Whatsapp icon Whatsapp

Querela das Investiduras

A Querela das Investiduras: disputas entre o poder monárquico e clerical.
A Querela das Investiduras: disputas entre o poder monárquico e clerical.

Durante a Idade Média, costumamos definir a existência de uma comunhão de interesses entre a classe clerical e nobiliárquica. No entanto, no interior do Sacro-Império Germânico observamos uma relação conflituosa entre os nobres que tinham influência política nesse território e a autoridade papal. Entre os séculos X e XII, o desentendimento entre essas duas classes tomou proporções cada vez maiores.

O poder de intervenção dos nobres na hierarquia eclesiástica começou a sofrer forte oposição quando clérigos da abadia de Cluny, região da França, defenderam um processo de reformas que desse maior autonomia à Igreja. A prática de subordinação dos clérigos aos reis, também conhecida como cesaropapaismo, começou a sofrer intensa oposição pelos clérigos integrantes da ordem de Cluny.

No ano de 1058, o papa Nicolau II criou o Colégio dos Cardeais, que tinha como função primordial eleger o papa. No ano de 1073, o Colégio dos Cardeais elegeu Gregório VII, integrante da Ordem de Cluny, para comandar a Igreja Católica. Entre outras ações, Gregório VII reafirmou o voto de castidade e proibiu que qualquer autoridade monárquica concedesse alguma espécie de cargo religioso.

Em resposta, Henrique IV, rei do Sacro-Império, reuniu os bispos subjugados ao seu poder político para anular o poder de Gregório VII. O papa, tomando conhecimento dos planos do rei germânico, ordenou a sua excomunhão e livrou os bispos germânicos do poderio de Henrique IV. Implorando o perdão do papa, Henrique permaneceu três dias e três noites rezando na neve. Obtendo o perdão papal, o nobre germânico organizou tropas militares incumbidas de derrubar o papa.

Acuado, Gregório VII se exilou na França. Depois de diversos conflitos entre as tropas papais e germânicas, um trégua foi assinada por meio da Concordata de Worms. Por meio desse acordo, os limites do poder eclesiástico e real tiveram seus limites estabelecidos. A partir de então, somente o papa teria o direito de conceder qualquer espécie de cargo religioso.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Por Rainer Sousa
Mestre em História

Publicado por Rainer Gonçalves Sousa

Artigos Relacionados

Constantino I foi o fundador do Império Bizantino
Império Bizantino
Saiba o que foi o Império Bizantino, que durou do século IV ao século XV, e entenda a sua importância para o período da Idade Média e início da Idade Moderna.
O rei inglês João Sem Terra assinou a Magna Carta em 1215, um ano antes de sua morte
Magna Carta de 1215
Entenda a importância da Magna Carta de 1215 e compreenda o contexto histórico em que ela foi produzida.
Carlos Magno empreendeu ações políticas que marcaram o auge do Reino dos Francos.
Reino dos Francos
Império Romano do Ocidente, Clóvis, Igreja Católica, reis indolentes, major domus, prefeito do palácio, Batalha de Poitiers, Pepino, o Breve; Patrimônio de São Pedro, Carlos Magno, missi dominici, marqueses, duques, Tratado de Verdun, Carlos, o Calvo; Luís, o Germânico; Lotário, capetíngios, normandos, magiares e árabes.
video icon
Português
Tipos de argumento para redação | Argumento por citação de autoridade
Argumento por citação de autoridade, uma das formas mais recorrentes de argumentação, é a validação do que se pensa por meio da citação a algum especialista. Você sabe como fazer isso corretamente? Nesta aula, o profº. Guga explica tudo!

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Videoaula Brasil Escola
Inglês
Genitive Case
É hora de aperfeiçoar sua gramática na Língua Inglesa. Assista!
video icon
Videoaula Brasil Escola
Sociologia
Democracia racial
Você sabe o que significa democracia racial? Clique e nós te ensinamos!
video icon
Tigres Asiáticos
Geografia
Tigres Asiáticos
Assista à nossa videoaula sobre os Tigres Asiáticos, e conheça as razões do desenvolvimento rápido desses territórios.