Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Química
  3. Físico-Química
  4. Soluções
  5. Coloides ou Dispersões Coloidais

Coloides ou Dispersões Coloidais

Quando misturamos um soluto num solvente, existem três tipos de dispersões que podem ser formadas: as soluções, os coloides e suspensões.

As soluções verdadeiras são homogêneas, isto é, conseguimos observar (a olho nu ou com um microscópio) uma única fase, pois o tamanho das partículas dispersas são menores que 1 nm. Além disso, não é possível separar seus componentes por meio de processos físicos, como uma filtração.

O oposto total são as suspensões, que são heterogêneas. Observamos duas fases ou mais, sendo que o tamanho das partículas dispersas é acima de 1000 nm e é possível separar seus componentes usando processos físicos, essas partículas podem ser retidas por um filtro.

Já os coloides são suspensões que se situam entre esses dois tipos de dispersões. A olho nu, achamos que o coloide é uma solução verdadeira, mas, com a ajuda de um microscópio, notamos que na verdade se trata de uma mistura heterogênea.

Por exemplo, o leite é um coloide no qual vemos apenas uma fase branca, mas, sob o olhar do microscópio, percebemos que existem gorduras dispersas na água.

Visão do leite com microscópio

O tamanho das partículas dispersas nos coloides está entre 1 e 1000 nm e elas não se sedimentam sob ação da gravidade, mas ficam dispersas em toda a extensão da dispersão. Para separá-las, pode-se usar uma ultracentrífuga.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O sangue é outro exemplo de coloide. A seguir, temos uma amostra de sangue que a olho nu parece ser homogênea, mas no microscópio vemos os seus componentes. Na imagem introdutória deste texto, vemos que as suas partículas se sedimentaram com o uso da ultracentrífuga.

Visão de sangue no microscópio

Uma das propriedades que os coloides apresentam é a de dispersar a luz que atravessa suas partículas. Entenda como isso acontece lendo o texto Efeito Tyndall.

Existem vários tipos de misturas que são dispersões coloidais, por isso foi feita uma classificação desses coloides de acordo com o tipo de solvente e soluto que o compõem. Segundo essa classificação, temos cinco tipos de coloides, que são:

1- Espuma: Gás disperso em sólido ou líquido. Exemplos: pedra-pome, clara em neve, chantilly, esponja.

2- Emulsão: Líquido disperso em outro líquido ou sólido. Exemplos: leite, maionese, queijo e manteiga.

3- Sol: Sólido disperso num líquido. Exemplos: sangue, rubis, pérolas e solução de goma.

4- Gel: Líquido disperso num sólido. Exemplos: gel de cabelo, gelatina.

5- Aerossol: Sólido ou líquido disperso em gás. Exemplos: fumaça, neblina, nevoeiros, spray e umidificador de ar.

Exemplos de Coloides

O sangue não é uma mistura homogênea, na verdade, é um coloide. Veja na imagem que depois de ser centrifugado, suas partículas dispersas sedimentam-se
O sangue não é uma mistura homogênea, na verdade, é um coloide. Veja na imagem que depois de ser centrifugado, suas partículas dispersas sedimentam-se
Publicado por: Jennifer Rocha Vargas Fogaça
Assista às nossas videoaulas
Assuntos relacionados
Papel tornassol
Indicadores e pH
Indicadores, solução de fenolftaleína, papel tornassol vermelho, papel tornassol azul, suco do repolho roxo, solução ácida, solução básica, arranjo dos átomos, compostos básicos, meio básico, meio ácido, pH, pHmetro, solução ácida.
Flotação de minério de cobre em indústria na Austrália *
Flotação – um processo de separação de misturas
Conheça o processo de separação de misturas conhecido como flotação, muito usado em tratamentos de águas poluídas e na separação e extração de minérios.
Etapa de floculação em Estação de Tratamento de Água
Floculação
Conheça uma das principais etapas do tratamento de água, a floculação.
O leite condensado é uma mistura de consistência semilíquida
Como é feito o leite condensado?
Você sabe como é feito o leite condensado? Clique aqui e aprenda o que é essa deliciosa mistura formada por leite e açúcar e conheça ainda quais são as etapas do processo de obtenção desse produto que se tornou um importante ingrediente na elaboração de diversas receitas de doces e mudou a prática da confeitaria.
Saber que alguns elementos de determinadas famílias na Tabela Periódica possuem o NOX fixo ajuda no cálculo do NOX dos outros elementos do composto
Número de Oxidação (NOX)
Aprenda várias regras que ajudam a calcular o número de oxidação (NOX) dos compostos de uma forma bem fácil.