03 de setembro – Dia das Organizações Populares

Em 03 de setembro, comemora-se o Dia das Organizações Populares. O embate social em nome da mudança ajudou a transformar nossa realidade social em diversos momentos históricos.
A organização popular tem grande importância para a nossa realidade social e política
A organização popular tem grande importância para a nossa realidade social e política

Você sabia que 03 de setembro é marcado como o Dia das Organizações Populares? Mas você sabe por que comemorar a existência desse tipo de manifestação social é importante? Parece óbvio, mas se trata de uma questão bastante complexa. Uma organização popular é definida como toda forma de organização ou de agregamento de pessoas em nome de uma causa ou ideia. Geralmente, essas organizações partem da necessidade de um grupo de tentar mudar algum contexto que lhes seja prejudicial.

As organizações populares, portanto, correspondem à parte organizada de uma sociedade em prol de uma causa que lhes seja de interesse. Diante desse fato, a expressão “sociedade civil organizada” passou a ser usada para fazer referência a esses grupos. Essa expressão faz alusão ao caráter organizado das entidades que se concretizam de forma espontânea e informal ou, ainda, de forma legal e com representação institucional.

Alguns exemplos desse tipo de organização são os órgãos sindicais trabalhistas, que são uma forma de organização e unificação das reivindicações dos profissionais de uma área, e os movimentos sociais, como o movimento estudantil ou o Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST), que se organizam pela luta e pelo embate político em nome da aquisição de seguridades sociais ou da remediação de carências originadas das desigualdades sociais, como a falta de moradia.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Esse tipo de desigualdade, que fere os princípios de igualdade de um Estado democrático, trabalha como um agente de segregação social, cultural e econômica, fatalmente interferindo nas formas de atuação civil daqueles afligidos com tal mal. Nessa perspectiva, os movimentos sociais são a forma de intervenção política direta que os grupos minoritários, que têm representação pequena ou prejudicada no contexto político, possuem para exigir a manutenção de seus direitos. A importância da organização desses grupos mobilizados é grande. O surgimento de líderes que representem diretamente as demandas do grupo e a organização em nome de exigências ou ideias comuns são os pilares desses tipos de mobilização social.

Portanto, percebe-se que os movimentos sociais estão diretamente ligados à resolução de problemas sociais, e não na revindicação de posses materiais. E é justamente nesse ponto que está a maior contribuição das organizações populares: a luta pela mudança social quando o contexto estabelecido prejudica o garantimento de acesso a direitos básicos, como no caso da moradia, para os grupos em situação mais frágil.

Publicado por Lucas de Oliveira Rodrigues

Artigos Relacionados

No dia 3 de agosto, celebra-se, no Brasil, o fim da censura e o retorno da liberdade de expressão
03 de agosto – Fim da censura no Brasil
Saiba por que o Fim da censura no Brasil é celebrado em 03 de agosto e o que isso tem a ver com o fim do Regime Militar.
video icon
Química
Fogos de artifício e o perigo de explosões
Os fogos de artifício conferem um grande espetáculo visual, não é mesmo? No entanto, se não forem manuseados de maneira cautelosa, podem transformar-se em um grande problema, pois esses artefatos podem causar explosões e graves acidentes.

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Videoaula Brasil Escola
Guia de Profissões
Publicidade e Propaganda
Que tal conhecer um pouco mais sobre as funções de um publicitário?
video icon
Videoaula Brasil Escola
Inglês
Genitive Case
É hora de aperfeiçoar sua gramática na Língua Inglesa. Assista!
video icon
Videoaula Brasil Escola
Português
Preposições
Vamos aprender mais sobre essa classe conectiva de termos?