Whatsapp icon Whatsapp

Otosclerose

A otosclerose é uma doença hereditária causada pela má formação do estribo, estrutura que transmite a vibração do som até o ouvido interno.
Partes da orelha externa, orelha média e orelha interna
Partes da orelha externa, orelha média e orelha interna

A otosclerose é uma doença hereditária que atinge apenas os seres humanos. Ela é causada pela má formação do estribo, porém pode atingir a cóclea. O estribo é um dos ossículos da orelha média responsável por transmitir as vibrações do som para a orelha interna. A cóclea faz parte da orelha interna e é um dos órgãos responsáveis pela audição. Na maior parte dos casos, apenas 1 ouvido é afetado e a pessoa pode conviver com essa doença sem saber que a tem. Geralmente ela se manifesta após 20 ou 30 anos, podendo, em alguns casos, manifestar-se somente aos 50 anos.

É uma doença que atinge mais mulheres do que homens, e pode agravar-se durante a gravidez e a menopausa. A doença é gradativa e vai piorando com o passar dos anos. Quando a pessoa atinge 50 anos já corre o risco de surdez total.

Há dois tipos de otosclerose, a otosclerose do estribo e a otosclerose da cóclea. Na otosclerose do estribo, a má formação do osso impede que a vibração do som seja transmitida até o ouvido interno. Esse tipo de otosclerose pode ser corrigido com cirurgia, e no local do estribo coloca-se uma prótese de plástico ou metal.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Na otosclerose da cóclea, a má formação do estribo pode atingir também a cóclea. No interior da cóclea há um líquido e células sensoriais responsáveis por levar as vibrações do som até o nervo auditivo. No nervo auditivo transformam-se em impulsos e chegam até o SNC (sistema nervoso central). Nesse tipo de otosclerose, as células ciliadas da cóclea são afetadas, e não conseguem transmitir as vibrações sonoras até o nervo auditivo, causando a surdez. Esse tipo de otosclerose não pode ser resolvido com cirurgia.

É possível, com alguns medicamentos, fazer a doença parar de progredir ou progredir mais lentamente, dependendo do caso.

Publicado por Paula Louredo Moraes

Artigos Relacionados

É necessário o uso do aerosol para desprender o muco das paredes dos brônquios.
Bronquite
Bronquite, o que é bronquite, os brônquios, fatores que provocam a bronquite, bronquite aguda, bronquite crônica, tratamento para a bronquite, os sinais da bronquite.
Conjuntivite
A conjuntivite é uma doença que provoca vermelhidão nos olhos. Saiba mais sobre as formas de transmissão, causas, sintomas e tratamento dessa inflamação.
video icon
Português
Carta de solicitação
Ainda que as cartas sejam um gênero de pouco uso na atualidade pelos meios tradicionais, sua estrutura está muito presente na internet. Mas quando se trata de uma carta de solicitação, o que se espera do texto? Nesta aula, o professor Guga Valente explica!

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
videoaula brasil escola
Química
Cinética química
Se ainda tem dúvidas quanto a velocidade das reações, essa videoaula é para você!
video icon
videoaula brasil escola
Português
Redação
Entenda como realizar argumento por causa e consequência com a nossa aula.
video icon
videoaula brasil escola
História
Crise de 1929
A quebra da bolsa de valores de Nova Iorque afetou não só os EUA, como o mundo. Entenda!