Zircônio

O Zircônio é o elemento químico de número atômico 40 que está situado na Tabela Periódica na família 4 ou 4B, sendo, portanto, um elemento de transição .

Dados relacionados ao elemento zircônio

Gemas que continham zircônio já eram conhecidas desde os tempos bíblicos, denominadas de jargão, zircão e jacinto. Mas, o zircônio só veio a ser descoberto em 1789 pelo químico Martin Heinrich Klaproth (1743-1817), que o encontrou em pedras semipreciosas vindas do Ceilão (atual Siri Lanka). Somente em 1824 é que o zircônio foi isolado pelo químico sueco Jöns Jacob Berzelius.

Klaproth descobriu o zircônio e Berzelius o isolou
Klaproth descobriu o zircônio e Berzelius o isolou

O nome zircônio vem do árabe zargum, que significa “cor dourada”, porque Klaproth descobriu esse elemento a partir do minério zircão (ZnSiO4), que possui cor de ouro. Mas, o próprio zircônio é branco prateado em estado metálico quando purificado e cinza prateado em estado impuro (como o mostrado na figura no início deste texto).

Antigamente, achava-se que as variedades incolores do zircônio eram um tipo inferior de diamante e, por isso, hoje em dia ele é muito utilizado na indústria de joias.

Pedras de zircônio em joia

A zircônia (óxido de zircônio - ZrO2) é o composto do zircônio mais importante atualmente. Uma de suas propriedades mais importantes é o seu ponto de fusão, que é acima de 2500ºC. Por isso, esse metal é aplicado no interior de reatores de fusão nuclear, suportando as elevadíssimas temperaturas. Além do mais, ele também não absorve os nêutrons que o reator produz, processo que pode transformar metais em isótopos radioativos perigosos.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Também por resistir a temperaturas, ele é utilizado como revestimento para fornalhas e para fazer conchas gigantes para metal derretido.

Portanto, o zircônio tem a grande vantagem de ser um elemento muito seguro e sua utilização nos produtos do cotidiano tem sido cada vez mais cogitada. Por exemplo, os sais de zircônio estão substituindo o chumbo nas tintas para melhorar a secagem.

O hidroxicloreto de zircônio é o componente antiperspirante mais utilizado em desodorantes roll-on, substituindo os compostos de alumínio.

O zircônio é utilizado em antiperspirantes

O dióxido de zircônio na forma de cerâmicas superfortes é utilizado para construir motores para tanques militares. Essas cerâmicas superfortes têm também várias outras aplicações, como em ferramentas de corte rápido para indústrias, facas, tacos de golfe, tesouras, entre outros.

A televisão que temos em casa também possui zircônio em suas telas, com a finalidade de nos proteger dos raios-X.

O zircônio é utilizado na tela da televisão


* Autor da imagem: Jurii

O zircônio é um metal sólido cinza prateado*
O zircônio é um metal sólido cinza prateado*
Publicado por: Jennifer Rocha Vargas Fogaça
Assuntos relacionados
O Cálcio se faz presente na crosta lunar.
Elemento Cálcio
Saiba a porcentagem deste elemento na Terra e na Lua.
Nitrato de potássio: chama violeta.
Potássio
Na natureza o potássio é um metal, em nosso organismo ele é um mineral. Clique e entenda!
Mercúrio: líquido tóxico.
Metal Mercúrio
Atente-se para os perigos oferecidos por esse metal pesado.
Como os cientistas realizam descobertas atômicas?
Ununócio
Saiba como esse elemento foi sintetizado em laboratório.
Pulseira em inox: presença de níquel.
Níquel
Os efeitos tóxicos deste metal em nosso organismo.