet influenciaram fortemente o chamado Rei Sol, o rei Luís XIV, da França. Clique aqui e confira a nossa aula!

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Videoaula Brasil Escola
Inglês
Genitive Case
É hora de aperfeiçoar sua gramática na Língua Inglesa. Assista!
video icon
Videoaula Brasil Escola
Sociologia
Democracia racial
Você sabe o que significa democracia racial? Clique e nós te ensinamos!
video icon
Tigres Asiáticos
Geografia
Tigres Asiáticos
Assista à nossa videoaula sobre os Tigres Asiáticos, e conheça as razões do desenvolvimento rápido desses territórios.