Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Biologia
  3. Seres Vivos
  4. Nomenclatura binomial de Lineu

Nomenclatura binomial de Lineu

Em 1735, Lineu publicou o livro Systema naturae, no qual apresentava determinadas regras capazes de padronizar a forma de nomear espécies. Tais sugestões foram amplamente aceitas e são utilizadas até hoje. Esse sistema compreende as seguintes características:

- Todo ser vivo possui um nome científico;

- Todo nome científico é composto por duas palavras. A primeira se refere ao Gênero da espécie, e o segundo, ao epíteto (ou nome) específico, que é o que caracteriza a espécie em questão;

- O epíteto específico pode se referir a uma característica própria daquele indivíduo, como a sua localização, organização corporal, dentre outros; ou mesmo uma homenagem a algum cientista, personagem, etc.;

- Os nomes científicos, quando escritos, devem estar destacados em itálico. Em casos em que os nomes estejam sendo redigidos à mão; ou em outras situações nas quais utilizar o itálico se apresente inviável, tais nomenclaturas devem estar grifadas;

- A primeira letra do nome científico deve ser apresentada em maiúsculo e a primeira letra do epíteto específico, em minúsculo;

- A partir da segunda vez que se escreve o nome de determinada espécie, o Gênero pode se apresentar abreviado. Ex: Cachorro - Canis familiaris - C. familiaris.

- Em algumas situações, quando o cientista não conseguiu, ainda, identificar a que espécie um determinado indivíduo pertence, ou quando não é de interesse que esta seja explicitada; ele utiliza, após o nome do Gênero, o termo sp., na Zoologia; ou spec., na Botânica. Tanto um como outro não devem ser colocados em itálico, ou mesmo sublinhados; e devem estar acompanhados de um ponto final: Hypsiboas sp. (perereca pertencente ao Gênero Hypsiboas); Hypsiboas goianus (perereca-de-pijama).

Observação: há casos em que indivíduos são, ainda, divididos em subespécies, como é o caso das tartarugas gigantes de Galápagos (Chelonoidis nigra abingdoni, C. nigra hoodensis, etc.). Nestas situações, valem as mesmas regras, sendo que tanto o epíteto específico quanto o epíteto subespecífico devem apresentar todas as letras em minúsculo.

Considerando que uma única espécie pode receber diversos nomes vulgares, a nomenclatura biológica se torna uma importante ferramenta de comunicação entre cientistas e sociedade em geral, já que padroniza as informações referentes a indivíduos de uma espécie.

Alguns nomes científicos:

Ser humano - Homo sapiens
Leão - Panthera leo
Tigre - Panthera tigris
Barata-americana - Periplaneta americana
Milho - Zea mays
Ipê-amarelo - Tabebuia alba]

Por Mariana Araguaia
Graduada em Biologia
Lineu: naturalista sueco cujas contribuições foram, e ainda são, de muita importância para a Biologia.
Lineu: naturalista sueco cujas contribuições foram, e ainda são, de muita importância para a Biologia.
Publicado por: Mariana Araguaia de Castro Sá Lima
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto
Assista às nossas videoaulas
Lista de Exercícios

Questão 1

Ao andar por uma área de Cerrado, um rapaz avistou algumas árvores típicas da região. Dentre elas, o Pequi (Caryocar brasiliense), árvore muito conhecida em virtude da utilização do seu fruto na culinária; uma linda palmeira chamada de Buriti (Mauritia flexuosa) e um florido Ipê roxo (Handroanthus impetiginosus).

A respeito dessas três espécies, é possível concluir que:

a) Essas árvores possuem o mesmo gênero.

b) Essas árvores são da mesma espécie.

c) Essas árvores apresentam o mesmo epíteto específico.

d) Essas árvores não pertencem ao mesmo gênero e, consequentemente, à mesma espécie.

e) Essas árvores não pertencem ao mesmo reino.

Questão 2

Assinale a alternativa em que o nome científico da ararinha-azul encontra-se de acordo com as regras de nomenclatura binomial:

a) Cyanopsitta Spixii

b) Cyanopsitta spixii

c) syanopsitta spixii

d) Cyanopsitta spixii

e) Cyanopsitta Spixii

Mais Questões
Assuntos relacionados
Orelha-de-pau: representante do Reino Fungi
Reino Fungi
Aqui você encontra muitas informações sobre os fungos. Entre e confira!
O estômago dos ruminantes é dividido em quatro compartimentos
Digestão dos ruminantes
Saiba mais sobre como é o trato digestivo e como ocorre a digestão dos ruminantes.
A gelatina de ágar, além de saudável, tem grande poder dietético
Ágar
Você já ouviu falar em ágar? Compreenda que substância é essa e suas diversas utilidades no campo alimentício, farmacêutico, cosmético e científico.
O conceito biológico de espécie enfatiza o isolamento reprodutivo
Espécie biológica
Você sabe como definir uma espécie biológica? Clique aqui e entenda o conceito e os problemas dessa definição.
Alguns animais vertebrados.
Reino Animalia
Único grupo de seres vivos que apresenta tecido muscular e nervoso.
Pequenos invertebrados e protozoários da superfície hídrica.
Zooplâncton
Organismos que sustentam a fauna dos ecossistemas aquáticos.
Os vírus são organismos considerados parasitas intracelulares obrigatórios
Vírus
Clique para saber mais a respeito dos vírus, suas características e estrutura!