Anelídeos

Filo do Reino Animal constituído por animais invertebrados triblásticos, celomados, de corpo cilíndrico, possuindo simetria bilateral e metamerização interna e externa do corpo, formado por vários anéis. Seus representantes, com ampla distribuição, habitam ambientes aquáticos ou terrestres.

As principais características anatômicas internas desses organismos são:

- Sistema Digestório: constituído por boca, faringe, papo, moela, intestino e ânus;
- Sistema Circulatório: fechado e com vasos contráteis (corações), que atuam impulsionando o sangue;
- Sistema Excretor: formado por metanefrídeos;
- Sistema Respiratório: realizado por difusão entre as camadas da epiderme (cutânea), ou branquiais, através de codificações do aparelho locomotor de algumas espécies;
- Sistema Nervoso: ganglionar, composto de diversos gânglios ligados entre si por cordões nervosos ventrais.
- Sistema Reprodutor: nos organismos dióicos, ocorre por processos sexuados; e nos monóicos, por fecundação cruzada.

A classificação do Filo Annelida (seres segmentados)

Classe Oligochaeta (oligo = pouco; chaeta = cerdas) → são anelídeos com poucas cerdas no corpo, possuindo uma região epidérmica espaçada, o clitelo, sendo responsável pela síntese de um casulo que abrigará os ovos fecundados durante a reprodução.
Exemplo: as minhocas.

Classe Polychaeta (poly = várias; chaeta = cerdas) → são anelídeos portadores de inúmeras cerdas inseridas em projeções laterais ao corpo, formando estruturas denominadas parapódios que auxiliam na locomoção. Esses animais são desprovidos de clitelo. A maioria das espécies deste grupo se reproduz sexuadamente, possuindo fertilização externa que resulta na formação de larvas livre nadantes.
Exemplo: Nereis (organismo marinho).

Classe Hirudínea → anelídeos sem cerdas e com ventosas bucais e na região posterior do corpo. São hermafroditas, com fecundação cruzada e desenvolvimento direto.
Exemplo: sanguessuga.
Representantes dos anelídeos portadores de cerdas.
Representantes dos anelídeos portadores de cerdas.
Publicado por: Krukemberghe Divino Kirk da Fonseca Ribeiro
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto
Assista às nossas videoaulas
Lista de Exercícios

Questão 1

(UFSCar- SP) Um biólogo encontra uma nova espécie de animal de aspecto vermiforme. A princípio, fica em dúvida se este é um representante do Filo Annelida ou Nematoda. Para decidir entre as duas opções, você recomendaria que ele examinasse a presença de:

a) simetria bilateral.

b) segmentação corporal.

c) sistema circulatório aberto.

d) sistema digestivo completo.

e) sistema nervoso difuso.

Questão 2

(Unisinos- RS) A área da Edafologia da UNISINOS estuda a importância da minhoca na recuperação do solo. É uma alternativa de baixo custo e bastante eficiente para a refertilização dos solos brasileiros, já bastante pobres.

Assinale a característica que pode ser atribuída às minhocas (Anelídeos – Oligoquetas):

a) Marinhos, com projeções laterais denominadas parapódios.

b) Com ventosas na região anterior e posterior do corpo.

c) São de sexos separados.

d) Respiração branquial.

e) Respiração cutânea.

Mais Questões
Assuntos relacionados
As aves possuem várias adaptações adquiridas ao longo de sua evolução
Adaptações das aves para o voo
Saiba mais sobre as adaptações adquiridas pelas aves para o voo.
Anfisbena: um réptil da família Amphisbaenidae.
Anfisbenas
Já ouviu falar de anfisbenas? E de cobra-cega? Clique aqui e conheça mais sobre esse réptil.
Artrópodes
Vamos conhecer mais sobre os artrópodes? Clique aqui e estude as principais características desse grupo de invertebrados.
A água-viva é um celenterado com forma medusoide
Celenterados e Platelmintos
Saiba mais como é a organização corporal dos celenterados e platelmintos.
A minhoca é um exemplo de oligoqueta, anelídeo com pouca cerda
Classificação dos anelídeos
Saiba mais sobre a classificação dos anelídeos e aprenda já a característica de cada grupo!
Cnidários
Conheça mais sobre os cnidários clicando aqui. Abordaremos neste texto a estrutura do corpo desses animais, sua fisiologia e também sua reprodução.
As minhocas são hermafroditas insuficientes
Hermafroditismo
Entenda o que é hermafroditismo e sua importância reprodutiva para alguns seres vivos.
A lampreia é uma espécie ameaçada de extinção.
Lampreias
Saiba mais sobre estes cordados aquáticos desprovidos de mandíbula.
Larva, pupa e inseto adulto.
Metamorfose
Processo que indivíduos de algumas espécies sofrem até adquirirem forma adulta.
Aglomerados de lombrigas: Ascaris lumbricoides.
Nematelmintos
Filo Nematoda, Invertebrados, Dimorfismo sexual, Bilateralidade corporal, Triblásticos, Pseudocelomados, Protostômios, Nematódeos, Renete, Ascaridíase, Lombriga, Oxiurose, Enterobiose, Higiene pessoal, Endoparasitas.
Os crocodilianos são representados pelo crocodilo, jacaré e gavial
Ordem crocodilia
Conheça mais sobre a ordem crocodilia, que reúne animais como crocodilos, jacarés e gaviais.
As aves são animais dioicos, ou seja, possuem sexos separados
Reprodução das aves
Saiba como é formado o aparelho reprodutor das aves e como ocorre a reprodução das aves.
Todos os soros antipeçonhentos são produzidos pelo mesmo processo
Soro antipeçonhento
Saiba como ocorre a produção de soro antipeçonhento, tratamento utilizado em vítimas de acidentes com animais peçonhentos.