Whatsapp icon Whatsapp

O relevo e a hidrografia da região Norte

O maior rio do mundo encontra-se na região Norte.
O maior rio do mundo encontra-se na região Norte.
A região norte apresenta basicamente três unidades de relevo: planície, depressão e planalto. Em todo território são identificadas diversas altitudes, no entanto, grande parte da região é constituída por uma topografia plana. Esse aspecto interfere na configuração da hidrografia, pois os rios escoam suas águas de forma serena e lenta, tornando-os viáveis para a navegação.

Grande parte dos rios escoa suas águas em lugares de planaltos e depressões, apesar de os rios de grande relevância, como Amazonas, Araguaia e o Guaporé, cortarem áreas de planícies.

Em uma área de planalto encontra-se o ponto mais alto do país, com 2.993,8 metros de altitude, denominado de Pico da Neblina, localizado a noroeste do estado do Amazonas.

A região norte abriga um grande potencial hídrico com a presença da Bacia do Amazonas, as águas que escoam sobre a mesma representam 20% de toda água doce proveniente de rios do mundo.

O Amazonas é o maior rio do mundo, em extensão (6.571 km) e em volume (média de 180.000 m3/s), isso se deve pelo elevado índice pluviométrico da região e aos 7 mil afluentes. O rio Amazonas possui cerca de 5 km de largura e pode atingir até 100 metros de profundidade.
Publicado por Eduardo de Freitas
Assista às nossas videoaulas

Artigos Relacionados

Estrutura Geológica do Brasil
A composição geológica do território brasileiro.
video icon
"Sistema Reprodutor Feminino" escrito sobre fundo azul ao lado da ilustração de um corpo feminino
Biologia
Sistema Reprodutor Feminino
Sobre os sistemas reprodutores, podemos concordar que o feminino apresenta uma organização muito mais simples se comparado com o masculino e podemos dizer que é perfeito. Um sistema responsável por produzir um gameta e acomodar todo o processo de desenvolvimento de um bebê só podia estar presente nas mulheres. O sistema reprodutor feminino é formado por órgãos internos e estruturas externas, e possui pouca relação com o sistema excretor.