Verbos irregulares

Os verbos irregulares apresentam algumas conjugações diferentes dos verbos regulares, tendo o radical ou a flexão alterados.

Verbos irregulares são aqueles que apresentam algumas formas conjugadas de maneira diferente da conjugação considerada padrão (a dos verbos regulares). Essa mudança pode ocorrer no radical da palavra ou na flexão.

O verbo “caber”, por exemplo, tem várias flexões que seguem o padrão dos verbos regulares, como:

  • Nós cabemos no carro.

  • As roupas caberão na mala.

Mas algumas de suas conjugações alteram o radical:

  • Eu não caibo mais nessa calça jeans.

  • As roupas não couberam na mala.

Desse modo, chamamos esse verbo de irregular.

Leia também: Vozes verbais – relação entre o sujeito de um enunciado e a ação do verbo

Conjugação dos verbos irregulares

Ainda que se possa identificar um padrão na conjugação, os verbos irregulares apresentam diferença em algumas formas conjugadas e, por isso, não são classificados como regulares. A diferença no radical da palavra ou na flexão em qualquer uma de suas conjugações já é suficiente para que o verbo seja considerado irregular. Vamos entender como isso se dá nos verbos de 1ª conjugação (terminados em –ar), 2ª conjugação (terminados em –er) e 3ª conjugação (terminados em –ir).

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

  • Verbos terminados em –ar

O verbo “dar” é um verbo considerado irregular, já que algumas flexões não seguem o padrão dos verbos regulares de 1ª conjugação.

 

Indicativo

Subjuntivo

 

Presente

Pretérito perfeito

Presente

Pretérito imperfeito

eu

dou

dei

desse

tu

dás

deste

dês

desses

ele/ela

deu

desse

nós

damos

demos

demos

déssemos

vós

dais

destes

deis

désseis

eles/elas

dão

deram

deem

dessem


Note como o radical é alterado diversas vezes dependendo da conjugação. Ainda que haja certo padrão nas conjugações, o verbo “dar” é classificado como irregular em razão das mudanças no radical.

  • Verbos terminados em –er

O verbo “perder” é o exemplo de irregular de 2ª conjugação.

 

Indicativo

Subjuntivo

 

Presente

Pretérito perfeito

Presente

eu

perco

perdi

perca

tu

perdes

perdeste

percas

ele/ela

perde

perdeu

perca

nós

perdemos

perdemos

percamos

vós

perdeis

perdestes

percais

eles/elas

perdem

perderam

percam


A maioria das conjugações do verbo “perder” segue o padrão dos verbos regulares, como a do pretérito perfeito do indicativo. No entanto, a conjugação “perco”, na 1ª pessoa do presente do indicativo, bem como as do presente do subjuntivo alteram o radical e, por isso, tornam esse verbo irregular.

  • Verbos terminados em –ir

O verbo “medir” é o exemplo de irregular de 3ª conjugação.

 

Indicativo

Imperativo afirmativo

 

Presente

Pretérito perfeito

eu

meço

medi

--

tu

medes

mediste

mede

ele/ela/você

mede

mediu

meça

nós

medimos

medimos

meçamos

vós

medis

medistes

medi

eles/elas/vocês

medem

mediram

meçam


Assim como no caso do verbo “perder”, a maioria das conjugações do verbo “medir” segue o padrão dos verbos regulares. Esse verbo é classificado como irregular por seu radical alterado na conjugação “peço”, na 1ª pessoa do presente do indicativo, bem como as do imperativo.

Leia também: Verbos anômalos – verbos que mudam o radical ao longo da conjugação

Diferença entre verbos irregulares e regulares

Os verbos regulares seguem o mesmo padrão em suas conjugações, sem nenhuma mudança ou adaptação nos radicais e com terminações dentro da estrutura regular. Por isso, são verbos com classificação diferente dos irregulares, que nem sempre mantêm o radical na mesma forma ou não apresentam as terminações de acordo com a estrutura padrão, como vimos nos exemplos anteriores.

Os verbos irregulares não seguem nenhum padrão em uma conjugação.
Os verbos irregulares não seguem nenhum padrão em uma conjugação.

Exercícios resolvidos

Questão 1 – (Cesgranrio — adaptada)

Os verbos irregulares oferecem uma dificuldade a mais em relação a sua conjugação, uma vez que não seguem o modelo mais comum dos verbos regulares. Que forma verbal destacada abaixo está conjugada de acordo com a norma-padrão da língua portuguesa?

A) Se essas crianças podessem, certamente não estariam nas ruas.

B) O que a sociedade deseja é que cada criança esteje em sua família.

C) É preciso que não meçamos esforços para tirar as crianças das ruas.

D) Se eu ver uma criança maltrapilha chorando na rua, não mais a ignorarei.

E) Seria importante que o Congresso proposse uma lei de proteção aos menores de rua.

Resolução

Alternativa C. A flexão dos verbos irregulares destacados nas outras alternativas, de acordo com a norma-padrão, seria “pudessem”, “esteja”, “vir” e “propusesse”.

Questão 2 - (Instituto AOCP) Assinale a alternativa que apresenta um verbo irregular.

A) A dançaterapia estimula a criatividade.

B) Sorria! Sua saúde agradece.

C) Abrace o mundo.

D) Aguce os sentidos.

E) O que faz você feliz?

Resolução

Alternativa E. O verbo “fazer” é irregular.

Publicado por: Guilherme Viana
Assuntos relacionados
Verbos anômalos
Clique aqui e veja tudo sobre os verbos anômalos. Entenda as características e funções desse tipo de verbo. Aprenda mais com exercícios resolvidos.
As locuções verbais são uma sequência de dois ou mais verbos que exercem função morfológica de um só verbo
Locuções verbais
Neste texto você encontra o conceito e exemplos de locuções verbais, uma sequência de dois ou mais verbos que exercem função de um só verbo.
Conjugações verbais? Fique atento (a)!
Conjugações verbais
Conheça neste espaço a importância de se manter atento (a) a algumas conjugações verbais!
A conjugação dos verbos auxiliares
Atenha-se às suas principais características!
Entre a irregularidade verbal e a discordância gráfica há diferenças
Irregularidade Verbal e Discordância Gráfica
Entre a irregularidade verbal e a discordância gráfica há diferenças, visto que a última representa apenas acomodações gráficas. Veja aqui mais detalhes!
Relação de alguns verbos abundantes
São verbos que, no particípio, admitem duas formas de emprego!