Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Gramática
  3. Classe de palavras
  4. Verbo
  5. Verbos nocionais e não nocionais

Verbos nocionais e não nocionais

Os verbos nocionais e não nocionais estão intrinsecamente relacionados à predicação verbal, a qual se manifesta pela ligação existente entre o sujeito e o verbo e entre os verbos e seus complementos. Daí a importância de fazermos algumas recapitulações. Observe:

O garoto caiu.
Temos um predicado verbal, cujo verbo indica ação.  

A garota está alegre.
Defrontamo-nos com um predicado nominal, cujo verbo indica estado relativo ao sujeito.

Dessa forma, cumpre dizer que os verbos nocionais são aqueles que exprimem processos, ou seja, indicam ação, acontecimento, atividade mental, fenômeno da natureza e desejo. Sendo eles expressos por alguns exemplos:

cantar
pular
trovejar
estudar
pensar
desejar
relampejar...

Já os não nocionais são representados por aqueles que denotam estado, mais conhecidos como verbos de ligação. Essa ligação se deve ao fato de que desempenham a função de ligar uma qualidade (característica) ao sujeito – caracterizando o predicativo do sujeito. Entre esses verbos podemos citar:

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

ser
estar
permanecer
ficar
andar
tornar-se
continuar...

Contudo, no que diz respeito a esses últimos (não nocionais), devemos ter com eles uma atenção especial, em virtude de que dependendo do contexto em que se encontrarem inseridos, tanto podem indicar ação, quanto estado. Façamos, pois, as diferenciações:

A aluna anda tristonha. 
Inferimos que se trata de um verbo que denota estado de ser (tristonha). Nesse caso, dizemos que o verbo em questão se classifica como não nocional.

A garota anda depressa.
Em se tratando desse contexto, o mesmo verbo, que antes indicou estado, agora indica ação, fato que o caracteriza como um verbo nocional.

Por Vânia Duarte
Graduada em Letras

Os verbos nocionais e não nocionais se caracterizam por indicar, respectivamente, ação e estado.
Os verbos nocionais e não nocionais se caracterizam por indicar, respectivamente, ação e estado.
Publicado por: Vânia Maria do Nascimento Duarte
Assuntos relacionados
Os tempos do subjuntivo
Considerações sobre o emprego do modo subjuntivo.
Os verbos de ligação – traços peculiares
Clique aqui e aprenda quais são os verbos de ligação e qual função desempenham!
O infinitivo se constitui de vários aspectos no que se refere ao seu valor e emprego
Aspectos do infinitivo
O infinitivo se constitui de vários aspectos no que se refere ao seu valor e emprego. Conheça-os em apenas um clique!
Transitividade verbal
A transitividade, intransitividade do verbo e verbo de ligação.