Whatsapp icon Whatsapp

Húmus de minhoca

O húmus de minhoca é um adubo natural de baixo custo resultante da decomposição de matéria orgânica digerida por esse anelídeo.
O húmus de minhoca é a excreção desse anelídeo
O húmus de minhoca é a excreção desse anelídeo

Denominamos de húmus todo o material de natureza orgânica que sofre degradação no solo. Já o húmus de minhoca é um tipo de adubo produzido por minhocas a partir de restos de matéria orgânica (animais e vegetais). É a excreção desse animal.

As minhocas ingerem os restos orgânicos que, ao passar pelo intestino, sofrem transformações ocasionadas pela presença de micro-organismos e algumas substâncias químicas, tais como hormônios. O húmus liberado por esses animais apresenta-se escuro, de modo semelhante ao pó de café, e seu odor assemelha-se ao de solo de mata.

O húmus de minhocas é uma substância que confere uma nutrição de qualidade para as plantas, além de prevenir algumas doenças. Ele possui diversos nutrientes, tais como nitrogênio, fósforo e potássio, além de alguns hormônios. Todos esses nutrientes são facilmente absorvidos pela planta, o que torna o húmus de minhoca muito eficiente. Vale lembrar que as minhocas, além de produzirem esse importante adubo, são responsáveis também pela aeração do solo e, portanto, são ótimas para a agricultura.

O húmus de minhoca é uma forma de adubação muito barata que pode ser usada facilmente por qualquer produtor. A produção desse adubo pode ser realizada na própria propriedade, o que diminui custos com a aquisição de insumos industriais.

A implantação de minhocários pode ser uma alternativa para alguns agricultores como forma de reduzir alguns custos com adubação. A minhoca mais utilizada para implementação da minhocultura é a espécie conhecida como Vermelha-da-Califórnia, pois se reproduz rápido e consome grande quantidade de matéria orgânica. O material utilizado como matéria-prima geralmente é esterco de animais, entretanto, podem ser usadas cascas de frutas e verduras, restos de poda, entre outros. É importante que materiais que atraem ratos e baratas não sejam usados, tais como restos de comida.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A EMBRAPA (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) tem desenvolvido diversas técnicas para a construção de um minhocário barato e eficiente. Entre uma dessas técnicas, pode-se destacar o minhocário campeiro de bambu, em que todas as paredes laterais são feitas de bambu entrelaçado. O ideal é que seja montado ao ar livre, em local com sombra e relativa declividade para que não se acumule muita água. Para que a água das chuvas não o destrua, pode ser feita uma tampa com bambu ou, então, cobrir a estrutura com folhas. Depois de montada a estrutura, deve-se forrar o fundo do minhocário com sombrite ou filme plástico perfurado. Em seguida, coloca-se uma grande população de minhocas no fundo, cobrindo-as com resíduo orgânico.

O húmus de minhoca é, sem dúvidas, uma grande alternativa para o produtor rural diminuir gastos na sua produção. Além disso, é uma forma de aproveitar os resíduos orgânicos que são produzidos em uma propriedade e melhorar a qualidade do solo.

Publicado por Vanessa Sardinha dos Santos

Artigos Relacionados

A minhoca é um exemplo de oligoqueta, anelídeo com pouca cerda
Classificação dos anelídeos
Saiba mais sobre a classificação dos anelídeos e aprenda já a característica de cada grupo!
video icon
Português
Como fazer ótimos títulos na redação?
Como é possível fazer bons títulos? Nesta aula, o professor Guga Valente vai apresentar ótimas ideias e dar dicas de como conseguir nomear bem seus textos.

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Sigmund Freud
Filosofia
Sigmund Freud
Nessa videoaula você conhecerá mais sobre a vida e estudos do "pai" da psicanálise.
video icon
Thumb Brasil Escola
Literatura
Realismo fantástico
Trazemos uma análise sobre realismo fantástico. Assista já!
video icon
Thumb Brasil Escola
Química
Funções orgânicas
Tire um tempo para entender melhor o que são as amidas