Whatsapp icon Whatsapp

Missa do Galo

A Missa do Galo é uma tradição muito antiga da Igreja Católica e consiste basicamente em uma celebração que é realizada à meia-noite na véspera de Natal, isto é, na passagem do dia 24 para o dia 25 de dezembro. É uma cerimônia que celebra o nascimento de Jesus Cristo, evento que, de acordo com a tradição católica, aconteceu em 25 de dezembro.

A principal Missa do Galo é realizada na Basílica de São Pedro, localizada no Vaticano, e é conduzida pelo próprio papa, por isso costuma ser televisionada para milhões de pessoas em todo o mundo. Outras missas do tipo são realizadas em diferentes partes do mundo, inclusive no Brasil.

Acesse também: Corpus Christi – a celebração em homenagem a um sacramento do catolicismo

Por que essa celebração é chamada de Missa de Galo

A Basílica de São Pedro, no Vaticano, recebe milhares de pessoas para assistirem à Missa do Galo.
A Basílica de São Pedro, no Vaticano, recebe milhares de pessoas para assistirem à Missa do Galo.

Infelizmente, essa é uma pergunta sem resposta clara. Os historiadores não sabem dizer por que chamamos a missa de véspera de Natal de “Missa do Galo”. No entanto, existem uma série de teorias que tentam responder a essa pergunta. O termo só é utilizado nos países que falam português e espanhol. Em outros idiomas, como o inglês, o alemão e o italiano, a Missa do Galo é conhecida genericamente como “Missa da Meia-noite”.

Uma das teorias que se objetiva explicar a origem do termo diz que, durante o nascimento de Jesus, um galo cantou e isso foi interpretado como um sinal, revelando a anunciação de Jesus Cristo. Outra teoria aponta para o fato de que na região de Toledo, região central da Espanha, era comum que camponeses matassem galos quando o sinal da Igreja que anunciava o Natal soasse. Nessa teoria, o galo era sacrificado, levado à igreja e sua carne distribuída aos necessitados.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Ainda há a teoria relacionada à região da Península Ibérica, a qual narra que camponeses de Portugal e Espanha tinham como costume levar galos para a missa de Natal. Outras teorias dizem que o nome deriva do fato de que peregrinos que iam até Belém, na época do Natal, chegavam na cidade na hora em que o galo cantava.

A última e uma das mais famosas teorias sugere que a missa leva esse nome por causa de uma fala de seu criador, o papa Sisto III. Diz-se que ele anunciou a criação de uma missa para celebrar o nascimento de Jesus “na hora em que o galo cantasse”. Todas essas teorias carecem de evidências.

Acesse também: Páscoa Cristã - a principal celebração do cristianismo

Quem foi o criador dessa missa?

Acredita-se que o criador da Missa do Galo tenha sido o já mencionado papa Sisto III, em algum momento do século V. Alguns dizem que São Telesfóro, em 143, foi o criador dessa missa, porém essa última hipótese é mais difícil de se acreditar, uma vez que no século II, até onde se sabe, não existia comemoração do Natal no calendário dos cristãos.

Publicado por Daniel Neves Silva

Artigos Relacionados

Corpus Christi
Clique neste link do Mundo Educação e tenha acesso a uma série de informações sobre uma tradicional festa que faz parte do calendário do catolicismo. Neste texto entenderemos do que se trata a data de Corpus Christi, isto é, o que a data celebra, e entenderemos a origem dessa festa que foi criada no século XIII.
Origem da Árvore de Natal
Acesse este texto e amplie seus conhecimentos a respeito de um dos símbolos mais tradicionais do período natalino: a árvore de Natal. Conheça um pouco sobre a origem e a evolução desse símbolo ao longo da história. Entenda também o que a árvore representava para diferentes povos da antiguidade.
Origem dos presentes de Natal
Clique aqui e conheça as teorias que existem sobre a origem dos presentes de Natal. Descubra como essa prática se reproduz no Brasil e no mundo.
video icon
Professora ao lado do texto"Aposto".
Português
Aposto
Aposto é o nome que se dá ao elemento sintático que se junta a outro a título de explicação ou de apreciação. Assista a esta videoaula e aprenda um pouco mais sobre o emprego e a classificação desse termo acessório da oração.