Whatsapp icon Whatsapp

Angiospermas

Flor e fruto: estruturas encontradas unicamente nas angiospermas.
Flor e fruto: estruturas encontradas unicamente nas angiospermas.
As angiospermas correspondem à grande maioria das plantas que vemos em nosso dia a dia, estando distribuídas nos mais diversos ambientes e se apresentando nas mais diversas formas e tamanhos. Elas têm como característica principal a presença de flores completas, onde encontramos as estruturas reprodutivas das plantas. Assim, temos flores dotadas somente de gineceu: o sistema reprodutor feminino; outras só com androceu, que é o sistema reprodutor masculino; e, ainda, flores hermafroditas, cuja maioria desenvolveu mecanismos que dificultam a autofecundação. O grão-de-pólen é formado no interior da antera, no androceu.




Por serem muitas vezes vistosas e dotadas de nectários, as flores das angiospermas atraem animais, como pequenos invertebrados, aves e morcegos. Tais seres vivos, ao entrarem em contato com várias flores de uma mesma espécie, propiciam o encontro de grão-de-pólen com estruturas reprodutivas femininas. Assim, a polinização das angiospermas não ocorre unicamente pela ação do vento, como nas gimnospermas.

Após a polinização, o embrião se desenvolve, os tecidos do óvulo se desidratam e ambas as estruturas formam a semente. A parede do ovário se desenvolve em torno da semente e forma o fruto, que é também uma estrutura característica nas angiospermas.

O fruto, que muitas vezes se apresenta suculento e saboroso, serve de alimento para animais que, após ingeri-lo, liberam as sementes juntamente com suas fezes, propiciando sua dispersão.

Há, ainda, frutos com adaptações que permitem com que sejam dispersos pelo vento; outros que possuem estruturas que os tornam capazes de flutuar na água, sendo levados pelas correntezas a longas distâncias; ou que propiciam com que grudem no pelo de animais e sejam deslocados para novas regiões. Quando a dispersão é feita por animais, falamos em zoocoria. Quando a água é o agente dispersor, trata-se de hidrocoria. Já anemocoria é o termo utilizado para a dispersão do fruto e semente pelo vento.

As angiospermas também podem se reproduzir assexuadamente. A formação de novas violetas a partir de folhas de indivíduos preexistentes é um exemplo de propagação vegetativa. Há também a reprodução assexuada por meio de enxertos, a estaquia, propagação vegetativa, dentre outros tipos.

Quanto à classificação dessas plantas, o texto “Nova Classificação das Angiospermas”, do nosso site, explica tal assunto de forma bastante didática.

Por Mariana Araguaia
Graduada em Biologia
Publicado por Mariana Araguaia de Castro Sá Lima
Assista às nossas videoaulas

Artigos Relacionados

A auxina está relacionada com a dominância apical em uma planta
A importância das auxinas para os vegetais
Veja por que as auxinas são tão importantes para as plantas e como elas atuam.
O milho é um exemplo de planta polinizada pelo vento
Agentes polinizadores
Aprenda mais sobre os agentes polinizadores e entenda a importância deles para a manutenção de algumas espécies vegetais.
As angiospermas são o único grupo de plantas que apresenta a dupla fecundação
Dupla fecundação
Compreenda o processo de dupla fecundação, um evento típico das angiospermas que envolve dois gametas masculinos.
Fotossíntese
Que tal aprender sobre fotossíntese, o processo que ocorre em plantas, principalmente nas folhas, e em outros organismos? Entenda seu funcionamento e sua importância!
Fruta
Conheça mais sobre as frutas. Neste texto falaremos o que são frutas, sobre a importância de incluí-las na dieta, e conheceremos o nome de 50 frutas.
Durante a germinação, a primeira estrutura a emergir da semente é a raiz.
Germinação
Neste texto, aprenderemos sobre o processo de germinação da semente e conheceremos os fatores necessários para que ela ocorra.
A ação dos fitormonios a favor do comércio
Hormônios Vegetais
A ação dos hormônios no desenvolvimento da planta.
A inflorescência encontrada na família Asteraceae é conhecida como capítulo
Inflorescência
Aprenda o que são inflorescências e conheça seus principais tipos.
O coqueiro é um exemplo de monocotiledônea.
Monocotiledôneas
Aprenda mais sobre as monocotiledôneas, um grupo importante das angiospermas que inclui como representantes as gramas e orquídeas.
As angiospermas são plantas que possuem flores
Nova classificação das angiospermas
Entenda a nova classificação das angiospermas e conheça as principais características do grado ANITA, magnolídeas, monocotiledôneas e eudicotiledôneas.
Pteridófitas
Descubra mais sobre as pteridófitas lendo nosso texto. Apresentaremos aqui as características básicas desse grupo, sua reprodução e classificação.
A semente garante nutrientes para o embrião
Semente
Conheça as principais características da semente e sua importância para os vegetais.
Células do parênquima amilífero contendo amiloplastos.
Tecidos parenquimáticos
Um tecido vegetal com função de preenchimento, e armazenamento.
Os frutos podem ser definidos como o ovário maduro
Tipos de frutos
Entenda a classificação dos diferentes tipos de frutos em simples, agregados e múltiplos e conheça alguns dos principais exemplos.
video icon
Matemática
Divisão de números complexos na forma trigonométrica
Nesta aula veremos como realizar a divisão de números complexos na forma trigonométrica. Além disso, ensinaremos como determinar o seno e o cosseno de ângulos diferentes de 30º, 45º e 60º pensando no ciclo trigonométrico.

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Videoaula Brasil Escola
Filosofia
Anaxágoras
Assista nossa videoaula para entender mais sobre o pensamento pluralista de Anaxágoras.
video icon
Videoaula Brasil Escola
Guia de Profissões
Publicidade e Propaganda
Que tal conhecer um pouco mais sobre as funções de um publicitário?
video icon
Videoaula Brasil Escola
Inglês
Estrangeirismo
Nessa videoaula você entende sobre o estrangeirismo na música "Samba do Approach."