Whatsapp icon Whatsapp

Fermentação

O processo de fermentação é uma via anaeróbia de síntese de ATP, ou seja, ocorre sem a presença de oxigênio.
O vinho só é fabricado graças à fermentação
O vinho só é fabricado graças à fermentação

A fermentação é um processo de obtenção de energia que ocorre sem a presença de gás oxigênio, portanto, trata-se de uma via de produção de energia anaeróbia. Nesse processo, o aceptor final de elétrons é uma molécula orgânica. Essa via é muito utilizada por fungos, bactérias e células musculares esqueléticas de nosso corpo que estão em contração vigorosa.

A fermentação ocorre no citosol e inicia-se com a glicólise, quando ocorre a quebra de glicose em duas moléculas de piruvato. Percebe-se, portanto, que inicialmente esse processo é semelhante à respiração celular.

O piruvato recebe elétrons H+ provenientes do NADH e transforma-se em ácido láctico, que posteriormente é eliminado pela célula. Ele pode também se transformar em álcool e CO2, que também são posteriormente eliminados. A substância a ser produzida depende do organismo em que o processo ocorre. Quando o piruvato é transformado em ácido láctico, dizemos que ocorreu uma fermentação láctica; mas quando se transforma em álcool, a fermentação é chamada de alcoólica. Tanto na fermentação alcoólica quanto na lática o NADH doa seus elétrons e é convertido em NAD+.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)


Observe o esquema que ilustra o processo de fermentação.

A fermentação láctica é comum em células musculares, bactérias, protozoários e fungos, sendo usada para a produção de iogurte, coalhada e queijos. Já a fermentação alcoólica é normalmente realizada por leveduras e bactérias, sendo bastante explorada economicamente pelo homem, principalmente para a fabricação de alimentos como o pão e de bebidas como a cerveja, vinho e destilados.

O rendimento da fermentação é bastante pequeno quando comparado ao da respiração celular. Enquanto nesse processo é obtido apenas 2 ATP, na respiração, temos um saldo final de 30 ATP.

Curiosidade: Quando estamos praticando exercícios físicos, frequentemente sentimos dor muscular, também chamada de fadiga muscular. Isso ocorre porque as células musculares não recebem a quantidade de oxigênio necessária para realizar a respiração celular e passam a quebrar glicose de forma anaeróbia, produzindo ácido láctico. O acúmulo desse ácido faz com que as pessoas sintam dor. Para saber mais sobre a fermentação láctica no músculo, clique aqui!

Publicado por Vanessa Sardinha dos Santos
Assista às nossas videoaulas

Artigos Relacionados

Endocitose e exocitose
Compreenda a diferença entre endocitose e exocitose, além de entender como ocorrem esses processos.
Glicólise
ompreenda o que é glicólise, processo que ocorre no citoplasma de todas as células.
Membrana Celular
A composição e fisiologia da bicamada fosfolipídica.
Osmose
Aprenda um pouco mais a respeito da osmose, processo que envolve a movimentação de solvente por uma membrana semipermeável. Neste texto, aprenderemos a definição desse processo e conheceremos como a osmose atua nas células animais e vegetais. Além disso, conheceremos um exemplo de osmose que acontece no nosso dia a dia.
Respiração Anaeróbia
Um menor rendimento energético para o funcionamento celular.
Vacúolos
Você sabe o que são vacúolos e qual função desempenham? Clique e aprenda agora!
video icon
Escrito"O que é burguesia?" sobre uma pintura que retrata as revoluções burguesas.
Sociologia
O que é burguesia
De classe dominada à classe dominante, a burguesia se confunde com a própria história da Modernidade. Quer saber mais? Não perca esta videoaula.