Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Doenças
  3. Osteoporose

Osteoporose

A osteoporose é uma doença que acomete principalmente idosos e causa fragilidade nos ossos, aumentando os riscos de fraturas.

A osteoporose é um distúrbio que causa uma redução na densidade mineral óssea com a consequente elevação da fragilidade dos ossos. Como ocorre um aumento da fragilidade, as pessoas apresentam um maior risco de fraturas, que podem causar problemas sérios, dependendo do osso afetado.

Normalmente a doença atinge um número maior de mulheres, principalmente aquelas que estão na fase pós-menopausa, em razão principalmente da deficiência estrogênica. Sua incidência também é maior em pacientes idosos após os 65 anos de idade. Pessoas negras normalmente são menos afetadas.

Diversos fatores contribuem para que uma pessoa desenvolva osteoporose, sendo os principais a menopausa e a senilidade. Entretanto, ela também pode ser ocasionada por algumas doenças, tais como o hipercortisolismo, hiperparatireoidismo, hipertireoidismo e artrite reumatoide. O uso de glicocorticoides, alcoolismo e erros nutricionais também estão relacionados com o surgimento desse distúrbio.

Quando as causas são naturais, em virtude da idade e da menopausa, dizemos que a osteoporose é primária. Quando existe outra causa, como outras patologias e medicamentos, dizemos que ela é secundária. Quando não há causa aparente, dizemos que é uma osteoporose idiopática.


 


A osteoporose causa redução na densidade mineral óssea.

No início da doença, os pacientes não percebem os sintomas, por isso um diagnóstico precoce é muito raro. A doença é percebida, na maioria dos casos, após fraturas decorrentes de traumas pequenos. Essas lesões ocorrem principalmente nas vértebras, no punho e no fêmur. Além das fraturas, o aumento da cifose e a perda de estatura podem ser indicativos da patologia.

O diagnóstico da osteoporose é feito normalmente através de exames de densitometria óssea e ultrassonometria óssea. O primeiro exame permite verificar a perda óssea, o risco de fraturas, além de servir como ferramenta para averiguar a efetividade do tratamento. A ultrassonometria óssea, por sua vez, não apresenta a capacidade de verificar a densidade mineral óssea, entretanto, através do método, pode ser avaliado indiretamente o risco de fratura.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Existem diversos tratamentos para a osteoporose que variam de paciente para paciente. Entre os tratamentos mais indicados estão a suplementação com cálcio, vitamina D, bisfosfonatos, ranelato de estrôncio, raloxifeno, calcitonina e teriparatida. No caso das osteoporoses secundárias, é fundamental que o tratamento seja realizado a fim de tratar a causa primária.

Níveis adequados de cálcio podem evitar o surgimento precoce da osteoporose, uma vez que se diminui a reabsorção óssea. A ingestão de cálcio estabelece um equilíbrio, fazendo com que a absorção de cálcio e a perda no suor, urina e fezes não causem uma redução da massa óssea. É importante também que seja feita uma suplementação de vitamina D, uma vez que ela está relacionada com a absorção intestinal de cálcio.

Sendo assim, para a prevenção da osteoporose, recomenda-se que todos possuam uma dieta rica em cálcio e vitamina D. É importante também que seja realizada a exposição solar diariamente, uma vez que a vitamina D é produzida através da ação dos raios UVB. Em mulheres após a menopausa, recomenda-se a reposição hormonal. Os estrogênios, por exemplo, são usados porque diminuem a reabsorção óssea e reduzem o risco de fratura.

É recomendado também que pessoas a partir dos 35 anos já comecem a estabelecer medidas que mudem seus hábitos de vida, com um maior cuidado com a alimentação e a realização de exercícios físicos. Essa é a idade recomendada porque é nesse momento que se inicia a perda de massa dos ossos.

A osteoporose acomete principalmente mulheres idosas
A osteoporose acomete principalmente mulheres idosas
Publicado por: Vanessa Sardinha dos Santos
Assuntos relacionados
Dificuldade em tudo o que se relaciona com a matemática.
Discalculia
Discalculia, o que é discalculia, o que causa discalculia, os sinais que podem caracterizar a disculculia, como melhorar e facilitar a vida das pessoas com necessidades educativas especiais.
A anosmia pode causar sentimentos de frustração e tristeza.
Anosmia
Anosmia: mal causado pelo comprometimento permanente dos receptores de odor.
A caxumba é uma infecção viral que apresenta inflamação das glândulas salivares
Infecção, infestação e inflamação
Saiba no que consiste e as diferenças entre infecção, infestação e inflamação.
1º de outubro – Dia do Idoso
Clique aqui e saiba mais sobre o Dia do Idoso e também sobre a Lei n°10.741, também conhecida como Estatuto do Idoso.
A osteogênese imperfeita é chamada de doença dos ossos de vidro em razão da fragilidade dos ossos do portador
Osteogênese imperfeita
Saiba mais sobre a osteogênese imperfeita, uma doença genética também conhecida como doença dos ossos de vidro.
A terapia de reposição hormonal pode trazer muitos benefícios às mulheres
Reposição hormonal e a mulher
Descubra os benefícios e os riscos da terapia de reposição hormonal através deste texto!
Vitamina D
Aprenda um pouco mais sobre a vitamina D, suas formas existentes, como é sintetizada, os riscos relacionados a sua carência, e como é dosada.
Síndrome Neurológica
Enxaqueca
Enxaqueca, o que é enxaqueca, como a doença se manifesta, o que pode contribuir para uma crise de enxaqueca, tratamento das crises de enxaqueca e tratamento para prevenir a enxaqueca.
Eventos traumáticos podem propiciar a manifestação de certas doenças psicológicas.
Doenças psicológicas
Conheça diferentes doenças cujas manifestações são, muitas vezes, sutis.
É necessário o uso do aerosol para desprender o muco das paredes dos brônquios.
Bronquite
Bronquite, o que é bronquite, os brônquios, fatores que provocam a bronquite, bronquite aguda, bronquite crônica, tratamento para a bronquite, os sinais da bronquite.
Recém-nascidos precisam de fosfato de cálcio para desenvolver os ossos.
Cálcio
Mineral Cálcio, aleitamento materno, alimentos ricos em cálcio, derivados do leite, laticínios, fosfato de cálcio, osteoporose, baixos níveis de colesterol, doenças cardiovasculares, controle hormonal, redução de sintomas da tensão pré-menstrual.
Fuja da sombra: encare o sol!
Sol: vilão ou herói?
Afinal, o sol faz bem ou mal para a nossa saúde? Veja agora!
Hemácia falciforme (esquerda) e hemácias “normais” (direita)
Anemia falciforme
Na anemia falciforme, as pessoas acometidas apresentam hemácias rígidas, com pouco tempo de vida, e em forma de foice. Anemia falciforme não tem cura.
Os asmáticos apresentam uma inflamação nos brônquios.
Asma
Clique aqui e conheça mais sobre as causas, sintomas e tratamento da asma.