Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Doenças
  3. Dor de cabeça do sorvete

Dor de cabeça do sorvete

Você já sentiu uma dor de cabeça fortíssima quando ingeriu algo gelado? É uma dor que vem e vai com uma rapidez tremenda, mas que incomoda bastante. Ela é chamada de dor de cabeça do sorvete.

É um tipo de dor de cabeça que pode ocorrer tanto em climas quentes quanto em climas frios, e costuma ser sentida no topo da cabeça, nas têmporas ou nos olhos. Essa dor pode acontecer com qualquer pessoa, principalmente em pessoas portadoras de algum tipo de dor de cabeça crônica primária, como a enxaqueca. Nos enxaquecosos, a ingestão de sorvete ou líquidos gelados, pode desencadear crises de enxaqueca.

Mas porque ocorre essa dor de cabeça quando se ingere qualquer substância gelada?

Ao ingerir sorvete ou outro líquido gelado, essa substância toca o palato mole (céu da boca). Ao tocá-lo, o cérebro interpreta como sendo uma agressão, e por isso causa a contração das artérias daquela região. Após serem contraídas, essas artérias se dilatam com muita rapidez, também em resposta à ação da substância gelada. Ao se dilatarem, as artérias comprimem a raiz do nervo da face, chamado de nervo trigêmeo, que, em consequência, estimula o nervo oftálmico, que se lança na testa e olhos, provocando a dor.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A melhor forma de se evitar essa dor de cabeça é ingerindo o alimento ou líquido gelado de maneira lenta e em pequenas quantidades, tentando evitar o seu contato com o céu da boca. Para as pessoas que sofrem com enxaqueca, a melhor forma é evitar o consumo de substâncias geladas, principalmente se a pessoa notar que esse consumo desencadeia crises.

A ingestão de substâncias geladas pode desencadear crises de enxaqueca
A ingestão de substâncias geladas pode desencadear crises de enxaqueca
Publicado por: Paula Louredo Moraes
Assuntos relacionados
Doença que provoca o acúmulo de gordura no organismo
Obesidade
Obesidade, o que é obesidade, causas da obesidade, o que a obesidade provoca, como classificar a obesidade, o tratamento para a obesidade.
A labirintite afeta o labirinto, uma região que fica dentro do ouvido e é essencial ao equilíbrio do nosso corpo
O que é labirintite e quais as suas causas
Conheça as causas, sintomas, tratamento e prevenção da labirintite clicando aqui.
A hemodiálise é necessária em casos mais avançados de insuficiência renal
Insuficiência renal crônica
Perda irreversível e progressiva da função renal.
O uso de suspensório escrotal, ao realizar atividades
Varicocele
A varicocele é um quadro caracterizado pela dilatação excessiva das veias que fazem parte do cordão testicular e que drenam o sangue dessa região. A varicocele é tratável.
Vermes responsáveis pela ascaridíase, popularmente chamados de lombrigas.
Doenças provocadas por vermes
Doenças provocadas por platelmintos e nematelmintos.
A tireoide produz hormônios que são importantes para o metabolismo do nosso organismo
Tireoide
Conheça aqui os hormônios produzidos pela tireoide e suas funções.
Hemácia falciforme (esquerda) e hemácias “normais” (direita)
Anemia falciforme
Na anemia falciforme, as pessoas acometidas apresentam hemácias rígidas, com pouco tempo de vida, e em forma de foice. Anemia falciforme não tem cura.
A imagem nos mostra pedras no interior de uma vesícula biliar. O tamanho de uma pedra pode variar entre 1 mm a 15 cm.
Pedra na vesícula
Clique aqui e saiba como ocorre a formação da pedra na vesícula, seus sintomas e tratamento.