Whatsapp icon Whatsapp

Irregularidade Verbal e Discordância Gráfica

Entre a irregularidade verbal e a discordância gráfica há diferenças
Entre a irregularidade verbal e a discordância gráfica há diferenças

A classe gramatical representada pelos verbos apresenta uma complexidade de pormenores. Entre eles está sua forma de classificação, que se subdivide em distintas modalidades. Os verbos irregulares são um exemplo de classificação dos verbos – estes conteúdos podem ser revisados por meio dos textos Classificação dos verbos e Verbos terminados em “-iar” – regulares ou irregulares.

Com base nas informações ressaltadas nos textos citados, partir-se-á para o ponto central da discussão: discorrer acerca da diferença que há entre irregularidade verbal e discordância verbal, elementos que são alvo de questionamentos e que causam possíveis equívocos, quando considerados como sinônimos um do outro.

Nesse sentido, torna-se imprescindível saber apontar as marcas existentes entre ambos, de modo a ampliar sua competência linguística, bem como evitar alguns “tropeços”, muitas vezes cometidos a esmo. Sendo assim, considere algumas das informações abaixo prestadas, levando em consideração o que nos apontam Celso Cunha e Lindley Cintra, em sua Gramática do Português Contemporâneo:

* Alguns verbos referentes à primeira conjugação, cujos radicais terminam em “-ç”, “-c” e “-g”, mudam essas letras, respectivamente, para “-qu”, “-c”, e “-gu”, sempre que o “-e” lhes seguir. Vejamos alguns exemplos:

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

ficar – fiquei
justiçar – justicei
chegar – cheguei

* Os verbos referentes à segunda e terceira conjugações, cujos radicais terminam em “-c”, “-g” e “-gu” mudam tais letras para, respectivamente, “-ç”, “-j” e “-g”. Atentemo-nos a alguns casos:

vencer – venço – vença
tanger – tanjo – tanja
erguer – ergo – erga
restringir – restrinjo – restrinja
extinguir – extingo – extinga

São, como vimos e como os próprios autores nos afirmam, acomodações gráficas que em nada se assemelham à irregularidade verbal, submetidas ao convencionalismo regido pelos postulados gramaticais, sobretudo naqueles que dizem respeito a questões ortográficas

Publicado por Vânia Maria do Nascimento Duarte

Artigos Relacionados

O infinitivo se constitui de vários aspectos no que se refere ao seu valor e emprego
Aspectos do infinitivo
O infinitivo se constitui de vários aspectos no que se refere ao seu valor e emprego. Conheça-os em apenas um clique!
Continuar e seguir são formas sinônimas, mas somente quando a ideia fizer referência a “dar continuidade, prosseguir”
Continuar e seguir
Continuar e seguir são formas verbais sinônimas apenas no sentido de dar continuidade, prosseguir.
Dúvidas verbais fazem parte do cotidiano linguístico de muitos usuários da língua
Dúvidas verbais
Entre os questionamentos oriundos dos fatos linguísticos estão as dúvidas verbais; clique e confira acerca de muitas informações!
O verbo desculpar tanto pode se apresentar como transitivo direto, quanto como pronominal
Minúcias do verbo desculpar
O verbo “desculpar” apresenta algumas minúcias: tanto pode ser usado na forma transitiva direta como na forma pronominal. Atenha-se a mais detalhes aqui!
O verbo haver
Clique aqui e aprenda as principais características do verbo “haver”!
O verbo pedir e suas particularidades semânticas
Acompanhado ou não da preposição? Descubra aqui!
Tanto a regência nominal quanto a verbal trata da relação que se estabelece entre termos em um dado contexto oracional
Regência nominal e regência verbal
Aprofunde seus conhecimentos acerca da regência nominal e da regência verbal. Clique e confira!
Verbos Impessoais
verbos impessoais, o que são verbos impessoais, verbo impessoal significado, verbo impessoal, verbo haver no sentido de existir, verbos impessoais exemplos, orações com verbos impessoais, oração com verbo impessoal.
Verbos irregulares
Aprenda o que é verbo irregular e entenda por que ele é diferente do regular. Veja também exemplos de verbos irregulares e suas conjugações.
Vozes Verbais
Aprenda a diferença entre voz ativa, voz passiva e voz reflexiva. Entenda quando utilizar cada uma e como passar de uma voz à outra.
video icon
Filosofia
Ludwig von mises
Membro da escola austríaca de economia, Mises foi um dos pilares do liberalismo no século XX. Não foi um filósofo de formação, nem se dedicou muito à filosofia, mas deixou bases para uma filosofia econômica e é alvo de críticas negativas e positivas nas discussões teóricas atuais.

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Sigmund Freud
Filosofia
Sigmund Freud
Nessa videoaula você conhecerá mais sobre a vida e estudos do "pai" da psicanálise.
video icon
Thumb Brasil Escola
Literatura
Realismo fantástico
Trazemos uma análise sobre realismo fantástico. Assista já!
video icon
Thumb Brasil Escola
Química
Funções orgânicas
Tire um tempo para entender melhor o que são as amidas