Whatsapp icon Whatsapp

Tipos de Cartilagem

A cartilagem é um tipo de tecido conjuntivo, podendo ser classificada em três tipos: cartilagem hialina, cartilagem elástica e cartilagem fibrosa.
Esquema do desenvolvimento ósseo a partir de uma estrutura cartilaginosa.
Esquema do desenvolvimento ósseo a partir de uma estrutura cartilaginosa.

A cartilagem é um tipo de tecido conjuntivo composto exclusivamente de células chamadas condrócitos e de uma matriz extracelular altamente especializada.

O tecido cartilaginoso pode ser classificado em três tipos de acordo com a quantidade de substâncias intersticiais e a classe de fibras que apresentam, sendo:

Cartilagem hialina → possui uma concentração moderada de fibras colágenas, sendo a mais comum estrutura cartilaginosa encontrada no corpo. Constitui vários arcabouços do organismo, entre eles: a parede do septo nasal, revestimento da traquéia e regiões articulares dos ossos, facilitando o movimento e absorvendo/dissipando impactos resultantes aos choques mecânicos, bem como nas regiões epifisárias dos ossos longos, permitindo o crescimento longitudinal.

Cartilagem elástica → apresenta considerável teor de fibras elásticas entremeadas às fibras colágenas. Forma o pavilhão externo da orelha, auxilia a estruturação da laringe e também da constituição da epiglote (válvula que intermedeia a interfase da deglutição e respiração).

Cartilagem fibrosa → Possui grande quantidade de fibras colágenas, ocupando quase que a totalidade dos espaços intercelulares, assemelhando-se ao tecido conjuntivo denso. È encontrado principalmente entre as vértebras, formando os discos intervertebrais, contribuindo com a flexibilidade e amortecimento.

Durante o desenvolvimento embrionário o esqueleto é formado por cartilagem hialina, gradativamente orientando a substituição por ossificação endocondral.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
Publicado por Krukemberghe Divino Kirk da Fonseca Ribeiro

Artigos Relacionados

Os Folhetos Germinativos
A organogênese e os folhetos: ectoderma, endoderma e mesoderma.
Tecido muscular liso
Clique aqui e saiba mais sobre as características do tecido muscular liso.
Âmnio e cório
Anexos embrionários presentes em répteis, aves e mamíferos.