Whatsapp icon Whatsapp

Clorofórmio

O clorofórmio é um líquido incolor, volátil e altamente tóxico
O clorofórmio é um líquido incolor, volátil e altamente tóxico

Clorofórmio é um composto pertencente ao grupo dos haletos orgânicos. Ele é na realidade o composto triclorometano (CHCl3).

Fórmulas do clorofórmio – triclorometano

Ele é um líquido incolor, volátil, mais denso que a água e de cheiro característico agradável. Em presença de luz ele se oxida gerando o cloreto de carbonila, também chamado de fosgênio. Este composto é um gás tóxico e corrosivo. Então, para impedir a sua oxidação, o clorofórmio é abrigado em frascos que impedem a entrada de luz (conforme as figuras abaixo) e ainda se adiciona um pouco de álcool etílico para destruir o fosgênio porventura existente.

O clorofórmio deve ser guardado em frascos que impeçam a entrada de luz, evitando que ele oxide

O clorofórmio foi obtido pela primeira vez em 1831, por Liebig e Soubeiran, a partir do álcool etílico, sob a ação de cloro e solução diluída de hidróxido de sódio.

Ele foi usado pela primeira vez como anestésico em procedimentos cirúrgicos, em 1847, na Inglaterra. Ele atuava da seguinte maneira: ao ser aplicado sobre a pele, a temperatura abaixava, pois ele absorvia calor; deste modo, os nervos sensitivos perdiam a atividade e a sensação de dor diminuía.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Porém, seu uso foi gradativamente abandonado, em razão do seu alto grau de toxidade, tanto por ingestão quanto por inalação. Ficou comprovado também que o clorofórmio pode causar parada respiratória, comprometimento do sistema nervoso central e danos irreparáveis ao fígado e rins.

Ele também é bastante empregado como solvente de verniz e borrachas. Apesar de pouco solúvel na água, ele atua também como poluente dela. 

O clorofórmio foi usado como anestésico em cirurgias pela primeira vez em 1847

Comercialmente, o clorofórmio é obtido através da reação de redução do tetracloreto de carbono (CCl4):

Reação de obtenção do clorofórmio a partir do tetracloreto de carbono

Publicado por Jennifer Rocha Vargas Fogaça

Artigos Relacionados

Seus olhos podem ser sua senha.
Biometria: tecnologia precisa
Tecnologia que identifica uma pessoa através de traços biológicos.
O DDT é um haleto orgânico cujo nome oficial é bastante complexo (1,1,1-tricloro-2,2-di (p-clorofenil))
Classificação e Nomenclatura dos Haletos Orgânicos
Entenda como são classificados os haletos orgânicos e aprenda a realizar a nomenclatura oficial e usual desses compostos.
Por meio do deslocamento de um equilíbrio químico, as lentes fotossensíveis escurecem com a radiação solar
Equilíbrio químico em lentes fotossensíveis
Entenda como funcionam as lentes fotossensíveis que escurecem ou clareiam, conforme a luminosidade local.
Qual o segredo da composição da borracha?
Investigando a borracha
O que faz a borracha apagar a grafite? Clique aqui e descubra!
O gelo pegando fogo é na verdade um hidrato, cuja chama é alimentada pelo gás metano
O gelo que pega fogo
Descubra qual é o segredo do gelo que pega fogo, bem como de águas dos rios que queimam. Veja aqui qual é a substância responsável por esses fenômenos!
Cristais salinos encontrados no Mar Morto.
Por que o mar morto recebe este nome?
Conheça as propriedades do ponto mais baixo do planeta Terra.
A laranja é rica em vitamina C
Vitaminas solúveis e insolúveis
O perigoso consumo de vitaminas insolúveis.
video icon
Filosofia
Relativismo moral
Uma posição relativista é aquela que entende que não há um padrão certo e seguro para determinar-se o valor de qualquer asserção, seja ela moral, seja ela epistemológica etc. O relativismo moral é a aplicação disso na ética: existe certo e errado ou é tudo uma questão de perspectiva cultural? Assista a nossa aula e descubra!

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Videoaula Brasil Escola
Inglês
Genitive Case
É hora de aperfeiçoar sua gramática na Língua Inglesa. Assista!
video icon
Videoaula Brasil Escola
Sociologia
Democracia racial
Você sabe o que significa democracia racial? Clique e nós te ensinamos!
video icon
Tigres Asiáticos
Geografia
Tigres Asiáticos
Assista à nossa videoaula sobre os Tigres Asiáticos, e conheça as razões do desenvolvimento rápido desses territórios.