Whatsapp icon Whatsapp

Hidroponia

Hidroponia é uma técnica utilizada no cultivo de plantas. Ela utiliza um material aquoso que possui nutrientes necessários para o desenvolvimento saudável da planta.
Horta que utiliza hidroponia
Horta que utiliza hidroponia

Desde a Antiguidade utilizava-se uma técnica, hoje conhecida como hidroponia, para o cultivo de plantas. Esse termo foi introduzido por W. F. Gericke, doutor da Universidade da Califórnia, em 1935, após pesquisas efetuadas por ele. Essa técnica não utiliza a presença de solo no cultivo, utilizando apenas um material aquoso que possui nutrientes necessários para o desenvolvimento saudável e completo da planta.

O desenvolvimento de plantas sem a presença dos solos data de 1699, quando John Woodward cultivou uma planta em água com um pouco de terra e verificou que algo naquela terra permitia que a planta crescesse. Em 1804, De Saussure trabalhou soluções de concentrações conhecidas para se utilizar na hidroponia. E por volta de 1860, Sachs e Knop foram os primeiros a utilizar o cultivo em meio líquido.

Nesse sistema, os vegetais ficam em suspensão e ao invés de receber nutrientes vindos do solo, recebem os minerais necessários através de um meio de cultura, ou solução aquosa enriquecida com todos os nutrientes de que necessita para seu funcionamento. Sem entrar em contato com o solo, a técnica facilita o dia a dia do agricultor, pois além de evitar contaminação proveniente dos solos, por fungos, bactérias ou algum outro micro-organismo patogênico, essas plantas ficam em estufas, o que mantém o ambiente limpo e protegido de possíveis agressores e predadores.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

É interessante para quem pretende utilizar comercialmente, pois além de serem minimizados os gastos com energia, espaço, água e mão de obra, as vantagens são verificadas no crescimento mais rápido e de qualidade da planta. Além disso, não é necessário o uso de agrotóxicos, já que tudo que é fornecido para a planta é limpo e rico em nutrientes, favorecendo o seu desenvolvimento e consequentemente a produtividade. Pode ser utilizado também em pesquisas de escolas e universidades, para uso didático, em hortas comunitárias, domésticas, de lazer e de terapia ocupacional. E como é adaptável a diferentes regiões, fica ainda mais fácil sua utilização.

Por Giorgia Lay-Ang
Graduada em Biologia
Equipe Mundo Educação

Publicado por Giorgia Lay-Ang

Artigos Relacionados

A auxina está relacionada com a dominância apical em uma planta
A importância das auxinas para os vegetais
Veja por que as auxinas são tão importantes para as plantas e como elas atuam.
O caule constitui a estrutura física onde se inserem raízes e folhas
Caule
Clique aqui e saiba mais sobre a estrutura interna de um caule.
Tecido meristemático vegetal.
Tecido meristemático
Tecido meristemático, Células vegetais, Parede celular, Vacúolos, Meristema apical, Ramos e raízes, Meristema intercalar, Meristema lateral, Meristema Primário, Crescimento vegetal, Parênquima, Colênquima, Esclerênquima, Meristema Secundário, Câmbio, Xilema e floema.
A = Xilema, B = Floema.
Vasos Condutores de Seiva: Lenho e Líber
Feixes de vasos condutores de seiva: bruta e elaborada.

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Videoaula Brasil Escola
Inglês
Genitive Case
É hora de aperfeiçoar sua gramática na Língua Inglesa. Assista!
video icon
Videoaula Brasil Escola
Sociologia
Democracia racial
Você sabe o que significa democracia racial? Clique e nós te ensinamos!
video icon
Tigres Asiáticos
Geografia
Tigres Asiáticos
Assista à nossa videoaula sobre os Tigres Asiáticos, e conheça as razões do desenvolvimento rápido desses territórios.