Whatsapp icon Whatsapp

Tipos de frutos

Os tipos de frutos são classificados quanto ao desenvolvimento dos ovários, quanto à consistência e quanto à deiscência.
Diferentes tipos de frutos.
Existem diferentes tipos de frutos.

Os tipos de frutos são classificados em categorias de acordo com a característica analisada:

  • quanto ao desenvolvimento dos ovários:

    • frutos simples;

    • frutos agregados;

    • frutos múltiplos;

  • quanto à consistência:

    • frutos carnosos;

    • frutos secos;

  • quanto à deiscência:

    • frutos deiscentes;

    • frutos indeiscentes.

Leia também: Fruta — termo popularmente usado para se referir a alguns frutos e pseudofrutos

Resumo sobre os tipos de frutos

  • Os tipos de frutos são classificados em categorias de acordo com a característica analisada.

  • Quanto ao desenvolvimento dos ovários, os frutos podem ser classificados em simples, agregados e múltiplos.

  • Quanto à consistência, os frutos podem ser classificados em carnosos e secos.

  • Quanto à deiscência, os frutos podem ser classificados em deiscentes e indeiscentes.

  • Os frutos simples são os mais numerosos e divididos em tipos de acordo com suas características.

  • Os principais tipos de frutos simples são frutos secos e deiscentes, frutos secos e indeiscentes e frutos carnosos indeiscentes.

  • O fruto é formado por um pericarpo (que se subdivide em epicarpo, mesocarpo e endocarpo) e também pode ser formado por sementes.

Quais são os tipos de frutos?

Imagem mostrando os elementos de um abacate, um dos tipos de frutos.
Presentes em algumas plantas, os frutos são o ovário da flor amadurecido.

Os frutos são essenciais na reprodução das plantas, protegendo e dispersando as sementes para garantir a sobrevivência das espécies. Comumente se diz que o fruto é o ovário da flor que foi fecundado, desenvolvido e amadurecido. Porém, é importante ressaltar que existem outros tipos de frutos, como aqueles que se desenvolvem a partir de não apenas um, mas vários ovários. Assim, como o fruto se origina da flor, e existem flores com os mais diversos tipos de organização de suas estruturas, existem também frutos de diversos tipos. Vamos entender um pouco de cada um desses tipos de frutos a seguir.

Classificação dos frutos quanto ao desenvolvimento dos ovários

Quanto ao desenvolvimento dos ovários, os frutos são classificados em:

  • Frutos simples: são derivados de apenas um ovário de uma única flor. Os frutos simples podem se originar tanto de apenas um carpelo ou vários carpelos fusionados. Ex: tomate, cereja, pequi e mangaba.

Cerejas isoladas em fundo branco, um tipo de fruto simples, um dos tipos de frutos.
A cereja é um tipo de fruto simples.
  • Frutos agregados: são derivados de muitos ovários de uma única flor. Ex: morango, framboesa, graviola, atemoia, araticum e magnólia.
Graviola isolada em fundo branco, um tipo de fruto agregado, um dos tipos de frutos.
A graviola é um tipo de fruto agregado.
  • Frutos múltiplos: são derivados de muitos ovários de muitas flores de uma inflorescência. Ex: amora, abacaxi, figo e jaca.
Jaca isolada em fundo branco, um tipo de fruto múltiplo, um dos tipos de frutos.
A jaca é um tipo de fruto múltiplo.

Classificação dos frutos quanto à consistência

Além disso, os frutos também são divididos em secos ou carnosos de acordo com a consistência:

  • Frutos carnosos: são aqueles que possuem o pericarpo suculento. Ex: manga, goiaba e mamão.

Goiaba isolada em fundo branco, um tipo de fruto carnoso, um dos tipos de frutos.
A goiaba é um tipo de fruto carnoso.
  • Frutos secos: são aqueles em que o pericarpo não é suculento, sendo seco quando maduro. Ex: urucum, chichá, jatobá e ipê.
Fruto do urucum isolado em fundo branco, um tipo de fruto seco, um dos tipos de frutos.
O fruto do urucum é um tipo de fruto seco.

Classificação dos frutos quanto à deiscência

Uma outra forma de classificar os frutos é de acordo com sua deiscência, isto é, pela forma como se abrem para liberar as sementes:

  • Frutos deiscentes: se abrem naturalmente quando maduros para expor as sementes. Ex: vagem e feijão.

Vagem isolada em fundo branco, um tipo de fruto deiscente, um dos tipos de frutos.
A vagem é um tipo de fruto deiscente.
  • Frutos indeiscentes: não se abrem naturalmente quando maduros. Para que as sementes sejam liberadas, é necessário que o fruto apodreça, seja digerido ou que aconteça algum evento aleatório capaz de provocar uma abertura em sua estrutura. Ex: girassol e milho.
Milho isolado em fundo branco, um tipo de fruto indeiscente, um dos tipos de frutos.
O milho é um tipo de fruto indeiscente.

Acesse também: O que são os pseudofrutos?

Quais são os tipos de frutos simples?

Os frutos simples são muito diversos e são subdivididos em outras categorias de acordo com suas características. Os principais tipos de frutos simples são:

Frutos secos e deiscentes

Soja, um tipo de fruto seco e deiscente, um dos tipos de fruto simples.
A soja possui um tipo de fruto seco e deiscente.
  • Folículo: é um tipo de fruto simples seco e deiscente que se abre a partir de uma única fenda. Ex: esporinha, chichá e peroba.
  • Legume: é um tipo de fruto simples seco e deiscente, típico da família Leguminosae, que se abre a partir de duas fendas. Ex: feijão, soja e pau-brasil.

    Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Frutos secos e indeiscentes

Noz, um tipo de fruto seco e indeiscente, um dos tipos de fruto simples.
A noz é um tipo de fruto seco e indeiscente.
  • Aquênio: é um tipo de fruto simples seco e indeiscente que contém uma só semente ligada ao pericarpo em apenas um ponto. Ex: girassol.
  • Cariopse: é um tipo de fruto simples seco e indeiscente, típico das gramíneas, em que o pericarpo está unido à semente em toda a sua extensão. Ex: arroz, trigo e milho.

  • Noz: é um tipo de fruto simples seco e indeiscente com pericarpo muito duro que possui apenas uma semente livre do pericarpo. Ex: avelã, noz, castanha portuguesa.

Frutos carnosos indeiscentes

Maracujá isolado, um tipo de fruto seco e indeiscente, um dos tipos de fruto simples.
O maracujá é um tipo de fruto carnoso e indeiscente.
  • Baga: é um tipo de fruto simples carnoso indeiscente que geralmente contém várias sementes em seu interior. Ex: uva, mamão e maracujá. Na melancia, abobrinha, pepino e nas frutas cítricas ocorre um tipo especial de baga.
  • Drupa: é um tipo de fruto simples carnoso indeiscente que possui o endocarpo muito duro recobrindo a semente e formando um caroço. Ex: pêssego, cereja e manga.

Estrutura dos frutos

Ilustração mostrando a estrutura de uma flor, na qual é possível ver a estrutura do fruto, presente na maior parte dos tipos de frutos.
O fruto é o ovário da flor amadurecido.

O fruto se origina do ovário da flor. O ovário é a região mais inferior do carpelo, e em seu interior se situa o óvulo que será fecundado a partir da polinização e originará a semente. Vale lembrar que o fruto também pode se originar do amadurecimento do ovário sem que ocorra a fecundação (frutos partenocárpicos), como é o caso da banana.

Estrutura do fruto, presente na maior parte dos tipos de frutos.
O fruto é formado pelo pericarpo (que se divide em exocarpo, mesocarpo e endocarpo) e pela semente, embora nem todos os frutos possuam sementes.

O desenvolvimento do fruto acontece a partir de uma série de modificações que ocorrem no ovário da flor, tais como divisões celulares, expansão e alongamento celular, alterações estruturais e funcionais das células, além de alterações metabólicas. Essas mudanças levam à formação das estruturas que formam o fruto, que são:

  • Pericarpo: essa estrutura se origina da parede do ovário da flor. O pericarpo se subdivide em:

    • Epicarpo (ou exocarpo): camada mais externa que comumente chamamos de “casca” do fruto. O exocarpo protege o fruto, é a camada que separa o ambiente interno do fruto do ambiente externo. Ele também pode possuir tricomas, como os que aparecem na casca do pêssego. Pode ser lignificado, como em frutos secos, ou não, como em frutos carnosos.

    • Mesocarpo: camada mediana que varia em espessura e textura, e muitas vezes contém a maior parte do que chamamos de “polpa” ou “região carnosa” do fruto. Em frutos secos, o mesocarpo pode ser escasso e ter fibras enquanto nos frutos carnosos, é mais espesso.

    • Endocarpo: camada mais interna que geralmente envolve a semente. O endocarpo pode ser carnoso, como na uva; pétreo, como na azeitona; ou possuir glândulas oleíferas, como nos frutos cítricos.

  • Semente: separada do pericarpo, alguns frutos apresentam semente. A semente se origina a partir do óvulo fertilizado, que se encontra dentro do ovário. As sementes são estruturas que contêm o embrião da planta e são fundamentais para a reprodução das espécies vegetais.

Curiosidades sobre os frutos

  • Os frutos são órgãos exclusivos das plantas com flores, isto é, das angiospermas.

  • São estruturas que recobrem as sementes, proporcionando condições adequadas de umidade, temperatura e nutrição para o seu desenvolvimento, protegendo essas estruturas contra as adversidades do ambiente externo, garantindo que as sementes possam se dispersar com sucesso e propagar a espécie.

  • São considerados, assim como as flores, estruturas essenciais para o sucesso evolutivo das angiospermas.

  • Fruta não é a mesma coisa que fruto. Fruta é um termo popular adotado para se referir a qualquer fruto que seja adocicado e que é comestível, como a laranja, a maçã, a uva, a goiabada, o abacate, o mamão e outros que comumente encontramos nos supermercados. Já fruto é um termo botânico, isto é, um termo utilizado para se referir ao órgão da flor originado a partir do ovário maduro. Isso engloba tanto os frutos popularmente considerados doces (frutas) como os frutos não adocicados, como a berinjela, o pepino, a abóbora, o feijão, o tomate, arroz, milho, trigo e tantos outros.

  • Os pseudofrutos, apesar de aparentarem ser frutos, não se formam a partir do desenvolvimento do ovário, mas sim do desenvolvimento de outras estruturas da flor. É o caso, por exemplo, da maçã e da pera.

Fontes

BOBROV, Alexey VF Ch; ROMANOV, Mikhail S. Morphogenesis of fruits and types of fruit of angiosperms. Botany Letters, v. 166, n. 3, p. 366-399, 2019.

PRATA, A. “Fruto”, p. 149 - 161. In: Morfologia e Anatomia Vegetal. São Cristóvão: Universidade Federal de Sergipe, CESAD, 2009. Disponível em: https://cesad.ufs.br/ORBI/public/uploadCatalago/09042918082016Morfologia_e_Anatomia_Vegetal_Aula_11.pdf.

Universidade Federal de Viçosa - Folha Biológica. Você conhece os principais tipos de frutos? 2022. Disponível em: https://folhabiologica.crp.ufv.br/?p=1774.

Publicado por Nicole Fernanda Sozza
Assista às nossas videoaulas

Artigos Relacionados

Angiospermas
Angiospermas: plantas que formam flores verdadeiras e frutos.
Botânica
Clique aqui, entenda o que é Botânica, saiba o que ela estuda e quais são suas áreas e descubra qual é a sua importância e como aparece no Enem.
Flor
Saiba mais sobre a estrutura da flor e conheça seus aparelhos reprodutores masculino e feminino.
Fruta
Conheça mais sobre as frutas. Neste texto falaremos o que são frutas, sobre a importância de incluí-las na dieta, e conheceremos o nome de 50 frutas.
Frutos
Clique aqui e aprenda a definição e os tipos de frutos existentes!
Frutose
Conheça as fórmulas estrutural e molecular da frutose, quais são os alimentos que contêm essa substância e quais são suas características principais.
Inflorescência
Aprenda o que são inflorescências e conheça seus principais tipos.
Pseudofrutos
Descubra porque aa partea comestíveis da maçã, morango e abacaxi não são consideradas frutos verdadeiros.
video icon
Professora ao lado do texto"Verbos irregulares".
Português
Verbos irregulares
Sabendo que o estudo de verbos não é uma tarefa fácil, nesta videoaula esclareceremos as formas de flexão dos verbos irregulares, ou seja, aqueles que, ao serem conjugados, apresentam alteração em seu radical ou em sua terminação. Não deixe de assistir!