Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Redação
  3. Enunciação e contexto
  4. Sentido denotativo e conotativo no contexto linguístico

Sentido denotativo e conotativo no contexto linguístico

Para que possamos ampliar nossos conhecimentos no que se refere ao assunto em pauta, observemos os seguintes textos:

O fogo é resultado de uma reação química em cadeia entre os seguintes elementos: combustível, comburente e energia.

Amor é fogo que arde sem se ver

Amor é fogo que arde sem se ver;
É ferida que dói e não se sente;
É um contentamento descontente;
É dor que desatina sem doer;

É um não querer mais que bem querer;
É solitário andar por entre a gente;
É nunca contentar-se de contente;
É cuidar que se ganha em se perder;

É querer estar preso por vontade;
É servir a quem vence, o vencedor;
É ter com quem nos mata lealdade.

Mas como causar pode seu favor
Nos corações humanos amizade,
Se tão contrário a si é o mesmo Amor?

Luís de Camões


No primeiro, temos o significado da palavra fogo no seu sentido denotativo, literal, ou seja, sua definição de acordo com o significado expresso pelo dicionário. Retratado sob um ponto de vista real.

Já no segundo, por tratar-se de uma poesia, o sentido da palavra é figurado, imaginativo, isto é, houve uma atribuição de um novo significado ao valor denotativo da palavra.

Fogo neste caso, revela algo intenso, consumido por uma paixão avassaladora.

Podemos perceber a presença de uma linguagem figurada, revelando sentimentos e emoções. Este tipo de linguagem é muito utilizado em textos literários e anúncios publicitários.

O objetivo deste recurso é dar maior ênfase à linguagem, conferindo-lhe mais expressividade, tornando-a mais comovente e mais atrativa.

Em textos não literários prevalece a linguagem denotativa, pois a mesma requer objetividade, clareza no que se refere ao discurso, isenta, portanto, de múltiplas interpretações.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
Publicado por: Vânia Maria do Nascimento Duarte
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto
Lista de Exercícios

Questão 1

(Enem 2005)

O termo (ou expressão) destacado que está empregado em seu sentido próprio, denotativo, ocorre em

a) “(....)
É de laço e de nó
De gibeira o jiló
Dessa vida, cumprida a sol (....)”
(Renato Teixeira. Romaria. Kuarup Discos. setembro de 1992.)

b) “Protegendo os inocentes
é que Deus, sábio demais,
põe cenários diferentes
nas impressões digitais.”
(Maria N. S. Carvalho. Evangelho da Trova. /s.n.b.)

c) “O dicionário-padrão da língua e os dicionários unilíngues são os tipos mais comuns de dicionários. Em nossos dias, eles se tornaram um objeto de consumo obrigatório para as nações civilizadas e desenvolvidas.”
(Maria T. Camargo Biderman. O dicionário-padrão da língua. Alfa (28), 2743, 1974 Supl.)

d)

O Globo. O menino maluquinho: agosto de 2002
O Globo. O menino maluquinho: agosto de 2002

e) “Humorismo é a arte de fazer cócegas no raciocínio dos outros. Há duas espécies de humorismo: o trágico e o cômico. O trágico é o que não consegue fazer rir; o cômico é o que é verdadeiramente trágico para se fazer.”
(Leon Eliachar. www.mercadolivre.com.br <http://www.mercadolivre.com.br>. acessado em julho de 2005.)

Questão 2

(Enem 2003)

O uso do sentido conotativo é comumente encontrado na linguagem literária, incluindo os gêneros histórias em quadrinhos e tirinhas
O uso do sentido conotativo é comumente encontrado na linguagem literária, incluindo os gêneros histórias em quadrinhos e tirinhas

O humor presente na tirinha decorre principalmente do fato de a personagem Mafalda

a) atribuir, no primeiro quadrinho, poder ilimitado ao dedo indicador.

b) considerar seu dedo indicador tão importante quanto o dos patrões.

c) atribuir, no primeiro e no último quadrinhos, um mesmo sentido ao vocábulo “indicador”.

d) usar corretamente a expressão “indicador de desemprego”, mesmo sendo criança.

e) atribuir, no último quadrinho, fama exagerada ao dedo indicador dos patrões.

Mais Questões
Assuntos relacionados
A importância dos sinônimos na produção textual
Como evitar as repetições desnecessárias e enriquecer seu texto!
Entre os elementos do texto poético estão o verso, a estrofe e a rima
Verso, estrofe e rima
No texto poético prevalecem distintos recursos linguísticos, entre eles o verso, a estrofe e a rima, todos demarcados aqui!