Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Química
  3. Tabela periódica
  4. Classificação dos Elementos

Classificação dos Elementos

Os elementos químicos da Tabela Periódica são classificados em cinco grandes grupos: metais, ametais (ou não metais), semimetais, gases nobres e hidrogênio.

Essa divisão pode ser vista por cores, na Tabela Periódica abaixo:

Classificação dos Elementos Químicos na Tabela Periódica.

  •   Metais: os metais constituem a maior parte dos elementos existentes (dois terços). Eles estão representados pela cor amarela na Tabela acima e correspondem a 87 elementos.

Em temperatura ambiente eles são duros, sólidos, com exceção apenas do mercúrio (Hg), que é líquido. São condutores de calor e eletricidade. O metal é caracterizado também por sua maleabilidade (capacidade de ser moldado) e pela sua ductilidade (capacidade de formar fios, como, por exemplo, os fios de cobre, usados em fios de transmissão de energia elétrica). Além disso, apresenta um “brilho metálico” característico.

Os elementos das famílias ou grupos 1 (IA) e 2 (IIA), são, respectivamente, denominados metais alcalinos (do árabe álcali, “cinza de plantas”) e metais alcalinoterrosos (com o sentido de “existir na terra”).

O grupo dos metais pode ser subdividido em três partes:

  •   Metais representativos, típicos ou característicos: são 19 elementos pertencentes às colunas “A”*.
  •   Metais de transição: são 32 elementos pertencentes às colunas 3 a 12 ou 3B, 4B, 5B, 6B, 7B, 8B, 1B e 2B*.
  •   Metais de transição interna: são 26 elementos da série dos Lantanídeos e dos Actinídeos.
  •   10 metais não se encaixam em nenhum desses.

 

  •   Ametais ou Não metais: são os 11 elementos indicados na Tabela acima pela cor rosa: Carbono (C), Nitrogênio (N), Fósforo (P), Oxigênio (O), Enxofre (S), Selênio (Se), Flúor (F), Cloro (Cl), Bromo (Br), Iodo (I) e Astato (At).

Esses elementos possuem as características opostas dos metais, ou seja, não são bons condutores de calor e eletricidade. Pelo contrário, a maioria funciona como isolante (apenas a grafita (Cn(s)) é boa condutora de calor e eletricidade). Eles não possuem brilho característico (com exceção do iodo (I2(s)) e da grafita, já mencionada), e fragmentam-se.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
  •   Semimetais: esta nomenclatura está em desuso, pois a IUPAC (União Internacional de Química Pura e Aplicada) não reconhece mais essa classificação desde 1986. Entretanto, em muitas Tabelas sete elementos ainda são classificados dessa forma, pois possuem características intermediárias às dos metais e às dos ametais.

Nas Tabelas Periódicas em que essa classificação não é mais usada, os elementos Germânio (Ge), Antimônio (Sb) e o Polônio (Po) são considerados metais. E os elementos Boro (B), Silício (Si), Arsênio (As) e o Telúrio (Te) são não metais.

O Silício é um dos semimetais mais importantes hoje, pois a partir de suas lâminas extremamente finas é que se fabricam os chips.

  •   Gases Nobres: representam os elementos da família 18 (0 ou VIII A), que são, respectivamente: hélio, neônio, argônio, criptônio, xenônio e radônio. Esses elementos são gasosos na temperatura ambiente e, normalmente, são encontrados na natureza em sua forma isolada, pois assim são mais estáveis. Além disso, eles não formam compostos com outros elementos espontaneamente.
  •   Hidrogênio: esse elemento não se enquadra em nenhum grupo da Tabela Periódica. Em algumas Tabelas ele aparece na família dos alcalinos, por possuir um elétron em sua camada de valência. Aliás, essa é sua única camada eletrônica. Porém, suas características não são semelhantes às dos elementos dessa família.

O hidrogênio é o elemento mais abundante no universo, pois pode se combinar com metais, ametais e semimetais. É um gás extremamente inflamável, em temperatura ambiente, e normalmente é encontrado nas altas camadas da atmosfera ou combinado com outros elementos.

O hidrogênio liquefeito é utilizado como combustível de foguetes.


* Atualmente o recomendado é que os nomes dos grupos ou famílias sejam indicados pelos números de 1 a 18 e não pelos algarismos romanos acompanhados das letras A e B. Porém, nesse texto resolvemos incluir esses termos por serem ainda bastante difundidos e para que fique mais fácil a identificação na Tabela Periódica.

Dois terços dos elementos da Tabela Periódica são classificados como metais
Dois terços dos elementos da Tabela Periódica são classificados como metais
Publicado por: Jennifer Rocha Vargas Fogaça
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto
Assista às nossas videoaulas
Lista de Exercícios

Questão 1

(UEFS)Existe um conjunto de elementos químicos que apresenta como principais características: maus condutores de calor, opacos, não dúcteis e não maleáveis. Os elementos que apresentam essas características são denominados:

a) semimetais

b) gases nobres

c) não metais

d) elementos de transição simples

e) elementos de transição interna

Questão 2

Na Tabela Periódica, existe um elemento que possui características únicas. Dos elementos apresentados a seguir, quem é esse elemento singular?

a) oxigênio

b) hidrogênio

c) hélio

d) estanho

e) neônio

Mais Questões
Assuntos relacionados
Colunas verticais e horizontais da Tabela Periódica
Períodos e Famílias da Tabela Periódica
Conheça como são organizados os períodos e as famílias da Tabela Periódica!
Os elementos destacados em verde são os semimetais na Tabela Periódica
Semimetais
Conheça quais são os sete elementos classificados como semimetais na Tabela Periódica e veja se essa classificação ainda está correta segundo a IUPAC.
Os elementos representativos estão coloridos na Tabela Periódica acima
Elementos Representativos
Aprenda a identificar na Tabela Periódica quais são os elementos representativos e veja algumas de suas propriedades e aplicações.
Valores de eletronegatividade dos elementos da Tabela Periódica segundo Linus Pauling
Eletronegatividade
Conheça umas das propriedades periódicas mais importantes, a eletronegatividade.
Os quatro novos elementos da Tabela Periódica
Novos elementos da Tabela Periódica
Conheça por intermédio deste texto os quatro novos elementos da Tabela Periódica!
Botes salva-vidas podem ser inflados a partir de reações com hidróxidos
Reações com hidretos
Clique e aprenda os princípios e como devemos proceder na montagem de equações que representam reações com hidretos.
Siglas e nomes dos novos elementos químicos
Nomes dos novos elementos químicos
Conheça quais são os nomes dos novos elementos químicos da Tabela Periódica e as razões que levaram à escolha de cada nome.
Localização dos calcogênios na tabela periódica
Calcogênios
Clique e conheça o que são os calcogênios por meio da distribuição eletrônica e das características gerais desse importante grupo da tabela periódica.
O tecnécio é um dos quatro elementos cisurânicos
Elementos cisurânicos
Conheça cada um dos elementos denominados cisurânicos, suas características, localização na tabela periódica e utilizações.
Distribuições eletrônicas dos elementos representativos terminam em s ou p
Distribuição eletrônica dos elementos representativos
Aprenda, clicando aqui, como é a distribuição eletrônica dos elementos representativos. Você poderá verificar que esses elementos apresentam um padrão com relação ao subnível mais energético (local de maior energia de um átomo), que, nesse caso, sempre serão os subníveis e ou p, na camada de valência.
Elementos de Transição Interna e Externa
Aprenda a localizar na Tabela estas classes de substâncias.
A familía dos metais alcalinos compreende os elementos da família 1 ou IA
Metais Alcalinos
Os elementos da família 1 ou IA são denominados metais alcalinos por estarem presentes em cinzas de plantas.