Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. História Geral
  3. Idade Média
  4. Batalha de Poitiers

Batalha de Poitiers

A Batalha de Poitiers foi travada em 732 entre o reino dos Francos e o Emirado de Córdoba.

Sabemos que nos séculos VII e VIII houve uma gradual e pujante expansão do islamismo. Essa expansão começou na Península Arábica, onde o profeta Maomé começou a promover as suas primeiras conversões, depois se estendeu em direção à região da Anatólia, atual Turquia, ao Norte da África e ao Mar Mediterrâneo. Essa expansão logo alcançou também o continente europeu. A Península Ibérica foi quase completamente tomada pelos muçulmanos em pouco tempo. O acontecimento que marcou o refreamento do avanço islâmico sobre a Europa foi a Batalha de Poitiers, travada em 732.

A Batalha de Poitiers foi travada entre o reino dos Francos, um dos primeiros reinos cristãos, então comandado por Carlos Martel, e o emir de Córdoba (um dos centros políticos islâmicos formados na Espanha), Abd al-Rahman. Os conflitos entre muçulmanos e francos já datavam desde a segunda década do século VIII, haja vista que o Emirado de Córdoba foi instituído em 711. Na passagem da década de 720 para 730, os muçulmanos conseguiram avanços significativos, adentrando os territórios de cidades importantes do centro-sul da França, como Avignon, Lyon e Bourdeaux.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Para conter o avanço dos islamitas, Carlos Martel posicionou suas tropas entre as cidades de Tours e Poitiers, local onde seria travada a batalha decisiva contra os exércitos de Abd al-Rahman. Um dos problemas era o fato de o exército franco ser composto fundamentalmente de infantaria, isto é, de soldados que lutavam sem o auxílio de animais, como cavalos. Os muçulmanos, ao contrário, valiam-se da cavalaria. Em compensação, os francos eram mais bem equipados com armas como machados, lanças e espadas.

O exército de Carlos Martel adotou a estratégia da formação de falanges (formações de infantaria) em forma de quadrado para suportar os golpes pelos flancos, desferidos pela cavalaria muçulmana. A batalha durou cerca de sete dias, gerando uma cena de carnificina. A vitória foi dos cristãos e representou um ponto importante para a formação do que entendemos hoje por Europa.

A Batalha de Poitiers ocorreu em 732
A Batalha de Poitiers ocorreu em 732
Publicado por: Cláudio Fernandes
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto
Lista de Exercícios

Questão 1

(UNIP) A importância da Batalha de Poitiers, em 732, no contexto da história da Europa, justifica-se em função de que:

a) os cristãos foram derrotados pelos árabes, consolidando-se o feudalismo europeu;

b) a derrota árabe frente ao Reino Franco impediu a islamização do Ocidente;

c) a partir daí teve início a Guerra de Reconquista na Península Ibérica;

d) com essa vitória, Carlos Martel tornou-se imperador dos francos;

e) esse evento assinalou o limite da expansão cristã no Mediterrâneo.

Questão 2

A Batalha de Poitiers, travada em 732, foi decisiva para frear o avanço da expansão islâmica na Europa Ocidental. Do lado europeu, o centro político que enfrentou os muçulmanos foi o Reino Franco, comandado por Carlos Martel. Do lado muçulmano, a investida partiu:

a) do Império Turco-Otomano.

b) da taifa de Valência.

c) dos Emirados Árabes Unidos.

d) do Califado de Córdoba.

e) da Arábia Saudita.

Mais Questões
Assuntos relacionados
Frederico II, rei da Prússia, foi um dos principais envolvidos na Guerra dos Sete Anos
Guerra dos Sete Anos
Entenda o que foi e que importância teve a Guerra dos Sete Anos, que nasceu de uma rivalidade entre o Império Austríaco e o Reino da Prússia.
Carlos Magno empreendeu ações políticas que marcaram o auge do Reino dos Francos.
Reino dos Francos
Império Romano do Ocidente, Clóvis, Igreja Católica, reis indolentes, major domus, prefeito do palácio, Batalha de Poitiers, Pepino, o Breve; Patrimônio de São Pedro, Carlos Magno, missi dominici, marqueses, duques, Tratado de Verdun, Carlos, o Calvo; Luís, o Germânico; Lotário, capetíngios, normandos, magiares e árabes.
Mesquita Umayyad, ou a “Grande Mesquita”, construída pelos Omíadas
Expansão Islâmica
Saiba como ocorreu o início do processo de expansão islâmica no século VII e quais foram as divergências entre os califas – sucessores de Maomé.