Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. História do Brasil
  3. Bandeira do Brasil

Bandeira do Brasil

A bandeira do Brasil é um dos símbolos nacionais, conforme estipula nossa lei, e o atual modelo foi implantado logo após a Proclamação da República, em 1889.

A Bandeira Nacional, de acordo com a legislação brasileira, é um dos símbolos nacionais. A atual bandeira foi implantada por meio de uma lei decretada logo após a Proclamação da República, em 1889. A última alteração realizada na bandeira do Brasil aconteceu em maio de 1992, quando novas estrelas foram acrescentadas.

Acesse também: Por que um dos grandes heróis da pátria é considerado um mártir?

História da bandeira do Brasil

A atual bandeira foi resultado direto da Proclamação da República, que aconteceu em 15 de novembro de 1889. Esse acontecimento marcante da história brasileira fez com que o nosso país deixasse de ser uma monarquia e transformasse-se em uma república, e, com isso, símbolos do período monárquico foram substituídos.

Nesse sentido, a Bandeira Nacional foi um dos símbolos alterados. A atual bandeira do Brasil foi apresentada no dia 19 de novembro de 1889, apenas quatro dias após o fim da monarquia. Essa nova bandeira foi adotada devido ao Decreto nº04, lei que estipulava a alteração da bandeira e determinava como seria o novo modelo.

Essa lei foi assinada pelo presidente provisório, marechal Deodoro da Fonseca, e a nova bandeira foi produzida por Raimundo Teixeira Mendes, Miguel Lemos, Manuel Pereira Reis e Décio Vilares. As principais alterações que aconteceram foram:

• O losango amarelo teve seu tamanho redimensionado.

• O símbolo de Armas do Império, que constava na bandeira, foi trocado pela esfera republicana de cor azul.

• Adicionou-se um lema de orientação positivista: “Ordem e Progresso”. Esse lema foi escrito em letras verdes dentro de uma faixa branca.

• Na esfera azul, foram adicionadas estrelas como representação dos estados brasileiros. A posição dessas estrelas foi definida conforme estava o céu do Rio de Janeiro, em observação realizada no dia 15 de novembro, às 8:30h.

Atualmente, existe uma normatização da bandeira do Brasil que foi estipulada pela Lei nº 5.700, de 1º de setembro de 1971. Essa lei dispõe sobre os símbolos nacionais, sendo a Bandeira Nacional um desses símbolos. Sua última transformação foi realizada no dia 11 de maio de 1992, quando foram adicionadas estrelas que correspondem a Amapá, Roraima, Rondônia e Tocantins.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Significado das estrelas da bandeira do Brasil

O significado das estrelas na bandeira do Brasil é bastante simples. Elas são uma referência aos estados brasileiros, e sua posição está de acordo com a posição das constelações no céu da cidade do Rio de Janeiro no dia 15 de novembro de 1889. Apesar disso, astrônomos brasileiros provaram, posteriormente, que a posição das constelações na bandeira foi colocada de maneira equivocada.

Primeira bandeira do Brasil

Bandeira imperial
A bandeira imperial tinha a cor verde dos Bragança, o amarelo dos Lorena-Habsburgo e o brasão de armas no meio do losango.

A primeira bandeira do Brasil, como país independente, foi apresentada poucos dias depois do 7 de Setembro. Suas cores foram uma escolha de D. Pedro I, e a execução do desenho foi realizada pelo pintor francês Jean-Baptiste Debret. Este inspirou-se em modelos de bandeiras existentes nas tropas militares francesas durante os anos da Revolução Francesa. Além do fundo verde e do losango amarelo, na bandeira imperial há o brasão de armas do império, que também foi criado por Jean-Baptiste Debret.

Acesse também: Saiba como era o Brasil aos olhos de Jean-Baptiste Debret

Origem das cores da bandeira do Brasil

Como todos sabemos, as cores da bandeira do Brasil são verde, amarelo, azul e branco. A escolha dessas cores não foi acidental, pois cada uma delas refere-se, de alguma forma, a eventos relacionados com a história de Portugal, país que colonizou o Brasil. Entenda suas origens:

• Verde: essa cor era utilizada nas bandeiras dos primeiros povos lusitanos e, com o tempo, tornou-se um símbolo da luta dos habitantes da região de Portugal contra os mouros. O verde tornou-se, em Portugal, um símbolo de liberdade.

• Amarelo: essa cor tornou-se parte do brasão de armas de Portugal logo após a conquista de Algarve. A cor simbolizava os castelos conquistados dos mouros. No caso da nossa bandeira, o amarelo também pode ser uma referência aos Habsburgo-Lorena, a casa dinástica da esposa de D. Pedro I — D. Leopoldina.

• Azul e branco: essas cores remontam ao Condado Portucale, no qual Portugal surgiu. A cor da bandeira desse condado foi escolhida por D. Henrique da Borgonha.

Curiosidades

• Comemora-se o Dia da Bandeira no dia 19 de novembro.

• A legislação brasileira determina que no dia 19 de novembro podem ser realizadas cerimônias para incinerar bandeiras danificadas.

• A frase da nossa bandeira foi inspirada em uma frase do positivista francês Augusto Comte. A frase era a seguinte: “O amor por princípio e a ordem por base, o progresso por fim”.

• Existe um Hino à Bandeira, e ele foi criado em 1906 por Olavo Bilac.

A atual bandeira do Brasil foi implantada logo após a Proclamação da República, que aconteceu em 1889.
A atual bandeira do Brasil foi implantada logo após a Proclamação da República, que aconteceu em 1889.
Publicado por: Daniel Neves Silva
Assuntos relacionados
Monumento ao filósofo francês Auguste Comte na Praça Sorbonne, Paris – França.
Positivismo
Clique aqui e descubra o que foi o positivismo, corrente teórica do século XIX que priorizou o desenvolvimento da técnica e o cientificismo.
Proclamação da República, um golpe liderado por militares.
Proclamação da República
Proclamação da República, Movimento Republicano, Abolição da Escravatura, Movimentos militares, Positivismo, Queda de Dom Pedro II, Guerra do Paraguai, Deodoro da Fonseca, José do Patrocínio, golpe de Estado.
Quadro da eleição constitucional de Deodoro da Fonseca.
Governo Deodoro da Fonseca
República, Brasil República, Primeiros anos da República, Governo Deodoro da Fonseca, Governo Provisório, Rui Barbosa, encilhamento, inflação, constituição de 1891, governo constitucional, revoltas, tensões políticas, Custódio de Melo, revolta militar, greve dos trabalhadores da Estrada de Ferro da Central do Brasil, Custódio de Melo, fim do governo Deodoro da Fonseca.
Rui Barbosa: tentativa de modernização em meio uma economia agro-exportadora.
Encilhamento
Encilhamento, Rui Barbosa, política econômica, República da Espada, Governo Deodoro da Fonseca, taxas alfandegárias, emissão de papel-moeda, crise econômica, disputas políticas.
A organização do sistema eleitoral durante o período imperial.
O processo eleitoral no Brasil Império
A organização do sistema eleitoral durante o período imperial.
Acima, autorretrato de Jean-Baptiste Debret (1768-1848)
O Brasil segundo Jean-Baptiste Debret
Entenda as perspectivas sobre o Brasil segundo Jean-Baptiste Debret e a importância que elas podem ter para a compreensão do nosso país.
O principal veículo de propagação das ideias do IHGB era a sua revista
Criação do IHGB
Saiba como aconteceu a criação do IHGB no ano de 1838 e as necessidades que conduziram a essa criação.