Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Espanhol
  3. Las conjunciones

Las conjunciones

Las conjunciones, as conjunções em espanhol, constituem uma classe de palavras invariáveis cuja função é unir vocábulos semelhantes ou orações, de maneira equânime ou estabelecendo uma relação hierárquica e interdependente. São subdivididas em conjunções coordenadas (Coordinantes) – que interligam termos de igual valor – e subordinadas (Subordinantes) – quando as orações dependem umas das outras para que o período tenha sentido.

Além da classificação das conjunções em espanhol, é necessário aprender como o sentido da frase pode mudar dependendo do tempo verbal com o qual são empregadas, principalmente quando se trata do modo subjuntivo, amplamente utilizado na língua espanhola.

Neste texto, estudaremos as duas classificações das conjunções e suas aplicações a partir de exemplos e exercícios. ¡Échale ganas!

Classificação das conjunciones

Las conjunciones são uma classe gramatical da língua espanhola.
Las conjunciones são uma classe gramatical da língua espanhola.
  • Conjunções coordenadas (Coordinantes)

As conjunções coordenadas subdividem-se em:

  • Copulativas: indicam adição.

a) Simples: y, e, ni.

  • Me llamó y me pidió ayuda.
    (Me ligou e me pediu ajuda.)

  • Dijo que viajó a Grecia e Italia.
    (Disse que viajou para a Grécia e Itália.)

  • No como ni duermo si Raúl no está en casa.
    (Não como nem durmo se Raúl não está/estiver em casa.)

¡OJO! Antes de palavras que começam por i ou hi, a conjunção y se transforma em e. Antes do ditongo hie, a conjunção y permanece.

  • Madre e hija están en la cocina.
    (Mãe e filha estão na cozinha.)

  • Cómprame gaseosa y hielo
    (Compre refrigerante e gelo para mim.)

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

b) Compostas: ni… ni; tanto… como; tanto… cuanto; así... como.

  • Ni María ni Carmen llegaron temprano.
    (Nem María nem Carmem chegaram cedo.)

  • Tanto yo como mi familia nos pusimos contentos con la noticia.
    (Tanto eu quanto minha família ficamos felizes com a notícia.)

  • Le daba igual tanto la camisa roja cuanto la verde.
    (Para ele dava no mesmo tanto a camisa vermelha quanto a verde.)

  • Ante la ley somos todos iguales, así los ricos como los pobres.
    (Somos todos iguais perante a lei, tanto ricos quanto pobres.)

¡OJO! A conjunção copulativa así… como é pouco usada atualmente, segundo a Real Academia Española.

Leia também: Usos de muy e mucho

  • Disyuntivas y distributivas: indicam alternância ou escolha.

a) Simples: apenas as conjunções disyuntivas o/u.

  • No sabía qué pedir: torta o pastel.
    (Não sabia o que pedir: torta ou bolo.)

¡OJO! A conjunção o se transforma em u diante de palavras que começam por o ou ho:

  • Uno u otro alumno no hizo la tarea.
    (Um ou outro aluno não fez a tarefa.)

  • ¿Vienes mañana u hoy?
    (Você vem amanhã ou hoje?)

b) Compuestas: sea… sea; ya… ya; ora… ora; bien… bien; o… o.

  • Sea lunes, sea sábado, nunca duerme tarde.
    (Seja segunda, seja sábado, nunca dorme tarde.)

  • Hoy por la mañana ya hacía frío, ya hacía calor.
    (Hoje de manhã, ora fazia frio, ora fazia calor.)

  • Ora está contento, ora triste.
    (Ora está feliz, ora triste.)

  • Bien estudias, bien sales a rumbear.
    (Ou você estuda ou vai festar.)

  • Decídete, o vas con nosotros o te quedas en casa.
    (Decida-se, ou você vai conosco, ou fica em casa.)

Leia também: Verbos tener e haber

  • Adversativas: indicam contraposição de ideias.

a) Pero: sinônimo da conjunção mas em português. Também existe a forma arcaica mas em espanhol.

  • Me encanta el cine, pero no siempre tengo plata para ir.
    (Eu adoro cinema, mas nem sempre tenho dinheiro para ir.)

¡OJO! Assim como na língua oortuguesa, o uso de vírgula antes de pero/mas é obrigatório.

b) Sino: é usado depois de uma oração negativa. Em português equivale a mas e senão.

  • No era otra sino su mamá, que llegaba del trabajo.
    (Não era outra senão sua mãe, que chegava do trabalho.)

  • No estaba triste sino indiferente.
    (Não estava triste, mas sim indiferente.)

sino que: somente, apenas

  • No te pido otra cosa sino que me des otra oportunidad.
    (Não te peço outra coisa, apenas que me dê outra oportunidade.)

no solo… sino también: indica adição de elementos à frase.

  • No solo ella lo sabía, sino también todas sus amigas.
    (Não somente ela sabia daquilo, mas também todas as suas amigas.)

c) no obstante, sin embargo: porém, contudo, entretanto.

  • Se esforzó mucho, sin embargo, eso no fue suficiente.
    (Se esforçou muito, no entanto, isso não foi suficiente.)

Conjunciones coordinantes

Clasificación

Español

Portugués

Copulativas

 

Simples

 

 

y/e

ni

e

nem

 

Compuestas

 

 

ni… ni

tanto… como

tanto… cuanto

así... como

nem… nem

tanto… quanto

tanto… quanto

tanto… quanto

Disyuntivas y distributivas

 

Simples

 

 

o/u

ou

 

Compuestas

 

 

o… o

bien… bien

ya… ya

ora… ora

sea… sea

ou… ou

ou… ou

ora… ora

ora… ora

seja… seja

Adversativas

pero/mas

sino

no… sino que

no solo… sino también

mas

senão/mas sim

não só/somente… apenas

não só… mas também

  • Conjunções subordinadas (Subordinantes)

As conjunciones subordinantes estabelecem uma relação de dependência entre a oração principal e a que a segue, chamada oração subordinada. Em sua maioria, esse conjunto é formado pelas locuciones conjuntivas, expressões compostas por duas ou mais palavras e que funcionam como uma só conjunção.

As conjunciones subordinantes são classificadas em causales, concesivas, condicionales, consecutivas, finales e temporales.

Muitas conjunciones subordinantes mudam de sentido na frase quando empregadas com o modo indicativo ou o subjuntivo. Preste muita atenção para ter certeza de que compreendeu o real sentido da frase.

  • Causales: indicam a causa ou motivo da ação do verbo principal.

a) a causa de que, como, dado que, en vista de que, porque, pues, puesto que, que, ya que + verbo no modo indicativo

  • Puesto que él no llegó, no voy a la fiesta.
    (Já que ele não chegou, não vou à festa.)

b) No porque + verbo no modo subjuntivo

  • Camina todo los días por gusto, no porque lo necesite.
    (Caminha todos os dias por gosto, não porque precise.)

c) Por + verbo no infinitivo

  • No estaba yendo a la escuela por estar enfermo.
    (Não estava indo à escola por estar doente.)

Veja também: Infinitivo, gerúndio e particípio em Espanhol

  • Concesivas: indicam um obstáculo ou uma objeção para a realização da ação do verbo principal.

a) aunque: embora, ainda que, mesmo que.

Se usado com o modo indicativo, indica um acontecimento real:

  • Aunque no tengo plata, voy a salir hoy.
    (Mesmo não tendo dinheiro, eu vou sair hoje.)

Nesse caso, o sujeito não tem dinheiro.

Com o modo subjuntivo, indica uma possibilidade ou hipótese:

  • Aunque no tenga plata, voy a salir hoy.
    (Mesmo não tendo/que eu não tenha dinheiro, eu vou sair hoje.)

Neste caso, pode ser que o sujeito não tenha dinheiro.

As conjunções a pesar de que, pese a que e por más que funcionam da mesma forma:

  • Pese a que no estudió mucho, aprobó todos los exámenes.
    (Apesar de não ter estudado muito, passou em todas as provas.)

c) por mucho que, por poco que + verbo no modo subjuntivo: ainda que, mesmo que.

  • Por mucho que lo intentara, no se aprendía la receta de guacamole.
    (Ainda que tentasse muito, não aprendia a receita de guacamole.)
    (Mesmo tentando muito, não aprendia a receita de guacamole.)

  • Por poco que estudies, aprobarás el examen de Matemáticas.
    (Mesmo que você estude pouco, você vai passar na prova de Matemática.)
    (Mesmo estudando pouco, você vai passar na prova de Matemática.)

  • Condicionales: expressam uma condição para o cumprimento da ação.

a) Si: se.

Si + verbo no modo indicativo: indica uma ação provável. Só se usa com verbos no presente ou no passado.

  • Si llego temprano, paso por tu casa.
    (Se eu chegar cedo, passo na sua casa.)

Observe que, na tradução, o presente do indicativo se transforma em futuro do subjuntivo em língua portuguesa.

  • Si lo ayudé, fue porque es mi amigo.
    (Se eu o ajudei, foi porque ele é meu amigo.)

Si + verbo no modo subjuntivo: expressa um acontecimento impossível ou improvável. Há duas combinações possíveis:

si + verbo no imperfecto de subjuntivo (tocara) + verbo da oração principal no condicional simple (compraría)

  • Si me tocara la lotería, me compraría un bote. (presente ou futuro improvável)
    (Se eu ganhasse na loteria, compraria um barco.)

pluscuamperfecto de subjuntivo (hubiera sido) + verbo da oração principal no condicional compuesto (habría viajado)

  • Si hubiera sido una actriz famosa, habría viajado todo el mundo. (passado impossível)
    (Se tivesse sido uma atriz famosa, teria viajado o mundo inteiro.)

b) Como + verbo no modo subjuntivo: tem o mesmo valor de “se”. Pode soar como uma ameaça.

  • Como llegues tarde, no te llevo al centro comercial.
    (Se você chegar tarde, eu não te levo ao shopping.)

c) A no ser que, a menos que, excepto que, salvo que, con tal de que + verbo no modo subjuntivo

  • Me gustaría salir, a no ser que haya algún problema.
    (Eu gostaria de sair, a não ser que haja algum problema.)

  • Estoy lista, a menos que quieras ir más tarde.
    (Estou pronta, a menos que você queira ir mais tarde.)

  • No podemos usar esas informaciones, excepto que nos soliciten.
    (Não podemos usar essas informações, salvo se nos solicitarem.)

  • Terminamos, salvo que alguien tenga alguna pregunta más.
    (Terminamos, a não ser que alguém tenha mais alguma pergunta.)

  • Te cuento lo de Concha con tal de que no se lo cuentes a nadie.
    (Eu te conto o que aconteceu com a Concha contanto que você não conte para ninguém.)

d) De + verbo no infinitivo: indica uma condição improvável.

  • De haber llegado temprano, no hubiera perdido la fiesta.
    (Se tivesse chegado cedo, não teria perdido a festa.)

Leia também: Los artículos determinado, indeterminado y neutro en español

  • Consecutivas: expressam o efeito ou consequência da oração principal.

a) Así que, por lo tanto, por consiguiente, por eso + verbo no modo indicativo

  • Ella nunca dice la verdad, así que no te fíes de su palabra.
    (Ela nunca fala a verdade, então não confie em sua palavra.)

  • Eres muy inteligente, por lo tanto, no te preocupes.
    (Você é muito inteligente, portanto, não se preocupe).

  • Esta semana llega María; por consiguiente, es necesario arreglar su pieza.
    (Esta semana Maria chega; por conseguinte, é necessário arrumar seu quarto.)

b) Conque: então, portanto, de maneira que. Pode ser usado com verbos nos modos indicativo ou imperativo.

  • Ya se hace tarde, conque apúrate.
    (Está ficando tarde, então se apresse.)

c) de ahí que + verbo no modo subjuntivo:

  • No sabía qué hacer, de ahí que quisiera hablar contigo.
    (Não sabia o que fazer, por isso quis falar com você.)

d) Tanto que, de tal modo que, de tal manera que + verbo no modo indicativo

  • Se esforzó tanto que consiguió la beca de estudios.
    (Esforçou-se tanto que conseguiu a bolsa de estudos.)

  • Se involucra de tal manera que todos la admiran.
    (Se envolve de tal maneira que todos a admiram.)

e) tan + adjetivo/advérbio + que + verbo no modo indicativo

  • Es tan dedicada que en un año de trabajo logró comprarse un auto.
    tão dedicada que em um ano de trabalho conseguiu comprar um carro.)

Leia também: Pronombres personales: quais são e como usar

  • Finales: expressam o objetivo ou finalidade da ação principal.

a) A (que), para (que), a fin de (que), con vistas a (que), con la intención de (que), con el objeto de (que), con el propósito de (que)…

+ verbo no infinitivo: indica que o sujeito das duas orações é o mesmo.

Vine a decirte la verdad. (O pronome eu é sujeito tanto dos verbos vine como decirte.)
(Eu vim para te dizer a verdade.)

+ verbo no subjuntivo: indica que os sujeitos do verbo da oração principal e da subordinada são diferentes.

  • Vine a que me digas la verdad. (sujeito de vine: eu; sujeito de digas: tú)
    (Eu vim para que você me diga a verdade.)

    (Eu vim para você me dizer a verdade.)

b) Que: geralmente segue a fórmula imperativo + que + presente do subjuntivo.

  • Apúrate, que no lleguemos tarde.
    (Apresse-se para que não cheguemos tarde.)

  • Temporales: expressam tempo.

a) Cuando, apenas, en cuanto, mientras (tanto), tan pronto como, cada vez que, hasta que, siempre que. Usa-se o modo indicativo quando a ação acontece no presente ou no passado.

  • Cuando llegó, todos se habían ido.
    (Quando chegou, todos tinham ido embora.)

  • Apenas supo la noticia, la fue a visitar.
    (Mal soube da notícia, foi visitá-la).

  • En cuanto comió, salió a trabajar.
    (Assim que comeu, saiu para trabalhar.)

  • En cuanto llega a casa, llama a su novia.
    (Assim que chega em casa, liga para sua namorada.)

¡OJO! Em espanhol, en cuanto é sinônimo de tan pronto como e nada más. É equivalente a logo que, assim que em português.

Também existe a expressão en cuanto a, que é equivalente a no que se refere a.

  • Mientras hago la comida, tú limpias la casa.
    (Enquanto eu faço a comida, você limpa a casa.)

  • Voy a llegar tarde del trabajo. Mientras tanto, ve al supermercado.
    (Vou chegar tarde do trabalho. Enquanto isso, vá ao supermercado.)

Mientras também pode ter valor condicional se usado com verbos no subjuntivo.

  • Mientras no te comas toda la comida, no vas a ver la tele. (Si no te comes…)
    (Enquanto/Se você não comer toda a comida, não vai ver televisão.)

Usa-se o presente do subjuntivo quando a ação acontece no futuro.

  • Cuando tenga tiempo, arreglaré el armario.
    (Quando eu tiver tempo, arrumarei o armário.)

  • Apenas llegue mamá, le voy a contar todo.
    (Logo que a mamãe chegar, vou contar tudo para ela.)

  • En cuanto me mude, me compraré una nueva heladera.
    (Assim que eu me mudar, vou comprar uma geladeira nova.)

  • Tan pronto como termine de leerlo, te devuelvo tu libro.
    (Assim que eu terminar de ler, te devolvo seu livro.)

b) Antes de que/después de que + verbo no modo subjuntivo

  • Antes de que salgas de casa, llámame.
    (Antes de sair de casa, me ligue.)

c) Nada más + infinitivo

  • Nada más vestirme, llegó el Uber.
    (Assim que me vesti, o Uber chegou.)

Conjunciones subordinantes

Clasificación

Español

 

Portugués

Causales

a causa de que

por causa de

como

como

dado que

dado que

en vista de que

em vista de que

porque

porque

pues

pois

puesto que; ya que

já que

que

que

no porque

não porque

por

 

por

Concesivas

aunque

embora, ainda que, mesmo que

a pesar de que, pese a que

apesar de, pese a

por más que

por mais que

por mucho que

ainda/mesmo que + subjuntivo + muito

mesmo/ainda + gerúndio + muito

por poco que

ainda/mesmo que + subjuntivo + pouco

mesmo + gerúndio + pouco

Condicionales

Si

se

como + verbo no modo subjuntivo

se

a no ser que

a não ser que

a menos que

a menos que

excepto que

salvo se

salvo que

a não ser que

con tal de que

contanto, desde que

de + verbo no infinitivo

 

se

Consecutivas

así que

então

por lo tánto; por tanto

portanto

por consiguiente

por conseguinte

por eso

por isso

conque

então, portanto, de maneira que

de ahí que + verbo no modo subjuntivo

por isso

tanto que

tanto que

de tal modo que, de tal manera que

de tal modo, de tal maneira

tan + adjetivo/advérbio + que + verbo no modo indicativo

 

tão + adjetivo/advérbio + que + verbo no modo indicativo

Finales

a (que); para (que)

para (que)

a fin de (que)

a fim de (que)

con vistas a (que)

com vistas a (que)

con la intención de (que)

com a intenção de (que)

con el objeto de (que)

com o objetivo de

con el propósito de (que)

com o propósito de

que

 

para que

Temporales

Cuando

cuando

apenas

mal, tão logo

en cuanto, tan pronto como

nada más+infinitivo:

assim que, logo que

mientras (tanto)

enquanto (isso)

antes de que

antes de

después de que

depois de


Exercícios resolvidos

Questão 1 – (Urca 2012) Emplee correctamente la conjunción:

  1. Voy a viajar con Juanes ____ Isabel.

  2. Que empiece a hablar uno ____ otro.

  3. ¿Tu novio es cubano ____ holandés?

  4. Tengo tú ____ él en mi vida.

  5. ¿Cuántos años tienes, 28 ___ 32?

La secuencia correcta es:

  1. e, u, u, y, o.

  2. y, o, u, e, o.

  3. e, o, u, y, o.

  4. y, u, u, e, o.

  5. e, e, e, e, ó.

Resolução

Alternativa A. Isabel começa com i, portanto só pode ser precedida pela conjunção e; outro começa com o, de modo que só pode ser precedido por u; o mesmo se aplica a holandés, que começa com ho. Na letra D podemos usar a conjunção y normalmente, assim como se pode usar o na letra E.

Questão 2 – (UECE 2013) La frase “Mi camisa no es azul, _________ blanca" debe ser completada correctamente con

  1. sino.

  2. aunque.

  3. todavía.

  4. asimismo.

Resolução

Alternativa A. A frase pede uma conjunção coordenada adversativa, e sino é a única que se encaixa entre as opções, pois é sempre usada após uma oração negativa.   

Publicado por: Renata Martins Gornattes
Assuntos relacionados
Preposiciones
Descubra quais são as preposições em espanhol e as várias relações que elas podem estabelecer entre as palavras numa oração.
Perífrasis verbales
Aprenda o que são as “perífrasis verbales”, locuções verbais em espanhol. Saiba como elas se estruturam, e conheça as locuções “modales” e “aspectuales”.
Os artigos em Espanhol são utilizados diante de substantivos ou de elementos a que fazem referência no enunciado
Los artículos determinado, indeterminado y neutro en español
“Los artículos determinado, indeterminado y neutro en español”: Tire todas as suas dúvidas sobre o uso dos artigos em Espanhol!
Aprenda as diferenças entre “Tiene” e “Hay” em espanhol!
Verbos “Tener” e “Haber” em Espanhol
Aprender a diferença entre os verbos “tener” e “haber”, em espanhol, torna-se essencial para a comunicação, pois eles não são usados como sinônimos, o que acontece na língua portuguesa. Para não cometer equívocos, devemos ter bastante atenção na hora de usá-los. Aprenda como utilizá-los de forma correta!
Pronombres indefinidos
Conheça tudo sobre os pronombres indefinidos em espanhol. Pratique com exercícios que te ajudarão a usá-los de forma adequada.
Os pronomes possessivos do Espanhol indicam posse, assim como no Português, mas apresentam usos distintos
Los pronombres posesivos
Aprenda a expressar posse na língua espanhola por meio de uma explicação detalhada sobre os pronomes possessivos (pronombres posesivos).
Os pronomes pessoais do espanhol possuem classificação e funções semelhantes aos do português
Pronombres personales
Os pronomes pessoais (los pronombres personales) do espanhol são iguais ao do português? Você conhece algum deles? Não? Então vamos conhecê-los!