Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Geografia
  3. Geografia Física
  4. Bacias Sedimentares

Bacias Sedimentares

As bacias sedimentares levam milhões de anos para se formarem e são as grandes responsáveis pela formação de petróleo e alguns tipos de fósseis.

Bacias Sedimentares são formações rochosas localizadas em áreas de depressões relativas ou absolutas, que acumulam espessas camadas ou estratificações formadas por rochas sedimentares. Caracterizam-se por serem formadas a partir da deposição de material sedimentar que, ao longo de milhões de anos, consolida-se e transforma-se em formações rochosas.

Sabemos que quando as rochas e o relevo desgastam-se, eles transformam-se em sedimentos, que são pequenas partículas rochosas, como a poeira e pequenos detritos. Esses sedimentos são levados até o fundo dos oceanos, carregados pelos ventos e, principalmente, pelas águas das chuvas e dos rios.

Esses sedimentos acumulam-se lentamente nas depressões dos oceanos. Em alguns lugares, a pressão das águas dos mares é tão forte que exerce uma força sobre eles capaz de transformá-los em composições de rochas. Enquanto isso acontece, novas camadas de sedimentos são “jogadas” por cima desses locais, formando, assim, várias e várias camadas de rochas sedimentares.

Essas camadas formadas nesse processo são, justamente, as Bacias Sedimentares. Observe o quadro com a síntese:

Síntese da formação das bacias sedimentares
Síntese da formação das bacias sedimentares

E como as bacias sedimentares foram parar nos continentes?

Como já dissemos, a formação das bacias sedimentares levou milhões de anos para se concretizar. Enquanto isso acontecia, as placas tectônicas continuavam se movimentando e a dinâmica da Terra seguia o seu curso. Com isso, áreas que antes se encontravam no fundo dos oceanos transformaram-se em áreas continentais, incluindo as zonas em que se formaram as bacias sedimentares, apesar de a maior parte delas ainda se encontrar no fundo dos oceanos.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

As bacias sedimentares e a origem do petróleo e dos fósseis

Durante o processo de constituição das bacias sedimentares acima explicitado, muitos corpos ou restos de animais mortos e materiais orgânicos foram “enterrados” pelos sedimentos que foram depositados no fundo dos oceanos. Assim, dependendo das condições de temperatura e pressão, parte dos restos desses materiais foi conservada, dando origem aos fósseis.

No entanto, quando a pressão e as temperaturas (geralmente influenciadas pelo aquecimento provocado pelas camadas mais baixas da Terra) são elevadas, a tendência é que esses restos orgânicos passem pelo processo de litificação (tornam-se líquidos). Assim, conforme as condições de armazenamento, esse material acumula-se e transforma-se em petróleo.

Muitos estudiosos afirmam que as bacias sedimentares compõem a memória do planeta, pois à medida que elas vão se formando, fragmentos do período em que elas se formaram são conservados. Assim, o estudo dessas formações rochosas torna-se fundamental para conhecer um pouco mais sobre o passado geológico da Terra.

Nas bacias sedimentares, as rochas organizam-se em camadas
Nas bacias sedimentares, as rochas organizam-se em camadas
Publicado por: Rodolfo F. Alves Pena
Assuntos relacionados
O desmatamento é um processo de elevado impacto ambiental
Desmatamento
O desmatamento é um problema que atinge várias áreas naturais do planeta. Compreenda melhor essa ocorrência e os seus efeitos sobre o meio ambiente.
As ilhas de calor concentram-se nos grandes centros urbanos por conta da dificuldade de dispersão do calor nesses espaços
Ilhas de Calor
Entenda o que o são Ilhas de Calor, suas causas, consequências e onde se elas concentram.
A fumaça pairando sobre as cidades é uma consequência da inversão térmica
Inversão Térmica
O funcionamento da inversão térmica e o seu agravamento em função da poluição no espaço das cidades.
Planície do Pampa, localizada entre Brasil e Argentina
Planícies
Aprenda mais sobre a forma de relevo conhecida como planície, que é encontrada não só em território brasileiro, mas também em todo o mundo. Este texto abordará a definição de planície, os processos que a originaram e suas particularidades. Venha conhecer também a maior planície alagável do mundo.
A vegetação da savana apresenta arbustos, árvores de pequeno porte e plantas rasteiras
Savanas
Saiba mais sobre a savana, uma vegetação rica e diversa presente na África e também no Brasil.
De acordo com a teoria da Deriva Continental, no passado havia só um continente:  Pangeia
Deriva Continental
Entenda a teoria da Deriva Continental e compreenda como um único continente fragmentou-se e deu origem a todos os espaços terrestres atuais.
  As falésias são exemplos de relevos modelados por meio da força das águas.
Água: agente modelador do relevo
A influência das águas na superfície terrestre.
Formação de relevo provocada por movimentos orogênicos
Orogênese e Epirogênese
Compreenda o conceito, as causas e as consequências da Orogênese e Epirogênese.
Os crátons podem se estender por grandes áreas geologicamente estáveis
Crátons
Compreenda a definição, as características e as especificações dos Crátons, uma importante estrutura geológica da Terra.
Chapada dos Guimarães, localizada no Planalto Central
Planaltos
Clique aqui e conheça um pouco mais sobre os planaltos, um tipo de forma de relevo. No texto falaremos sobre a sua definição, quais são os processos erosivos que os originam, suas particularidades e as localizações. Veja também o maior planalto existente!
Mar Cáspio, localizado entre o continente europeu e o continente asiático, é um exemplo de depressão.
Depressões
Aprenda um pouco mais sobre o tipo de relevo conhecido como depressão. No conteúdo do texto a seguir, você poderá encontrar não só a definição de depressão, como também as suas classificações, processos que a originam, as principais curiosidades sobre esse tipo de relevo e onde se localizam no Brasil e no mundo.
Os principais movimentos realizados pela Terra são rotação e translação.
Movimentos da Terra
Aprenda mais sobre os movimentos da Terra. Descubra quais são os principais movimentos realizados pelo planeta e suas principais características.
Localização do Aquífero Guaran
Aquífero Guarani
O maior reservatório subterrâneo de água doce do planeta.
O buraco negro pode liberar matéria por meio de jatos.
Buraco negro
Buraco negro, o que é um buraco negro, como se forma um buraco negro, como um buraco negro é detectado, características do buraco negro, fatores que são analisados para que se consiga detectar um buraco negro.
As ondas são movimentos das águas oceânicas provocados pela ação do vento.
Movimento das águas oceânicas
Como as águas dos oceanos se movem e suas características.