Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Acordo ortográfico
  3. Acentos diferenciais em pôde e pôr

Acentos diferenciais em pôde e pôr

Os acentos diferenciais em pôde e pôr não sofreram alterações com o Novo Acordo Ortográfico da língua portuguesa.

Você já deve conhecer o Novo Acordo Ortográfico, certo? Poucas coisas foram alteradas, entre elas, o uso do acento diferencial nas palavras homófonas.

As palavras homófonas são aquelas que apresentam a mesma grafia e a mesma pronúncia, portanto, o acento diferencial tinha como finalidade facilitar a identificação desses vocábulos, evitando possíveis ambiguidades na escrita. Contudo, o acento foi abolido nas seguintes situações:

péla (do verbo pelar) e pela (a união da preposição com o artigo); 
pólo (o substantivo) e polo (a união antiga e popular de por e lo); 
pélo (do verbo pelar) e pêlo (o substantivo); 
pêra (o substantivo) e péra (o substantivo arcaico que significa pedra), em oposição a pera (a preposição arcaica que significa para).

pára (forma verbal) e para (a preposição).

No entanto, o acento diferencial permanecerá em dois casos, duas palavras que obrigatoriamente continuarão recebendo o acento diferencial. São elas:

Pôde e pode: Pôde, com acento circunflexo, indica que o verbo “poder” está conjugado na 3ª pessoa do singular do pretérito perfeito do indicativo, enquanto pode, sem o acento, é a forma conjugada do verbo “poder” na 3ª pessoa do singular do pretérito perfeito do indicativo. Observe os exemplos:

Pôde e pode e pôr e por, apesar de serem palavras homófonas, não entram na regra do Novo Acordo Ortográfico sobre o acento diferencial
Pôde e pode e pôr e por, apesar de serem palavras homófonas, não entram na regra do Novo Acordo Ortográfico sobre o acento diferencial

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Ele não pôde ficar para as festas de final de ano porque precisava trabalhar.
(pôde indica uma ação que ocorreu em um determinado momento do passado e que já foi terminada).

Ela não pode falar ao celular enquanto dirige!
(pode indica uma ação que ocorre no exato momento em que é narrada).

→ Pôr e por: O acento circunflexo do verbo pôr serve para diferenciá-lo da preposição por. Observe os exemplos:

Você pode pôr mais água no meu copo?
(pôr, forma do verbo “pôr” no infinitivo)

Ela declarou todo seu amor por mim.
(por, preposição que pode significar através de, para ou durante).

Portanto, os acentos diferenciais em pôde e pôr não foram eliminados, fique atento para não errar!

O Novo Acordo Ortográfico eliminou o acento diferencial das palavras homófonas, exceto em dois casos: pôde e pode, pôr e por
O Novo Acordo Ortográfico eliminou o acento diferencial das palavras homófonas, exceto em dois casos: pôde e pode, pôr e por
Publicado por: Luana Castro Alves Perez
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto
Lista de Exercícios

Questão 1

Complete as frases com POR ou PÔR:

a) Você pode ________ mais água para mim, por favor?

b) ________ tanto esforço, foi aprovada.

c) Não consigo _______ o livro na estante.

d) Vou _________ esta estrada.

e) Vamos _________ os pontos nos is.

Questão 2

Julgue as frases em certo ou errado quanto ao uso do verbo pôr:

a) ( ) Depois do trabalho, ele pôde descansar.

b) ( ) Você vai pôr esse caminho e eu vou pôr aquele.

c) ( ) Você pode pôr açúcar no café, por favor?

d) ( ) Um pôr todos e todos pôr um.

e) ( ) Vou pôr cada coisa em seu lugar.

Mais Questões
Assuntos relacionados
Palavras homógrafas, homófonas e homônimos perfeitos
Entenda o significado desses termos e não tenha mais dúvidas!
O acento diferencial
Veja em quais pares ele deixa de existir!
As novas mudanças entraram em vigor a partir de 1º de janeiro
A nova reforma ortográfica
Interaja-se sobre as mudanças ocorridas