Whatsapp icon Whatsapp

Bem vindo ou bem-vindo?

O uso do hífen causa muitas dúvidas em palavras compostas por “bem” e por “mal”, principalmente na hora de usar “bem-vindo” ou “bem vindo”.
“Bem-vindo” em tapete.
A palavra “bem-vindo” leva hífen.

 A expressão “bem-vindo” é ligada por hífen. Esse é um típico caso de palavra formada por justaposição, ou seja, pela junção de duas palavras (ou de dois radicais) diferentes para formar uma terceira palavra. No caso de “bem-vindo”, essa junção ocorre pelo uso do hífen.

Leia também: Acima ou a cima?

Quais os usos de “bem-vindo”?

O termo “bem-vindo” é um adjetivo. Portanto, é usado para qualificar um substantivo. “Bem-vindo” indica que algo ou alguém é esperado ou recebido com satisfação, sendo querido ou almejado.

Atenção! Não se deve confundir a palavra “bem-vindo” com a ocorrência do substantivo “bem” ao lado do adjetivo “vindo”. Observe:

“Um bem vindo de você me enche de alegria.”

Perceba como, nos enunciados acima, não se trata do adjetivo “bem-vindo”, unido por hífen, e sim da ocorrência espontânea de um substantivo, “bem”, ao lado de um adjetivo, “vindo”. O substantivo poderia ser substituído por qualquer outro.

“Uma ajuda vinda de você me enche de alegria.”

Já a palavra “bem-vindo”, com hífen, é usada como adjetivo e não pode ser dividida.

“Você é muito bem-vindo em nossa casa!”

“Seja muito bem-vinda, primavera!”

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A flexão de “bem-vindo”

Por ser um adjetivo, a palavra “bem-vindo” flexiona em gênero e em número, de acordo com o substantivo que qualifica. Assim, apresenta uma forma no masculino e outra no feminino, além de uma forma no singular e outra no plural. Veja:

 

masculino

feminino

singular

bem-vindo

bem-vinda

plural

bem-vindos

bem-vindas

“Sinta-se bem-vindo, Júlio.”

“Sinta-se bem-vinda, Valéria.”

“Sintam-se bem-vindos, meus alunos.”

“Sintam-se bem-vindas, professoras.”

Leia também: Bom dia — com ou sem hífen?

Hífen em palavras compostas por “bem” e “mal”

Via de regra, palavras compostas por “bem” ou “mal” levam hífen quando o segundo elemento:

  • começa com vogal: bem-aventurado, mal-amado, bem-estar, mal-estar, bem-intencionado, mal-intencionado, mal-acostumado.

  • começa com “h”: bem-humorado, mal-humorado, mal-habituado.

  • começa com a mesma consoante que encerra o primeiro elemento: bem-merecer, mal-limpo, mal-lavado.

No caso de “bem-”, algumas palavras mantêm hífen mesmo antes de outras consoantes, já que, na língua portuguesa, a letra “m” só pode aparecer antes de “p” e “b”. Veja:

“bem-criado” (mas “malcriado”)

“bem-visto” (mas “malvisto”)

“bem-sucedido” (mas “malsucedido”)

“bem-vestido” (mas “malvestido”)

“bem-conceituado”

“bem-vindo” 

Publicado por Guilherme Viana

Artigos Relacionados

Acima ou a cima?
Descubra qual é a diferença entre a palavra “acima” e a expressão “a cima”, ambas existentes na língua portuguesa. Entenda quando usar cada uma delas.
Bom dia: com ou sem hífen?
Deseja ampliar ainda mais sua competência linguística? Então clique e confira se “bom dia” se escreve com ou sem hífen.
Encima ou em cima?
Saiba se o correto é utilizar “encima” ou “em cima”. Veja os significados de cada um desses termos. Descubra quando você deve usar um ou outro.
Hífen
Quando não é utilizado?
Senão ou se não?
Entenda quais são as diferenças no uso da palavra “senão” e da expressão “se não”. Aprenda por que eles não devem ser confundidos, e pratique com exercícios.
Volta às aulas ou volta as aulas?
O correto é “volta às aulas” ou “volta as aulas”? Clique aqui e saiba como essa expressão é construída.
video icon
Professora ao lado do texto"Verbos irregulares".
Português
Verbos irregulares
Sabendo que o estudo de verbos não é uma tarefa fácil, nesta videoaula esclareceremos as formas de flexão dos verbos irregulares, ou seja, aqueles que, ao serem conjugados, apresentam alteração em seu radical ou em sua terminação. Não deixe de assistir!