Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Geografia
  3. Geografia humana do Brasil
  4. Extração mineral e os impactos ambientais

Extração mineral e os impactos ambientais

Os minérios são indispensáveis para a manutenção da atividade industrial, tendo em vista que produtos como automóveis, máquinas, tratores, cimento, entre outros, são fabricados a partir de matérias-primas vindas dessa extração.

A exploração mineral se tornou mais evidente a partir da Primeira Revolução Industrial (final do século XVIII, início do século XIX), quando a produção em massa intensificou a extração de minérios para abastecer a crescente indústria. Com o crescimento populacional mundial houve a necessidade de retirar da natureza um volume cada vez maior desse tipo de recurso.

A atividade mineradora e o garimpo promovem impactos diretos na natureza, levando a deterioração do ambiente. Tanto o garimpo quanto a mineração extraem recursos que se encontram no solo ou no subsolo, de onde são retirados diversos tipos de minérios (ouro, prata, minério de ferro, estanho, bauxita e muitos outros).

Minérios, como o carvão e o petróleo, são utilizados como recursos energéticos e matéria-prima. Atualmente é impossível imaginar que a sociedade deixe de explorar os minérios existes ao longo da litosfera terrestre, uma vez que são fundamentais para o desenvolvimento industrial.

No Brasil, a extração de pedras preciosas ou semipreciosas é desenvolvida por uma atividade denominada de garimpo, nela são obtidos ouro, diamante, esmeralda, cassiterita e etc. A garimpagem geralmente é executada de forma tradicional nas margens de rios, em locais que recebem grande volume de sedimentação e em planícies fluviais, principalmente nas Bacias hidrográficas do Amazonas e do Paraguai.

O garimpo mecanizado produz profundos impactos nos ambientes fluviais, destruindo as margens dos rios e modificando profundamente a paisagem. Sem contar que contamina as águas com aplicação de mercúrio e outros detritos; o prejuízo ambiental é muito elevado, pois os rios são assoreados, a fauna é contaminada, a cobertura vegetal é retirada e compromete a saúde do homem.

Os danos gerados nas áreas onde são desenvolvidas a mineração ou garimpagem são irreversíveis. Diante desses fatos percebemos que a lucratividade oriunda da extração mineral fica nas mãos de uma minoria e os prejuízos ambientais para toda a população atual e também futura.
A atividade mineradora provoca danos irreversíveis na natureza.
A atividade mineradora provoca danos irreversíveis na natureza.
Publicado por: Eduardo de Freitas
Assuntos relacionados
Conjunto de diferentes minerais de uso econômico
Minerais
As principais características dos minerais, suas propriedades, classificação e os critérios utilizados para suas caracterizações.
O setor de serviços é o que mais cresce no Brasil.
População economicamente ativa do Brasil
Entenda o que é, como é dividida e quais as características específicas da população economicamente ativa do Brasil.
A agropecuária é uma importante atividade ligada ao setor primário
Setor Primário da Economia
Compreendas as principais atividades e a relevância do setor primário da economia.
Rochas e minerais: qual será a diferença?
Diferença entre rochas e minerais
Confira qual é a diferença entre rochas e minerais, além de conhecer os conceitos desses importantes elementos das Ciências da Terra.
Brumadinho é uma cidade localizada em Minas Gerais e está na região metropolitana de Belo Horizonte
Desastre ambiental em Brumadinho
Entenda o desastre ambiental que ocorreu em Brumadinho (MG): saiba o que aconteceu com a barragem, tenha informações sobre o número de mortes e desaparecidos, além de compreender os problemas ambientais ocasionados em decorrência dessa tragédia. Veja também a reação de algumas organizações ligadas ao meio ambiente.
A presença de indústria no Brasil iniciou-se em 1930 e intensificou-se a partir de 1950
Espaço Industrial Brasileiro
As principais caraterísticas do espaço industrial brasileiro e as transformações em sua dinâmica com o passar do tempo.