Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Biologia
  3. Ecologia
  4. O que é cadeia alimentar?

O que é cadeia alimentar?

Para entendermos bem o que é e como funciona uma cadeia alimentar precisamos conhecer os componentes que fazem parte de um ecossistema.

Em um ecossistema podemos encontrar os componentes bióticos e abióticos. Os componentes bióticos são todos os organismos vivos, enquanto que os componentes abióticos são os fatores químicos, físicos e geológicos que atuam naquele ecossistema como umidade, luz, temperatura, água, nutrientes e solo.

Dentre os componentes bióticos podemos considerar dois grupos, os de organismos autotróficos e os de organismos heterotróficos. Os organismos autotróficos são aqueles que conseguem produzir o seu próprio alimento a partir de substâncias orgânicas simples, como os organismos fotossintetizantes e os quimiossintetizantes. Já os organismos heterotróficos são aqueles que não conseguem produzir o seu próprio alimento a partir de substâncias orgânicas simples, e necessitam buscar alimento em outros organismos para conseguir suprir seus processos vitais.

Os organismos autotróficos são chamados de produtores, e os organismos heterotróficos são chamados de consumidores. Os organismos heterotróficos podem ser classificados em consumidores primários, consumidores secundários e consumidores terciários.

Agora que você já sabe quais são os componentes de um ecossistema, vamos saber o que é e como funciona uma cadeia alimentar.

Podemos definir uma cadeia alimentar como sendo uma sequência linear de organismos, em que um serve de alimento para o outro. Uma cadeia alimentar apresenta três ou quatro elos, e o primeiro componente da cadeia é sempre um organismo autotrófico, que, como já vimos anteriormente, chamamos de produtor. Os outros organismos que fazem parte da cadeia são todos heterotróficos e por isso chamados de consumidores.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Cada elo da cadeia alimentar é considerado um nível trófico, e os produtores, por serem o primeiro elo da cadeia, são considerados o primeiro nível trófico. Os consumidores primários, que se alimentam diretamente dos produtores, compõem o segundo nível trófico, e assim por diante. É importante lembrar que em uma cadeia alimentar o fluxo de energia sempre se origina dos produtores. Abaixo temos um exemplo de cadeia alimentar que possui quatro níveis tróficos e é composta por uma planta, uma borboleta que suga a seiva da planta, um sapo que se alimenta da borboleta e uma serpente que se alimenta do sapo.

Representação de uma cadeia alimentar de terra firme, lembrando que os decompositores atuam em todos os níveis da cadeia
Representação de uma cadeia alimentar de terra firme, lembrando que os decompositores atuam em todos os níveis da cadeia

Quando produtores e consumidores de qualquer nível trófico morrem, entram em ação os seres decompositores, como fungos e algumas bactérias, que se alimentam dos restos orgânicos desses seres vivos. O papel dos decompositores é decompor a matéria orgânica dos organismos mortos para obter energia e nutrientes. A decomposição da matéria orgânica é muito importante para o meio ambiente, pois é através dela que ocorre a reciclagem de nutrientes que podem voltar a fazer parte de outros seres vivos.

A cadeia alimentar é uma sequência linear em que um serve de alimento para o outro
A cadeia alimentar é uma sequência linear em que um serve de alimento para o outro
Publicado por: Paula Louredo Moraes
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto
Assista às nossas videoaulas
Lista de Exercícios

Questão 1

Sabemos que em uma cadeia alimentar todos os seres autotróficos são denominados de (1). Já os organismos heterotróficos podem ser (2) ou (3).

De acordo com os seus conhecimentos, marque a alternativa que apresenta os termos que substituem adequadamente os números 1, 2 e 3.

a) (1) - decompositores; (2) - produtores; (3) - consumidores.

b) (1) - consumidores; (2) - produtores; (3) - decompositores.

c) (1) - decompositores; (2) - consumidores primários; (3) - consumidores secundários.

d) (1) - produtores; (2) - consumidores; (3) - decompositores.

e) (1) - consumidores primários; (2) - produtores; (3) - consumidores secundários.

Questão 2

Sabemos que em um ecossistema os diversos organismos existentes podem ocupar diferentes níveis tróficos em diferentes cadeias alimentares. Imagine as seguintes situações e marque a alternativa que indica corretamente o nível trófico que o homem ocupa em cada cadeia.

I. Capim → Vaca → Homem

II. Algas → Caramujo → Peixe → Homem

a) Em I, o homem é consumidor terciário e, em II, é quartenário.

b) Em I, o homem é consumidor secundário e, em II, é consumidor terciário.

c) Em I, o homem é consumidor primário e, em II, é consumidor secundário.

d) Em I, o homem é produtor e, em II, consumidor primário.

e) Em I, o homem é consumidor primário e, em II, produtor.

Mais Questões
Assuntos relacionados
Plantar árvores não contempla os preceitos preservacionistas.
Preservação e Conservação Ambiental
Saiba a diferença entre conservação e preservação ambiental.
Fauna e flora da Floresta Amazônica
Conheça mais sobre a fauna e flora da Floresta Amazônica clicando aqui! Neste texto abordaremos uma série de espécies encontradas nessa importante floresta tropical.
Colônia de cnidários: Physalia pelágica (caravela-portuguesa).
Colônias
Uma interação mútua e vantajosa entre organismos.
Sociedade dos cupins
Saiba mais sobre os cupins, insetos sociais que vivem no interior do solo e da madeira.
Em um ecossistema, ocorrem diversas relações de alimentação, como a exemplificada acima
Cadeia e teia alimentar
Aprenda a diferença entre cadeia e teia alimentar e entenda por que conhecer as relações de alimentação de um ambiente é importante para preservá-lo.
Ao estudar para o Enem, é importante conhecer alguns dos temas mais recorrentes
Top 5 dos temas mais recorrentes em Biologia no Enem
Conheça os cinco temas mais recorrentes em Biologia no Enem e prepare-se para essa prova que tem como principal característica a contextualização.
Organismos que possuem hábitos alimentares semelhantes possuem o mesmo nível trófico
Níveis tróficos
Entenda o que são níveis tróficos e aprenda a diferenciar os produtores, consumidores e decompositores em uma cadeia ou teia alimentar.
O ciclo do oxigênio apresenta relação direta com o ciclo do carbono.
Ciclo do Oxigênio
Aprenda um pouco mais a respeito do ciclo do oxigênio. Neste texto, falaremos a respeito das etapas do ciclo do oxigênio, sua relação com o ciclo do carbono e a importância desse ciclo para os seres vivos. Traremos ainda um exercício de vestibular que cobrou esse tema e um pequeno resumo sobre esse ciclo.
Orquídeas (plantas epífitas), um exemplo de inquilinismo vegetal.
Inquilinismo
Relação ecológica harmônica, onde uma espécie obtém benefício sem interferência sobre a outra.
Micorriza: associação entre fungos e raízes de vegetais superiores.
Micorrizas
Saiba mais sobre esta associação entre fungos e raízes de plantas superiores.