Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Química
  3. Química Ambiental
  4. Descarte correto de pilhas e baterias usadas

Descarte correto de pilhas e baterias usadas

As pilhas e baterias de uso doméstico apresentam um grande perigo quando descartadas incorretamente. Na composição dessas pilhas são encontrados metais pesados como: cádmio, chumbo, mercúrio, que são extremamente perigosos à saúde humana. Dentre os males provocados pela contaminação com metais pesados está o câncer e mutações genéticas.

Só para esclarecer, as pilhas e baterias em funcionamento não oferecem riscos, uma vez que o perigo está contido no interior delas. O problema é quando elas são descartadas e passam por deformações na cápsula que as envolvem: amassam, estouram, e deixam vazar o líquido tóxico de seus interiores. Esse líquido se acumula na natureza, ele representa o lixo não biodegradável, ou seja, não é consumido com o passar dos anos. A contaminação envolve o solo e lençóis freáticos prejudicando a agricultura e a hidrografia.

Justamente por serem biocumulativas é que surgiu a necessidade do descarte correto de pilhas e baterias usadas.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)


Como a própria ilustração já diz, o que não pode ser feito é o descarte desses materiais no lixo comum. Já existem leis que obrigam os fabricantes a receberem de volta pilhas e baterias, e desta forma dar a elas o destino adequado. Seria fundamental que também colocassem advertências na própria embalagem do produto, avisando dos eventuais perigos oferecidos pelo descarte incorreto do material.

O que você consumidor pode fazer? O ideal é separar o lixo tóxico do restante, dessa forma você facilita a coleta e posterior armazenagem em aterros especiais. Mas se optar pelo envio ao fabricante, estará alertando-o de sua preocupação e, quem sabe dessa forma, ele tome consciência de sua responsabilidade como produtor e dê destino correto ao seu produto após o uso.

Veja mais!

Metais pesados
Conheça outros metais que afetam a saúde humana.

 

Publicado por: Líria Alves de Souza
Assuntos relacionados
Faça sua parte: jogue o lixo no lixo.
Reciclagem de embalagens
Processo de reciclagem, importância da reciclagem, reciclagem das garrafas PET, Indústria Têxtil, fios e fibras de poliéster, embalagens plásticas rígidas, tarugos de aço, embalagens de vidro, embalagens de metal, tempo de absorção do lixo pela natureza.
O principal óxido responsável pelo aumento do efeito estufa é o gás carbônico
Óxidos e Efeito Estufa
Entenda como o aumento da concentração de gás carbônico na atmosfera intensifica o efeito estufa e resulta no aquecimento global, um grande problema ambiental de nossa era.
A camada de ozônio (O3) protege a Terra
Equilíbrio químico na camada de ozônio
Nesse texto você verá como o deslocamento do equilíbrio químico na estratosfera por substâncias poluentes causa a destruição da camada de ozônio.
Para onde vai todo o lixo gerado pela população?
Diferença entre lixão, aterro controlado e aterro sanitário
Conheça a diferença entre o lixão, aterro controlado e o aterro sanitário, bem como suas vantagens e desvantagens.
A bateria de carro é recarregável
Bateria de automóvel
Conheça a composição da bateria de automóvel, como ela é por dentro e as reações envolvidas no seu funcionamento.
Ilustração da pilha de Daniell
Pilha de Daniell
Conheça a pilha de Daniell ou pilha de zinco-cobre, como ela é montada e seu funcionamento.
Óxido poluente
Qual membro dessa classe representa perigo para a atmosfera Terrestre?