Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Artes
  3. Grafite

Grafite

Grafite é um tipo de manifestação artística surgida em Nova York, nos Estados Unidos, na década de 1970. Consiste em um movimento organizado nas artes plásticas, em que o artista cria uma linguagem intencional para interferir na cidade, aproveitando os espaços públicos da mesma para a crítica social.

No Brasil, o grafite chegou ao final dos anos de 1970, em São Paulo. Hoje o estilo desenvolvido pelos brasileiros é reconhecido entre os melhores do mundo.

O movimento apareceu quando um grupo de jovens começou a fazer desenhos nas paredes da cidade, ao invés de apenas escrever. É considerado por muitos como um ato de vandalismo, por sujar as paredes. Nesse caso são chamados de pichação, vistas apenas como diversão para provocar as pessoas.

As primeiras expressões apareceram nos muros de Paris em maio de 1968, com a revolução contracultural. O grafite está ligado a movimentos como o hip hop.

A tinta mais usada pelos grafiteiros é o spray em lata. O látex é aplicado sobre máscaras vazadas, para demarcar a região a ser pintada.
Grafite: manifestação artística muitas vezes considerada como vandalismo.
Grafite: manifestação artística muitas vezes considerada como vandalismo.
Publicado por: Thiago Ribeiro
Assuntos relacionados
Acima, um recorte de jornal com o manifesto da arte concreta, de 1930
Concretismo
Saiba mais sobre o Concretismo e os seus principais representantes dentro e fora do Brasil.
Basílica de Santa Maria
Arte Gótica
Arte Gótica, o que é Arte Gótica, a evolução da Arte Gótica, a divisão da Arte Gótica, a pintura da Arte Gótica, a arquitetura na Arte Gótica.
Acima, um selo alemão com a reprodução da obra “Cavalo na paisagem”, de Franz Marc*
Expressionismo
Conheça as principais características do Expressionismo, movimento artístico vanguardista que surgiu na Alemanha.
O barroco teve grande importância no reforço dos valores religiosos disseminados no Brasil Colonial.
A arte barroca no Brasil
A arte barroca se consolidou no Brasil durante o século XVIII.