Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Biologia
  3. Botânica
  4. Pseudofrutos

Pseudofrutos

Frutos são estruturas que, geralmente, protegem a semente, podendo auxiliar em sua dispersão - já que muitos deles servem de alimento para várias espécies animais. São formados a partir do desenvolvimento do ovário, geralmente após a fecundação. Uva, azeitona, ervilha, trigo, arroz e tipuana são alguns exemplos de frutos.

A parte comestível do caju, marmelo, maçã, pera, morango, framboesa, amora, abacaxi e figo também são frutos, certo?

ERRADO!

Observe a figura:



Todos esses exemplos dados são, na verdade, pseudofrutos. Isso se explica pelo fato de que tais regiões, apesar de serem suculentas e possuírem reservas nutritivas (além de sabores magníficos), não são formadas a partir do ovário, mas de diferentes partes de uma ou mais flores.

O fruto do caju, por exemplo, é na verdade a estrutura que costumamos chamar de castanha. Já no morango, aqueles pontinhos pretos presentes em sua superfície, denominados frutículos, é que são seus verdadeiros frutos.

Pseudofrutos podem ser do tipo simples, quando são resultantes de modificações do pedúnculo ou receptáculo de uma única flor (maçã, marmelo, pera e caju); agregados ou compostos, quando oriundos do receptáculo de uma flor com vários ovários (morango e framboesa); ou múltiplos ou infrutescências, quando são consequência do desenvolvimento de ovários de várias flores de uma inflorescência que, em razão da proximidade, desenvolveram-se agrupados (abacaxi, amora e figo).

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Por Mariana Araguaia
Graduada em Biologia

Germinação de sementes de morango.
Germinação de sementes de morango.
Publicado por: Mariana Araguaia de Castro Sá Lima
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto
Assista às nossas videoaulas
Lista de Exercícios

Questão 1

É muito comum nos alimentarmos de estruturas vegetais e pensarmos, erroneamente, que se trata de frutos. A parte suculenta que consumimos do caju, por exemplo, na realidade, não é um fruto, sendo essa estrutura chamada de pseudofruto ou fruto acessório. Por que a parte suculenta e comestível do caju não é chamada de fruto?

a) Porque ela não possui semente.

b) Porque ela não é formada a partir do desenvolvimento do óvulo.

c) Porque ela não apresenta tecido não carpelar.

d) Porque ela é formada por um único ovário.

e) Porque ela não é formada a partir do desenvolvimento do ovário.

Questão 2

Analise todas as alternativas abaixo e marque a única que não representa um pseudofruto:

a) Caju.

b) Abacaxi.

c) Maçã.

d) Abacate.

e) Morango.

Mais Questões
Assuntos relacionados
Morfologia externa de uma raiz.
Raízes de dicotiledôneas e monocotiledôneas
Órgão que dá suporte aos vegetais, entre outras funções.
Células do parênquima amilífero contendo amiloplastos.
Tecidos parenquimáticos
Um tecido vegetal com função de preenchimento, e armazenamento.