Seborreia e caspa

A caspa é um problema muito comum
A caspa é um problema muito comum

A caspa, como é mais conhecida, é um dos resultados da dermatite seborreica ou seborreia. É uma inflamação crônica que pode ser seca ou oleosa. A caspa oleosa é a denominada seborreia, é a que provoca placas aderidas ao couro cabeludo.

Essa incômoda descamação pode ser desencadeada por estresse, mudança de clima e temperatura, gerando uma maior oleosidade do couro cabeludo, alterações hormonais, excesso de produtos químicos no cabelo, provocando uma irritação; assim como lavar os cabelos com água muito quente ou com frequência inadequada, excesso de alimentos gordurosos no dia a dia e a presença do fungo Pityrosporum ovale com seu crescimento acima do normal, dentre outros.

Muitas pessoas possuem predisposição para possuir a seborreia e, com fatores propícios para seu surgimento, conferem vermelhidão, coceira, inflamação, descamação do couro cabeludo e escamas que, independente de sua quantidade, geram constrangimento ao portador. Isso porque a presença de caspa é interpretada somente como falta de cuidado e higiene.

É muito comum a presença de caspa nas pessoas, embora não seja contagiosa, e pode surgir e desaparecer de acordo com o estado emocional, por exemplo. Ocorre em mulheres, mas principalmente nos homens em razão de uma maior produção nas glândulas sebáceas. Em bebês é denominada crosta láctea.

O mais comum é ocorrer no couro cabeludo, mas pode ocorrer em outras partes do corpo, como sobrancelhas, orelhas, face, cílios, nariz, barba, região peitoral, axilas e virilhas.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Para tentar evitar a caspa é importante:

- secar-se bem após o banho, para evitar a umidade no corpo e, consequentemente, evitar a proliferação de micro-organismos; 

- ao lavar o cabelo, preocupar-se sempre em retirar todo o xampu, condicionador ou qualquer outro tipo de produto utilizado no couro cabeludo;

- evitar situações de estresse, ansiedade e preocupação;

- alimentar-se saudavelmente, incluindo na dieta a presença de frutas e verduras, melhorando assim o sistema imunológico; 

- procurar um médico para que ele solicite exames para verificar a presença de fungos e receite quais os produtos recomendados para o tipo de caspa que possui;

- utilize roupas que permitam transpiração;

- evite o fumo e a ingestão de álcool.

Não há cura para a caspa, mas os fármacos recomendados controlam os sintomas, minimizando a queda de cabelos e a irritação. O tratamento pode envolver produtos de uso tópico, como xampus, loções, cremes, sabonetes, produtos antifúngicos, se houver a presença destes micro-organismos; e até mesmo técnicas que envolvem raios ultravioletas.

Por Giorgia Lay-Ang
Graduada em Biologia
Equipe Mundo Educação

Publicado por Giorgia Lay-Ang

Artigos Relacionados

Uma alimentação balanceada fortalece o organismo e previne doenças.
Importância dos Alimentos na Saúde
Promovendo a saúde e uma boa qualidade de vida.
Cãibras ocorrem com maior freqüência em atletas.
Por que sentimos cãibras?
Como ocorrem as cãibras, contrações involuntárias e dolorosas de um músculo, alimentação contra cãibras, músculos das pernas, quantidade inadequada de sangue no músculo, placa motora localizada entre nervo e músculo, cargas elétricas dentro do cérebro, inversão de posição dos minerais.
video icon
Português
Francisca Júlia
Nesta videoaula, você conhecerá um pouco mais sobre a vida de Francisca Júlia, uma importante escritora da literatura brasileira do século XIX. Confira nossa análise!

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Videoaula Brasil Escola
Guia de Profissões
Publicidade e Propaganda
Que tal conhecer um pouco mais sobre as funções de um publicitário?
video icon
Videoaula Brasil Escola
Inglês
Genitive Case
É hora de aperfeiçoar sua gramática na Língua Inglesa. Assista!
video icon
Videoaula Brasil Escola
Português
Preposições
Vamos aprender mais sobre essa classe conectiva de termos?