Whatsapp icon Whatsapp

Radioisótopos

Radioisótopos é o nome dado aos isótopos radioativos, como, por exemplo, o urânio e o hidrogênio.

Os Radioisótopos se referem a Isótopos que emitem radiação, ou seja, Isótopos radioativos.

Isótopos são átomos com o mesmo número atômico e diferente número de massa, mas como saber se são radioativos?

Conheça alguns:

Isótopos do Hidrogênio: 

 

Observe que os isótopos do elemento Hidrogênio possuem o mesmo número atômico (1), mas diferentes massas. O isótopo com massa 1 é o mais comum e não é radioativo. Já o isótopo com número de massa 2 é radioativo e dá origem às bombas de hidrogênio, e o isótopo com massa 3, ocorre em quantidades menores e é também radioativo.

Isótopos do Carbono:



O isótopo de Carbono 14 é um radioisótopo artificial, embora também exista na atmosfera, já o Carbono 12 é o mais comum na natureza, está presente no diamante, na grafite, etc.

O Carbono 14 é responsável por decifrar a idade de fósseis antigos, e por isso é elemento base na Arqueologia.

Isótopos do Urânio:



O isótopo de Urânio 238 não é radioativo, mas o 235 sim, e é usado para construir os reatores nucleares e as bombas atômicas.

Isótopos do Cobalto:



O Cobalto com número de massa 59 é o isótopo natural, já o Cobalto 60 é fabricado de modo artificial pelo bombardeamento do isótopo 59 com nêutrons. Este último é aplicado no tratamento de tumores. Veja a figura que ilustra o processo de bombardeamento do átomo de Cobalto:


Repare que um nêutron (indicado pela seta vermelha) colide com o núcleo de Cobalto modificando-o, neste instante ele adquire a propriedade radioativa e passa a emitir raios gama (indicado pela seta preta à direita).

O Cobalto 59 possui 27 prótons e 32 nêutrons (27+32 = 59), com o ganho de mais um nêutron passa a adquirir massa total = 60.

Os radioisótopos são muito úteis na agricultura, na engenharia, na medicina, etc., é importante lembrar que apresentam um alto grau de periculosidade e por isso são manipulados somente com o auxílio de robôs.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Veja mais!

Bomba atômica
– isótopos usados para efeitos maléficos. 

Publicado por Líria Alves de Souza

Artigos Relacionados

Qual a potência da bomba de hidrogênio?
Bomba de hidrogênio
Você sabe o que é uma bomba de hidrogênio? Clique aqui e entenda!
Quando o núcleo de um átomo é instável, ele sofre decaimento radioativo natural
Decaimento radioativo natural
Descubra por que ocorre o decaimento radioativo natural somente em determinados elementos químicos.
Chaveiro contendo o elemento radioativo trítio.
Descoberta da meia vida
Capacidade dos elementos de emitir radiação.
Frederick Soddy propôs as leis da radioatividade *
Leis da radioatividade
Conheça as leis da radioatividade e como elas explicam a formação de um novo elemento químico a partir de emissões radioativas!
Frederic Soddy estudou as emissões alfa e criou a primeira lei da radioatividade, que leva seu nome
Primeira Lei de Soddy
Conheça a lei de Soddy, que constitui a primeira lei da radioatividade, cujo enunciado explica a transformação que ocorre quando um átomo emite partículas alfa.
Radiações Alfa, Beta e Gama
Radiações invisíveis aos olhos humanos, mas de extrema importância.
A radioatividade possui diversas aplicações benéficas à agricultura
Radioatividade na Agricultura
Conheça técnicas envolvendo o uso da radioatividade que são empregadas na agricultura, tais como a preservação de alimentos e o controle de pragas.
Radioatividade natural e a artificial, como surgiu cada uma delas?
Radioatividade natural e artificial
Origem das diferentes radiações.
Tsar Bomba (réplica) no Museu de Bombas Atômicas de Sarov
Variantes da bomba atômica
Conheça os tipos de reação nuclear

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Sigmund Freud
Filosofia
Sigmund Freud
Nessa videoaula você conhecerá mais sobre a vida e estudos do "pai" da psicanálise.
video icon
Thumb Brasil Escola
Literatura
Realismo fantástico
Trazemos uma análise sobre realismo fantástico. Assista já!
video icon
Thumb Brasil Escola
Química
Funções orgânicas
Tire um tempo para entender melhor o que são as amidas