Pilhas alcalinas

As pilhas alcalinas são um tipo de pilha com a base de funcionamento muito parecida com a pilha seca de Leclanché, a pilha comum. A diferença consiste no fato de a pilha de Leclanché ser ácida em razão da hidrólise do cloreto de amônio (NH4Cl(aq)). Este sal é produzido de uma reação entre uma base fraca e um ácido forte, por isso, quando ele sofre hidrólise, o meio fica ácido.

na pilha alcalina, esse composto é substituído por uma substância básica, como o hidróxido de potássio (KOH) ou o hidróxido de sódio (NaOH). Nesse caso, a reação global e as semirreações que garantem o funcionamento dessa pilha são:

Ânodo: Zn + 2 OH →  ZnO  + H2O + 2e-
Cátodo: 2 MnO2 + H2O + 2e-→ Mn 2O3 + 2 OH
Reação global: Zn   +2 MnO2→  ZnO  + Mn 2O3

Essa alteração faz com que a pilha dure mais (cerca de 5 a 8 vezes mais que a pilha ácida). Isso se deve a pincipalmente três consequências do uso do hidróxido de potássio:

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Fatores que fazem uma pilha alcalina durar mais que uma ácida
Fatores que fazem uma pilha alcalina durar mais que uma ácida
.

O uso dessa pilha se torna melhor e mais seguro por ainda outro motivo: o eletrólito alcalino impede que ocorram reações quando a pilha não está em uso. Já na pilha ácida, se ela estiver armazenada dentro do aparelho elétrico, acontecerão reações que provocam a corrosão e o vazamento do material em seu interior. Visto que a pilha possui metais pesados e tóxicos, esse fato constitui um grande perigo à saúde.

Desse modo, o que diferencia basicamente uma pilha alcalina é o fato de possuir uma base como seu eletrólito. Por isso, a pilha alcalina pode ser de:

• Ferro-níquel;
• Prata-zinco;
• Mercúrio-zinco;
• Zinco-manganês, e;
• Níquel-cádmio.

Esquema da pilha alcalina por dentro
Esquema da pilha alcalina por dentro
Publicado por: Jennifer Rocha Vargas Fogaça
Assista às nossas videoaulas
Assuntos relacionados
As pilhas e baterias, sem as quais não conseguimos viver, são resultantes dos estudos da Eletroquímica
Eletroquímica
Introdução ao estudo da Eletroquímica — um ramo da Química que estuda os processos que ocorrem nas pilhas e na eletrólise.
O cloro utilizado em piscinas passa por Eletrólise.
Como obter cloro líquido?
Aprenda sobre Eletrólise e como esse processo transforma gases em líquidos.
Na imagem, a eletrólise para produção de hidrogênio é feita em série com o uso de um só gerador
Eletrólise em Série
A eletrólise em série é feita ligando-se várias cubas eletrolíticas, sendo que todas são submetidas ao mesmo gerador.
Medindo a força eletromotriz ou diferença de potencial de uma pilha
Diferença de potencial de uma pilha
Entenda o que é a diferença de potencial de uma pilha (ddp) ou força eletromotriz, como ela pode ser medida e também calculada.
O eletrodo de gás hidrogênio é usado como padrão de referência para se descobrir os potenciais-padrão de redução dos outros eletrodos
Potencial-padrão de redução das pilhas
Entenda como foi determinado o potencial-padrão de redução e de oxidação para cada eletrodo e consulte a tabela desses potenciais.
Ilustração da pilha de Daniell
Pilha de Daniell
Conheça a pilha de Daniell ou pilha de zinco-cobre, como ela é montada e seu funcionamento.
O potencial da pilha é calculado a partir dos potenciais de oxidação ou redução
Cálculo do potencial de uma pilha
Clique e aprenda a realizar o cálculo do potencial de uma pilha!
A equação de Nernst é utilizada no potenciômetro (representado na imagem), equipamento que mede o pH ou o Kps de uma solução
Equação de Nernst
Clique e aprenda a determinar a voltagem de uma pilha em um determinado momento do seu funcionamento por meio da Equação de Nernst!
A nave americana Apollo é movida à pilha de combustível e em 7 dias consome 680 kg de hidrogênio, produzindo 720 L de água
Pilha de Combustível
Entenda a diferença entre células e pilhas de combustíveis, sua constituição, funcionamento e por que elas vêm sendo consideradas por muitos como as pilhas do futuro.