Whatsapp icon Whatsapp

O que provoca o fogo fátuo?

Mistério do fogo fátuo: a ciência explica.
Mistério do fogo fátuo: a ciência explica.
Quem passar diante de um cemitério à noite poderá se deparar com uma situação amedrontadora: labaredas de fogo vindas dos túmulos. Muita gente já narrou este fato como sendo a visão de fantasmas vindos do além, será que realmente existem? Se não, como podemos explicar este misterioso fenômeno?

A emissão de fogo é a mais pura verdade e tem até nome: fogo fátuo. A explicação científica para o mistério vem da substância Fosfina: substância orgânica proveniente da decomposição de cadáveres (material orgânico). Possui fórmula PH3, se apresenta como um gás incolor de alta inflamabilidade. Esse gás se queima exposto à temperatura ambiente e, quando presente na superfície dos túmulos somado ao clima quente, ocorre a formação de labaredas de fogo.

E nem tente correr! Se você fizer isso o medo só vai aumentar, pois o fogo continuará a te perseguir. Quando realiza a ação de correr, o ar se desloca devido ao movimento de seu corpo, e então o fogo virá em sua direção.

Existem outros ambientes assustadores onde o fogo fátuo se faz presente: superfície de lagos e pântanos. Neste caso não existe presença de cadáveres humanos, mas a matéria orgânica proveniente da decomposição de vegetais e animais mortos, é responsável por exalar gás metano (CH4). Em razão da alta volatilidade, este gás pode entrar em combustão em ambientes abafados e gerar incêndios nestes locais.
Publicado por Líria Alves de Souza

Artigos Relacionados

Gás GLP
Saiba mais sobre o gás que você utiliza em sua casa.
video icon
Ilustração da imagem de Dom Pedro I ao lado do escrito"Primeiro Reinado".
História
Primeiro Reinado: características gerais
Assista à nossa videoaula para conhecer as principais características do Primeiro Reinado (1822–1831) do imperador d. Pedro I. Confira também no nosso canal outras informações sobre o Primeiro Reinado e o Império Brasileiro.