Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Datas Comemorativas
  3. Novembro
  4. 19 de novembro – Dia da Bandeira

19 de novembro – Dia da Bandeira

Comemora-se o Dia da Bandeira, no Brasil, em 19 de novembro. Essa comemoração remete à atmosfera da instituição da República em nosso país, no ano de 1889. A República foi proclamada em 15 de novembro desse ano, e a nova bandeira, tal como a conhecemos hoje, foi concebida no dia 19 por Raimundo Teixeira Mendes.

A bandeira é um dos símbolos máximos de uma nação, aquele que mais fica em evidência, que representa efetivamente o país. Essa importância explica, em grande parte, a urgência dos republicanos em reformularem a bandeira nacional.

Leia também: Governo Deodoro da Fonseca – o primeiro governo republicano do Brasil

O Dia da Bandeira do Brasil é comemorado em 19 de novembro
O Dia da Bandeira do Brasil é comemorado em 19 de novembro.

Criação e importância da nova bandeira

A bandeira antiga representava o Império, trazendo em seu centro um brasão com a imagem da coroa e da cruz, símbolos que se tornaram indesejáveis para os republicanos, já que o presidencialismo e a laicidade eram características patentes do novo regime instituído. Entretanto, mesmo rejeitando o brasão imperial, Teixeira Mendes e seus auxiliares (Miguel de Lemos, Manuel Reis e Décio Villares) tomaram o fundo verde e o losango dourado da bandeira imperial como base para a nova bandeira.

A Bandeira Imperial brasileira teve o brasão retirado para composição da Bandeira Republicana
A Bandeira Imperial brasileira teve o brasão retirado para composição da Bandeira Republicana

No lugar do brasão, foi colocado um círculo azul marcado com as estrelas que seriam as mesmas do céu do Rio de Janeiro na noite de 15 de novembro de 1889 (essas estrelas seriam associadas posteriormente aos estados da Federação). Sobre o círculo azul, foi colocada uma faixa branca com a frase:Ordem e Progresso”. Essa frase é uma referência ao pensamento do filósofo positivista francês Auguste Comte, cuja influência foi extremamente grande entre os republicanos brasileiros.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

As cores de fundo da bandeira (o amarelo e o verde), por influência de alguns poetas românticos, também republicanos, e sobretudo por obra dos políticos que instituíram a República, passaram a se associar unicamente às características naturais do Brasil, como as florestas frondosas e a riqueza da flora e da fauna, representadas pelo verde, e as riquezas minerais, a opulência do ciclo do ouro, representados pela cor amarela. Essa representação oculta o simbolismo originário dessas cores.

Originariamente, as cores amarela e verde foram escolhidas para compor a bandeira imperial com o objetivo de representar as duas casas aristocráticas que haviam instituído a primeira dinastia brasileira, isto é, a casa dos Habsburgo, da Áustria, e a casa dos Bragança, de Portugal. À primeira, representada pela cor amarela, pertencia a esposa de D. Pedro I, a imperatriz Leopoldina. À segunda, representada pela cor verde, pertencia o imperador, filho de D. João VI. Essas cores foram escolhidas pela própria imperatriz e indicadas àquele que elaborou a bandeira imperial, o pintor Jean-Baptiste Debret.

Veja também: O Brasil segundo a visão de Jean-Baptiste Debret

Essas transformações simbólicas pelas quais passou nossa bandeira nacional fazem do dia 19 de novembro uma ocasião importante para refletirmos a respeito de nossa história e da importância dos símbolos na compreensão do passado de uma nação.

Publicado por: Cláudio Fernandes
Assuntos relacionados
15 de novembro – Dia da Proclamação da República
Acesse para saber mais sobre o dia 15 de novembro. Entenda por que esse dia é importante para a história brasileira e também feriado nacional.
Pedro de Alcântara ou Dom Pedro foi o grande nome do processo de independência do Brasil *
7 de setembro – Independência do Brasil
Veja nosso texto sobre o 7 de setembro e saiba mais sobre o processo de independência do Brasil. Entenda qual era o contexto e como foram os acontecimentos que levaram os brasileiros a declararem sua independência. Saiba ainda como a Revolução do Porto de 1820 contribuiu com a ruptura entre Brasil e Portugal.
A atual bandeira do Brasil foi implantada logo após a Proclamação da República, que aconteceu em 1889.
Bandeira do Brasil
Veja este texto e saiba um pouco mais sobre a história da bandeira do Brasil. Veja como surgiu o atual modelo, o significado das cores e outras curiosidades.
Com a independência, d. Pedro foi coroado imperador do Brasil e tornou-se d. Pedro I.[1]
Independência do Brasil
Acesse para saber como foi o processo de independência do Brasil. Entenda suas causas, seus principais acontecimentos e suas consequências.
Proclamação da República
Acesse o site e veja as causas da Proclamação da República em 1889. Conheça também os principais líderes que colaboraram para a derrubada do Segundo Reinado.
A Bandeira Nacional do Brasil teve forte inspiração dos ideais positivistas
Simbologias da bandeira nacional
Idealizada por positivistas, a bandeira nacional manteve alguns elementos da bandeira imperial, evidenciando continuidades durante a República.