Folhas

As folhas são estruturas importantes para o vegetal, uma vez que se relacionam com a fotossíntese. Geralmente essas estruturas apresentam formato laminar e são verdes.

As folhas são estruturas vegetais de crescimento limitado e, geralmente, de cor verde. São especializadas, principalmente, na realização da fotossíntese. Entretanto, elas também atuam na respiração, transpiração, como estrutura de reserva e até mesmo defendendo o vegetal contra herbívoros, seja atuando como barreira física, seja como barreira química.

Anatomia da folha

A folha é formada por tecidos de revestimento, do sistema fundamental e do sistema vascular. A epiderme reveste toda a folha, e costuma-se considerar duas faces: a face adaxial (em cima) e abaxial (embaixo). Na epiderme ocorrem os estômatos relacionados com as trocas gasosas e podem aparecer também tricomas e outras células especializadas.

Situado entre a epiderme, encontramos o mesofilo, região com tecido fundamental. É no mesofilo que encontramos parênquima fotossintetizante, além do sistema vascular da folha. O sistema vascular aparece como feixes vasculares que penetram pelo mesofilo e ligam-se continuamente ao sistema vascular do caule. Quando olhamos as nervuras, estamos observando os feixes vasculares (xilema e floema).

Analisando as nervuras das folhas, percebemos que, na maioria das eudicotiledôneas, existe uma nervura central contínua com o pecíolo de onde partem ramificações. Nas monocotiledôneas, no entanto, o padrão é diferenciado e o que observamos são nervuras paralelas.

Morfologia da folha

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Apesar da diferença encontrada entre uma folha e outra, podemos destacar algumas estruturas morfológicas:

  • Limbo: também chamado de lâmina, é a porção expandida da folha e geralmente apresenta forma achatada.

  • Pecíolo: liga a folha ao caule e, em estrutura, assemelha-se muito a ele. Quando a folha não apresenta pecíolo, é chamada de séssil.

  • Estípula: estruturas escamiformes ou semelhantes às folhas que se desenvolvem na base de algumas folhas. Geralmente há duas estruturas dessas presentes.

  • Bainha: expansão da base da folha que dá uma volta ao redor do caule. Essa expansão é muito comum em gramíneas.

As folhas podem ser agrupadas em dois grupos básicos: folhas simples e folhas compostas. As folhas simples são aquelas em que o limbo não é dividido. As folhas compostas, por sua vez, apresentam o limbo dividido em pequenas porções chamadas de folíolos. Cada folíolo pode ter ainda um pequeno pecíolo, que, nesse caso, é chamado de peciólulo.

As folhas compostas podem ser ainda classificadas em dois tipos: pinadas e palmadas. As pinadas são aquelas em que os folíolos partem da raque (prolongamento do pecíolo) como uma pena. A palmada, por sua vez, tem seus folíolos partindo logo da extremidade do pecíolo.

As folhas geralmente são verdes e desempenham importante papel na fotossíntese
As folhas geralmente são verdes e desempenham importante papel na fotossíntese
Publicado por: Vanessa Sardinha dos Santos
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto
Assista às nossas videoaulas
Lista de Exercícios

Questão 1

As folhas são estruturas de formato, geralmente, laminar que são responsáveis por grande parte do processo de fotossíntese de uma planta. Observe as alternativas a seguir e marque aquela em que se encontra o nome dado à superfície achatada das folhas:

a) pecíolo.

b) limbo.

c) bainha.

d) estípula.

e) nervura.

Questão 2

A figura abaixo mostra várias folhas de milho. Observe que elas apresentam uma porção terminal bastante desenvolvida que abraça o caule. Essa estrutura é denominada de:

Observe detalhadamente a estrutura da folha do milho
Observe detalhadamente a estrutura da folha do milho

a) pecíolo.

b) limbo.

c) bainha.

d) estípula.

e) mesofilo.

Mais Questões
Assuntos relacionados
Fotossíntese
Que tal aprender sobre fotossíntese, o processo que ocorre em plantas, principalmente nas folhas, e em outros organismos? Entenda seu funcionamento e sua importância!
Morfologia externa de uma raiz.
Raízes de dicotiledôneas e monocotiledôneas
Órgão que dá suporte aos vegetais, entre outras funções.
Alporquia: tipo de reprodução assexuada.
Reprodução assexuada nas angiospermas
Vantagens e exemplos da reprodução assexuada em angiospermas.
As raízes garantem a absorção de água e nutrientes para a planta
Absorção de água e nutrientes
Entenda como ocorre a absorção de água e nutrientes pela planta e conheça o caminho que essas substâncias percorrem até o xilema.
A coloração das folhas de hortelã ocorre em virtude da presença de clorofila
Por que as plantas são verdes?
Compreenda por que algumas plantas são verdes e outras não.
Hidatódio
Tecidos de Excreção
Os tecidos de excreção expelem substâncias inúteis ou até mesmo nocivas às plantas. Confira!
A clorofila é o pigmento verde das folhas.
Química da fotossíntese
Química da fotossíntese, fotossíntese de plantas, petróleo, carvão, fonte de energia, molécula de clorofila, energia luminosa, constituição celular, processo fotossintético das plantas, absorção de luz, dióxido de carbono.
Células do parênquima amilífero contendo amiloplastos.
Tecidos parenquimáticos
Um tecido vegetal com função de preenchimento, e armazenamento.
As adaptações foliares visam uma melhor adaptação do vegetal no ambiente
Adaptações foliares
Saiba quais são e quais as funções das adaptações foliares nos vegetais.