Whatsapp icon Whatsapp

Rebeliões Separatistas

Escravos e populares tiveram participação no desenvolvimento da Conjuração Baiana.
Escravos e populares tiveram participação no desenvolvimento da Conjuração Baiana.
Ao observarmos o processo de independência do Brasil, notamos que os desejos pela emancipação apareceram anteriormente ao momento em que o príncipe regente, Dom Pedro I, realizou a proclamação de 1822. Ao longo do século XVIII, em um contexto em que a mineração tinha grande visibilidade econômica, os colonos se mostravam insatisfeitos com as exigências, cobranças e imposições estabelecidas pela Coroa Portuguesa.

Se por um lado contabilizamos a mudança política do governo português, também devemos destacar que essa insatisfação veio acompanhada por uma base de sustentação ideológica. Nesse sentido, surge a necessidade de salientarmos como o Iluminismo, a Revolução Francesa e a Independência dos Estados Unidos tiveram grande peso para que uma parte dos colonos projetasse o fim do pacto colonial. Já nessa época, alguns filhos de nossas elites se formavam em universidades europeias onde essas transformações eram propagadas.
Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Ao identificarmos as rebeliões separatistas, observamos que esse conjunto de fatores atuou em favor de levantes favoráveis à quebra do pacto colonial. Contudo, vale aqui frisar que esses movimentos não podem ser erroneamente julgados como eventos que lutaram pela formação de uma nação autônoma. No século XVIII, a emancipação de nosso extenso território ou o reconhecimento de uma pátria brasileira não se evidenciou na pauta dos revoltosos dessa época.

Por meio dessa afirmativa, realizamos a construção de uma outra perspectiva com relação ao significado da Inconfidência Mineira. Ocorrida em 1789, essa conspiração antimetropolitana não fez menção a nenhum desejo de libertação do nosso território. Focado no desenvolvimento de uma pátria mineira, a elite envolvida com esse movimento estabeleceu um projeto de emancipação que preservava o trabalho escravo em terras coloniais.

Tocada por essa mesma separação entre as elites e as camadas menos favorecidas, a Conjuração Baiana, de 1798, foi impulsionada por uma elite ilustrada que se afastou do movimento ao perceber que o mesmo passava a ser controlado por populares. Mesmo não tendo um projeto amplo de emancipação, essa revolta teve grande importância ao tocar diretamente na questão da escravidão – um dilema que ainda perduraria por um bom tempo em nossa história.
Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Por fim, em 1817, observamos uma última revolta que se desenvolveu na capitania de Pernambuco, já conhecida pelo desenvolvimento de diversas situações de enfrentamento. Na chamada Revolução Pernambucana, temos o discurso iluminista e o socialismo utópico, fundamentando a fala de uma população desgastada com os altos impostos a serem pagos e as oscilações econômicas que marcavam o lugar. Mais uma vez, a reprimenda das cortes impediu o fortalecimento dessa situação de conflito.
Publicado por Rainer Gonçalves Sousa

Artigos de Rebeliões Separatistas

A cidade de Salvador, na Bahia, foi palco do movimento que ficou conhecido como Conjuração Baiana de 1798*
A Conjuração Baiana de 1798
Conheça os principais acontecimentos que marcaram a Conjuração Baiana de 1798, movimento do período colonial com forte adesão popular.
Vila Rica, atual Ouro Preto, foi o palco de uma das mais importantes revoltas do período colonial do Brasil.
Inconfidência Mineira
Clique e acesse este texto a respeito de uma das mais importantes revoltas da história da colonização do Brasil: a Inconfidência Mineira.
A Conjuração Baiana e a Inconfidência Mineira foram marcadas por visíveis diferenças políticas.
Inconfidência Mineira x Conjuração Baiana
Veja as diferenças entre os mais importantes levantes emancipacionistas do período colonial.
Imagem de um selo cubano que apresenta a imagem mitificada de Tiradentes, com cabelos e barba longos*
Por que Tiradentes se tornou mártir?
Entenda por que Tiradentes se tornou mártir durante a história do Brasil e saiba detalhes sobre o processo de mitificação desse inconfidente. Envolvido diretamente com a Inconfidência Mineira, Joaquim José da Silva Xavier foi o bode expiatório da Coroa ao ser o único que teve sua pena de morte executada.
A cidade de Recife foi palco da Revolução Pernambucana de março a maio de 1817*
Revolução Pernambucana de 1817
Conheça mais sobre a Revolução Pernambucana, movimento de caráter separatista e republicano que aconteceu em Pernambuco no ano de 1817.
video icon
Geografia
Talibã e a retomada do poder no Afeganistão
Assista à videoaula e conheça o grupo radical fundamentalista Talibã. Entenda seu processo de formação e ascensão ao poder no Afeganistão durante a década de 1990, bem como o processo de queda do grupo e a retomada ao poder em 2021.

Outras matérias

Biologia
Matemática
Geografia
Física
Vídeos
video icon
Videoaula Brasil Escola
Filosofia
Anaxágoras
Assista nossa videoaula para entender mais sobre o pensamento pluralista de Anaxágoras.
video icon
Videoaula Brasil Escola
Guia de Profissões
Publicidade e Propaganda
Que tal conhecer um pouco mais sobre as funções de um publicitário?
video icon
Videoaula Brasil Escola
Inglês
Estrangeirismo
Nessa videoaula você entende sobre o estrangeirismo na música "Samba do Approach."