Whatsapp icon Whatsapp

Diferença entre Gás e Vapor

O vapor de água em uma chaleira pode ser condensado apenas com a diminuição da temperatura. Já os gases que são produzidos em processos industriais se
O vapor de água em uma chaleira pode ser condensado apenas com a diminuição da temperatura. Já os gases que são produzidos em processos industriais se

Visualmente o gás e o vapor parecem ter as mesmas características e, muitas vezes, nos referimos a eles como se fossem a mesma coisa. Por exemplo, muitas vezes falamos que a água está no estado gasoso, quando na realidade queremos nos referir ao vapor de água. O gás e o vapor são coisas bem diferentes.

Uma mesma substância no estado de vapor e no estado gasoso apresenta características distintas. Observe as características do vapor:

Definição conceitual de vapor.

Exemplo: o vapor de água, que está presente no ar, volta ao estado líquido simplesmente ao entrar em contato com um recipiente que está com a temperatura mais baixa. Na figura abaixo, a taça contém água gelada, consequentemente, o copo está gelado também, por isso o vapor de água do ar se liquefaz ao entrar em contato com esse copo.

O vapor de água condensou ao entrar em contato com a taça à temperatura menor.

O mesmo ocorre com a água que ferve em uma panela fechada: ela volta imediatamente para o estado líquido quando seu vapor entra em contato com a tampa da panela, que está a uma temperatura menor.

Definição conceitual de gás.

Exemplo: o gás liquefeito do petróleo (GLP), que é encontrado dentro dos botijões do gás de cozinha, permanece na fase líquida dentro dele e se torna gás fora do recipiente. Isso ocorre porque dentro do botijão a pressão é muito maior que a pressão atmosférica e a temperatura é mais baixa do que a de fora.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Para vermos a diferença no cotidiano, veja o caso das bolhas formadas ao aquecermos a água e as existentes no interior de um copo de refrigerante. Será que representam a mesma coisa?

Não. As formadas no copo de refrigerante e as que se formam inicialmente na água sem a aquecermos são gases liberados que estavam dissolvidos.

O gás utilizado na gaseificação de bebidas é o CO2 (dióxido de carbono ou gás carbono). Consegue-se dissolvê-lo no líquido exatamente por meio de um grande aumento da pressão e da diminuição da temperatura. É por isso que quando abrimos um refrigerante (diminuição da pressão), e o líquido está quente (aumento da temperatura), há uma grande liberação de gases.

Agora, quando aquecemos a água, a formação de bolhas se dá porque a água começa a passar para o estado de vapor. E esta bolha só sobe para a superfície quando a pressão do vapor dentro dela se torna igual à pressão atmosférica.

Assim, a bolha do refrigerante é de gás e a bolha do aquecimento da água é de vapor.

Qual a diferença entre as bolhas formadas com o aquecimento da água e as bolhas do refrigerante?

Publicado por Jennifer Rocha Vargas Fogaça

Artigos Relacionados

Composição química do Bafômetro
Qual a composição química do bafômetro, como funciona o Bafômetro, reações que envolvem o álcool etílico, tipos de bafômetros, dicromato de potássio, célula de combustível, catalisador, liberação de elétrons, concentração de álcool no sangue.
Principais descobertas científicas do século XVIII
Clique para descobrir quais foram as principais descobertas do século XVIII!
Química e os cabelos
Saiba a composição dos produtos utilizados por cabeleireiros.
video icon
Professora ao lado do texto"Verbos irregulares".
Português
Verbos irregulares
Sabendo que o estudo de verbos não é uma tarefa fácil, nesta videoaula esclareceremos as formas de flexão dos verbos irregulares, ou seja, aqueles que, ao serem conjugados, apresentam alteração em seu radical ou em sua terminação. Não deixe de assistir!