Whatsapp icon Whatsapp

Protozoários

Protozoário ameboide
Protozoário ameboide
Na classificação dos seres vivos em cinco reinos, os protozoários, assim como as algas, pertencem ao Reino Protoctista. Ele é considerado um grupo artificial, uma vez que a origem de seus representantes não é única, ou seja: não parte do mesmo ancestral.

Os protozoários, apesar de também serem unicelulares, como as bactérias, são eucarióticos. Esses organismos vivem, geralmente, em água-doce, mas também são encontrados em água salgada, regiões lodosas e solo úmido; e alguns são parasitas, como o Trypanosoma cruzi, causador da doença de Chagas.

São heterotróficos, utilizando o fagossomo - que se transforma em um vacúolo digestivo - para sua digestão intracelular. Além disso, alguns possuem vacúolos contráteis, auxiliando na expulsão de água em excesso, acumulada no interior do indivíduo.

A maioria dos representantes desse grupo tem respiração aeróbica, absorvendo oxigênio por difusão. Dependendo das condições ambientais, alguns protozoários podem formar cistos, retomando sua conformação original em condições favoráveis.

Quanto à reprodução, podem dar origem a novos indivíduos a partir da divisão binária ou múltipla. Nessa, o núcleo se multiplica várias vezes e depois a célula se divide em várias outras. Sexuadamente, podem reproduzir-se por conjugação. Algumas espécies, ainda, apresentam alternância de gerações.

Esses organismos também descendem de linhagens ancestrais distintas e, dessa forma, a classificação de seus representantes ainda se encontra controversa. Uma proposta para o ensino de Ciências e Biologia, até segunda ordem, é a seguinte:

- Ameboides: indivíduos que se locomovem por pseudópodes. Alguns possuem essas estruturas bastante afiadas, sustentadas por um eixo central, que fazem com que o protozoário assuma “forma de sol”.

- Esporozoários:
parasitas, dotados de complexo apical em pelo menos uma etapa de suas vidas. Não possuem estruturas de deslocamento.

- Ciliados:
possuem cílios como estrutura de locomoção e que, algumas vezes, também auxiliam na alimentação. A maioria é de vida livre.

- Flagelados: se locomovem ou obtêm alimento por meio de flagelos. Alguns são aquáticos e outros, parasitas.

- Foraminíferos: possuem carapaça externa, formada geralmente por carbonato de cálcio. A maioria é marinha.

Por Mariana Araguaia
Graduada em Bilogia
Publicado por Mariana Araguaia de Castro Sá Lima
Assista às nossas videoaulas
video icon
"Nietzsche e os sentidos da vida" escrito sobre fundo cinza ao lado da imagem do filósofo Nietzsche
Filosofia
Nietzsche e os sentidos da vida
Nietzsche pode ser alçado como um daqueles teóricos que deu dicas de como viver com base em sua erudição? Ele mesmo, não. O que ele nos deixou foi uma crítica sobre diversos modos de vida, além de ter apontado uma espécie de psicologia do sujeito. Nós, contemporâneos, é que, na busca por sentido de viver em um modo de vida sem sentido, volta e meia retomamos a filosofia de Nietzsche para não ficarmos loucos. Assista a este vídeo e entenda!

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Pessoa com as pernas na água
Saúde e bem-estar
Leptospirose
Foco de enchentes pode causar a doença. Assista à videoaula e entenda!
video icon
fone de ouvido, bandeira do reino unido e caderno escrito "ingles"
Gramática
Inglês
Que tal conhecer os três verbos mais usados na língua inglesa?
video icon
três dedos levantados
Matemática
Regra de três
Com essa aula você revisará tudo sobre a regra de três simples.