Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Biologia
  3. Biologia celular
  4. Células
  5. Retículo endoplasmático

Retículo endoplasmático

O retículo endoplasmático pode ser dividido em dois tipos: o granular, que possui ribossomos em sua membrana, e o agranular, que não possui ribossomos.

No citoplasma de células eucarióticas, encontramos diversas organelas membranosas, entre elas o retículo endoplasmático. Essa organela é uma rede de vesículas e túbulos formada por uma membrana contínua junto à membrana externa que reveste o núcleo e delimita um espaço conhecido como cisterna do retículo endoplasmático.

O retículo endoplasmático está relacionado com diversas funções na célula. Dentre elas, podemos citar a produção de lipídios e proteínas que ocorre na membrana dessas organelas. Além disso, essa estrutura armazena cálcio, servindo como uma fonte de armazenamento intracelular.

O retículo endoplasmático pode ser dividido em dois tipos básicos: o rugoso ou granular e o liso ou agranular. O primeiro tipo apresenta como característica principal a presença de ribossomos na superfície da membrana voltada para o citoplasma. Já o retículo endoplásmatico agranular não apresenta ribossomos aderidos à membrana.

O retículo endoplasmático granular, que possui a membrana contínua à membrana externa que envolve o núcleo, tem como função principal guardar as proteínas que são usadas pela célula ou exportadas. Esse tipo de organela é, portanto, comum em tipos celulares que se relacionam com a síntese intensa de proteína, tais como as células do pâncreas e os plasmócitos. Além da segregação de proteínas, o retículo endoplasmático granular está relacionado com a glicosilação inicial das glicoproteínas, montagem de moléculas proteicas e a síntese de fosfolipídios.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O retículo endoplasmático agranular não apresenta ribossomos aderidos à membrana, que aparece contínua à membrana do retículo endoplásmatico granular. Esse tipo de retículo possui diversas funções, tais como síntese de alguns hormônios, síntese de fosfolipídios, hidrólise do glicogênio e processos de conjugação, oxidação e metilação. Esses últimos processos relacionam-se com a neutralização de substâncias tóxicas, tais como medicamentos. Nos hepatócitos e células que sintetizam hormônios esteroides a partir do colesterol, esse tipo de retículo é encontrado em abundância.

Outra função importante do retículo endoplasmático agranular é a de participação no processo de contração muscular. Essas organelas são encontradas nas células musculares estriadas e atuam acumulando e liberando íons cálcio para garantir o processo de contração. Nessas células, a organela é chamada de retículos sarcoplasmáticos.

Observe a localização do retículo endoplasmático na célula
Observe a localização do retículo endoplasmático na célula
Publicado por: Vanessa Sardinha dos Santos
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto
Lista de Exercícios

Questão 1

O retículo endoplasmático, organela encontrada em células eucarióticas, forma uma rede de vesículas e túbulos. Analise as alternativas a seguir e marque uma função que não pode ser atribuída a essa organela:

a) Produção de lipídios.

b) Produção de proteínas.

c) Armazenamento de cálcio intracelular.

d) Síntese de hormônios.

e) Digestão intracelular.

Questão 2

O retículo endoplasmático possui duas porções: uma granular e outra agranular. O retículo endoplasmático granular possui essa denominação por possuir __________ aderidos(as) à sua membrana.

Marque a alternativa que completa adequadamente o espaço acima:

a) mitocôndrias.

b) lisossomos.

c) ribossomos.

d) peroxissomos.

e) vacúolos.

Mais Questões
Assuntos relacionados
O modelo do primeiro microscópio
O Primeiro Microscópio
Você sabe em qual século o primeiro microscópio foi construído? Confira aqui!
Complexo golgiense
Conheça mais a respeito do complexo golgiense clicando aqui. Neste texto abordaremos as principais características dessa organela e suas funções.
Ribossomos
Amplie seus conhecimentos sobre os ribossomos clicando aqui! Neste texto falaremos sobre a estrutura do ribossomo bem como sobre seu papel na síntese de proteínas.
As organelas celulares estão localizadas no citoplasma da célula
Organelas celulares
Saiba mais sobre as organelas celulares, estruturas encontradas no interior da célula.
Cápsulas de fosfoetanolamina, a pílula do câncer
Propriedades da fosfoetanolamina
Conheça as propriedades da fosfoetanolamina, substância apontada como a possível cura do câncer.
Diferença entre células procarióticas e eucarióticas
Você sabe a diferença entre células procarióticas e eucarióticas? Clique aqui e amplie seus conhecimentos sobre esses dois tipos celulares e conheça suas diferenças.
A célula eucarionte animal.
Células Eucariontes
Células eucariontes são células com núcleo individualizado e um rico sistema de membranas.
Vesículas citoplasmáticas esféricas.
Peroxissomos
Vesículas que realizam a degradação do peróxido de hidrogênio.
O citoplasma e a morfologia das células.
Citoplasma
Fluido responsável pela consistência e forma das células.
Evolutivamente uma estrutura que proporcionou maior complexidade entre os organismos.
O Núcleo da Célula
Núcleo, Eucariontes, Membrana, Cromossomo, Nucléolo, Nucleoplasma, Cariolinfa, Robert Brown, Mononucleadas, Binucleadas, Multinucleadas, Anucleadas, Poros nucleares, Núcleo interfásico.
Membrana plasmática
Que tal ampliar seus conhecimentos a respeito da membrana plasmática? Clique aqui e conheça as principais características dessa membrana e suas funções!