Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Geografia
  3. Geografia Física
  4. Águas subterrâneas

Águas subterrâneas

As águas subterrâneas são aquelas que se acumulam abaixo da superfície, geralmente nos poros existentes na composição das rochas.

De toda a água proveniente da atmosfera em forma de precipitação, parte evapora-se e retorna novamente à atmosfera de imediato; outra parte escoa sobre a superfície em direção aos pontos de menor altitude do relevo da bacia hidrográfica, e outra parte infiltra-se no solo também em direção aos pontos mais baixos do relevo.

As águas subterrâneas referem-se a toda e qualquer quantidade de água presente abaixo da superfície terrestre. Essas águas posicionam-se nos poros, fraturas e falhas das rochas ou até em espaços maiores, tais como cavernas subterrâneas, como ilustra a imagem acima. Elas formam um importante recurso natural, pois em muitos casos abastecem as sociedades em maior quantidade do que os rios.

Obviamente, quanto maior for o nível de infiltração da água no solo, maiores deverão ser as reservas subterrâneas hídricas. Contudo, a quantidade de infiltração dependerá de alguns fatores básicos, a saber:

a) porosidade do solo: solos menos permeáveis ou menos porosos apresentam dificuldades para a infiltração de água. Em rochas argilosas, por exemplo, essa porosidade é menor, aumentando, assim, o nível de impermeabilidade.

b) declividade: terrenos mais planos ou com baixíssimo nível de declividade apresentam uma maior tendência à infiltração, pois a água ficará mais tempo sobre o solo. Consequentemente, áreas mais íngremes apresentam um nível de escoamento maior e também maior atuação de processos erosivos.

c) presença de vegetação: deixa o solo mais suscetível ao recebimento da carga de água e também ajuda na contenção da velocidade de queda das gotas de chuva, favorecendo, assim, a infiltração e o abastecimento dos lençóis freáticos.

d) velocidade de queda da chuva: chuvas mais fortes e rápidas apresentam um nível maior de escoamento da água, ao contrário da chuva mais lenta e fraca, em que a água cai em menor quantidade e tem mais tempo para infiltrar-se na superfície , pois o solo leva mais tempo para ficar saturado.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O acúmulo das águas subterrâneas pode acontecer em zonas saturadas de água e abranger grandes regiões, que são chamadas de aquíferos. No Brasil temos dois grandes aquíferos, o Guarani, que abrange partes das regiões Centro-Oeste, Sudeste e Sul, além de outros países, e também o Alter do Chão na região Norte. São grandes reservas de água que, se conservadas, podem garantir o fornecimento de recursos hídricos indefinidamente.

O nível em que a água está acumulada embaixo do solo é chamado de nível freático. Quando ele é baixo, é necessária a realização de uma intervenção mais profunda para a obtenção de água, mas quando ele se eleva, o acesso torna-se mais fácil. Quando o nível freático atinge algum ponto da superfície, surgem as nascentes, que podem ser contínuas o ano todo ou intermitentes.

Existem algumas vantagens na utilização das águas subterrâneas. Uma delas é que a qualidade da água costuma ser superior, pois, enquanto se infiltra, ela passa por sucessivos processos de filtragem e purificação, além de sofrer a ação de processos físico-químicos e biológicos que a tornam própria para consumo humano. Outras vantagens são suas reservas abundantes, a menor necessidade de transporte em alguns casos, o fato de serem relativamente protegidas de agentes poluidores, entre outras. Portanto, as águas subterrâneas são umas das mais importantes formas em que se apresentam os recursos hídricos na natureza.

As reservas subterrâneas são importantes fontes de recursos hídricos
As reservas subterrâneas são importantes fontes de recursos hídricos
Publicado por: Rodolfo F. Alves Pena
Assuntos relacionados
A água pode transformar-se em um grande fator geopolítico de guerras no mundo
Geopolítica da água
Confira uma análise geral sobre a geopolítica da água com alguns comentários sobre os principais conflitos por esse recurso em âmbito internacional.
Bacia do Rio Araguaia no ambiente do bioma Cerrado *
O Cerrado e a água no Brasil
Você sabia que o Cerrado abastece 8 das 12 grandes bacias hidrográficas brasileiras? Confira importantes informações sobre o Cerrado e a água no Brasil!
O Aquífero Alter do Chão encontra-se entre os recursos hídricos da Região Amazônica
Aquífero Alter do Chão
Confira os aspectos gerais do Aquífero Alter do Chão, como localização, utilização e as medidas necessárias para a sua conservação.
Conhecer as partes de um rio é importante para analisar qualquer rede ou bacia hidrográfica
Partes de um rio
Clique aqui e conheça as partes de um rio, isto é, a definição de nascente, leito, foz e outros conceitos importantes.
A fórmula química da água é H2O
Composição química da água
Entenda a composição química da água e como a sua estrutura influencia algumas de suas propriedades.
Localização do Aquífero Guaran
Aquífero Guarani
O maior reservatório subterrâneo de água doce do planeta.
Representação de uma bacia hidrográfica
Bacia Hidrográfica
Conheça as maiores bacias hidrográficas do mundo.
Água: abundante no planeta, escassa para o homem
A distribuição da água no mundo
A distribuição da água no mundo em termos quantitativos e geográficos.
São os aquíferos que alimentam boa parte das nascentes de água
Aquífero
Entenda o que é um aquífero, quais são os seus tipos, como eles funcionam e a importância desse recurso natural para a sociedade.