Whatsapp icon Whatsapp

Brasil na Primeira Guerra Mundial

A participação do Brasil na Primeira Guerra Mundial foi um acontecimento que se deu apenas em 1917 e reforçou a política externa brasileira.
Fotografia de Wenceslau Braz assinando o documento que oficializou a participação do Brasil na Primeira Guerra Mundial.
Wenceslau Braz, presidente do Brasil à época, declarando guerra à Alemanha em 1917, no contexto da Primeira Guerra Mundial.

A participação do Brasil na Primeira Guerra Mundial foi um acontecimento que se deu apenas em 1917, no penúltimo ano da guerra. Enquanto o mundo se envolvia em tensões que levariam à guerra, o país vivenciava uma crescente dependência econômica no ciclo do café. A postura brasileira nos primeiros anos de guerra foi inicialmente de neutralidade, mas incidentes marítimos e pressões diplomáticas levaram o país a declarar guerra à Alemanha em 1917. A contribuição brasileira envolveu principalmente uma esquadra naval no Atlântico e o fornecimento de produtos estratégicos aos Aliados. As consequências dessa participação incluíram o fortalecimento da política externa do Brasil, crescimento da Marinha, efeitos econômicos, estreitamento de laços com os Estados Unidos, participação na Liga das Nações e debates internos sobre a decisão.

Leia também: O que foi a trégua de Natal que ocorreu na Primeira Guerra Mundial?

Resumo sobre o Brasil na Primeira Guerra Mundial

  • A participação do Brasil na Primeira Guerra Mundial foi um acontecimento que se deu apenas em 1917, no penúltimo ano da guerra.
  • Enquanto o mundo se encaminhava para a Primeira Guerra Mundial devido a tensões europeias, o Brasil vivenciava mudanças econômicas significativas no país, atreladas especialmente ao ciclo do café.
  • O Brasil manteve uma neutralidade inicial nos primeiros anos da Primeira Guerra Mundial, mas incidentes marítimos e pressões levaram à declaração de guerra à Alemanha em 1917, com uma contribuição limitada, envolvendo uma esquadra naval e fornecimento de produtos estratégicos para os Aliados.
  • A participação do Brasil na Primeira Guerra Mundial reforçou a política externa brasileira, impulsionou o crescimento da Marinha, afetou a economia, estreitou laços com os EUA, levou à participação na Liga das Nações e gerou debates internos.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Contexto histórico do Brasil na Primeira Guerra Mundial

A Primeira Guerra Mundial (1914-1918) foi um dos eventos mais marcantes do século XX e envolveu as principais potências mundiais em uma luta que ajudou a moldar o mundo como o conhecemos hoje.

O Brasil, durante o início do século XX, era governado por Hermes da Fonseca, que assumiu a presidência em 1910. O país passava por mudanças significativas em sua economia e sociedade. No cenário internacional, o mundo estava entrando em um período de tensões e rivalidades entre as grandes potências europeias, o que eventualmente levaria à eclosão da Primeira Guerra Mundial.

O assassinato do arquiduque Francisco Ferdinando, herdeiro do trono austro-húngaro, em 28 de junho de 1914, em Sarajevo, desencadeou uma cadeia de eventos que levou ao conflito armado. Em pouco tempo, as principais potências europeias estavam envolvidas em uma guerra devastadora. O presidente Hermes da Fonseca procurou manter o Brasil afastado do conflito e declarou oficialmente a neutralidade do país em agosto de 1914.

Antes da participação do Brasil na Primeira Guerra Mundial, o país já estava enfrentando mudanças significativas em sua economia. O Brasil era o principal produtor mundial de café na época, e essa commodity desempenhava um papel crucial na economia brasileira. O governo de Wenceslau Braz, que sucedeu a Hermes da Fonseca, estava lidando com desafios econômicos, incluindo a queda dos preços do café no mercado internacional e o excesso de produção.

A Primeira Guerra Mundial teve efeitos ambíguos sobre a economia do período, pois, embora tenha estimulado a exportação de café para os Aliados, também interrompeu o comércio com a Alemanha, um importante parceiro comercial. Essa dinâmica econômica tumultuada influenciou a decisão do Brasil de entrar no conflito, uma vez que a proteção de seus interesses econômicos desempenhou um papel central na política externa do país.

Como foi a participação do Brasil na Primeira Guerra Mundial?

Réplica do decreto assinado por Wenceslau Braz em 1917 oficializando a participação do Brasil na Primeira Guerra Mundial.
Réplica do decreto de declaração de guerra do Brasil à Alemanha, assinado por Wenceslau Braz em 1917.

A participação do Brasil na Primeira Guerra Mundial é um episódio pouco conhecido da história do país, mas foi um acontecimento que desempenhou um papel importante nas relações internacionais e teve impactos significativos na política e na economia.

A neutralidade assumida pelo Brasil por meio do presidente Hermes da Fonseca em agosto de 1914 logo se tornou desafiadora devido às tensões crescentes no Atlântico Sul. Como nação independente, o Brasil tinha interesses econômicos significativos no comércio com a Europa, principalmente com a Alemanha, que era um parceiro comercial importante na época.

Uma série de incidentes marítimos envolvendo navios brasileiros e submarinos alemães levou o Brasil a reconsiderar sua posição de neutralidade. O mais notável desses incidentes foi o afundamento do vapor brasileiro “Paraná”, em março de 1917, que levou ao rompimento de relações diplomáticas entre o Brasil e a Alemanha. A pressão popular e a influência dos Aliados, que buscavam expandir sua coalizão, também desempenharam um papel importante na decisão do Brasil de entrar no conflito.

Por meio de um decreto do então presidente, Wenceslau Braz, o Brasil declarou guerra à Alemanha em 26 de outubro de 1917, tornando-se um dos países latino-americanos a se juntar aos Aliados na Primeira Guerra Mundial.

A participação do Brasil na Primeira Guerra Mundial ocorreu de maneira indireta, principalmente por meio de medidas diplomáticas e econômicas. A entrada do Brasil na guerra não foi acompanhada por uma mobilização militar significativa, mas o país se comprometeu a enviar uma esquadra naval para patrulhar o Atlântico e proteger suas rotas de comércio. Além disso, o Brasil forneceu suprimentos estratégicos, como borracha e café, para os Aliados. Também foi enviada uma missão médica brasileira para a França com o objetivo de fundar um hospital em Paris para auxiliar os Aliados.

Missão médica brasileira na França durante a participação do Brasil da Primeira Guerra Mundial.
Missão médica brasileira na França no contexto da Primeira Guerra Mundial.

Quais as consequências da participação do Brasil na Primeira Guerra Mundial?

A participação do Brasil na Primeira Guerra Mundial teve várias consequências importantes, tanto em termos de política externa quanto em termos de impacto interno. Algumas das principais consequências incluem:

  • Crescimento da Marinha brasileira: A participação do Brasil na guerra impulsionou o crescimento e o desenvolvimento da Marinha brasileira. O envio de uma esquadra naval para patrulhar o Atlântico Sul demonstrou a importância da Marinha como parte das Forças Armadas do país.
  • Impacto na economia: A exportação de produtos como borracha e café para os Aliados trouxe lucros substanciais, impulsionando a economia. Além disso, a guerra gerou um impulso na industrialização, em um processo conhecido como “substituição de importações”.
  • Participação na Liga das Nações: A Primeira Guerra Mundial levou à criação da Liga das Nações, uma organização internacional destinada a promover a paz e a cooperação entre as nações. O Brasil se tornou um dos membros fundadores da liga em 1919, refletindo seu compromisso com a diplomacia multilateral.

Acesse também: Quais foram as consequências da Primeira Guerra Mundial?

Curiosidades sobre o Brasil na Primeira Guerra Mundial

Cruzador Bahia, uma embarcação da Marinha Brasileira usada durante a participação do Brasil na Primeira Guerra Mundial.
Cruzador Bahia, uma das embarcações da Marinha Brasileira no contexto da Primeira Guerra Mundial.[1]

Além das implicações políticas e econômicas da participação do Brasil na Primeira Guerra Mundial, existem algumas curiosidades interessantes relacionadas a esse período da história do país:

  • Missão Militar dos EUA: Como parte do esforço de guerra conjunto com os Aliados, os Estados Unidos enviaram uma missão militar para o Brasil. A missão era composta por oficiais americanos, que auxiliaram na modernização e treinamento das Forças Armadas brasileiras.
  • Participação do Lampião: O famoso cangaceiro Virgulino Ferreira da Silva, mais conhecido como Lampião, serviu como soldado no 28º Batalhão de Caçadores do Exército Brasileiro durante a Primeira Guerra Mundial. Sua experiência no exército o influenciou em sua trajetória posterior como líder do cangaço.
  • Batalha do Atlântico: A esquadra naval brasileira enviada para patrulhar o Atlântico desempenhou um papel importante na proteção das rotas de comércio e na caça a submarinos alemães na região. Vários confrontos ocorreram, e os brasileiros enfrentaram perigos reais no Atlântico.
  • Participação de soldados afro-brasileiros: A Primeira Guerra Mundial também viu a participação de soldados afro-brasileiros nas Forças Armadas. Muitos deles serviram no Exército e na Marinha e desempenharam um papel vital na proteção das rotas de comércio.

Crédito de imagem

[1]  Marinha do Brasil / Wikimedia Commons (reprodução)

Fontes

FAUSTO, Boris. História do Brasil. São Paulo: Edusp, 2019.

SCHWARCZ, Lilian; STARLING, Heloisa. Brasil: uma biografia. São Paulo: Cia das Letras, 2015.

Publicado por Tiago Soares Campos
Assista às nossas videoaulas

Artigos Relacionados

A vida nas trincheiras durante a Primeira Guerra
Saiba como era a vida nas trincheiras durante a Primeira Guerra e perceba que os soldados dos exércitos rivais não eram os únicos inimigos dos combatentes.
As fases da Primeira Guerra Mundial
Primeira Guerra Mundial, As fases da Primeira Guerra Mundial, guerra de posições, guerra de movimento, guerra de trincheiras, Batalha do Marne, Tríplice Aliança, Tríplice Entente, armistício de Compiègne.
Causas da Primeira Guerra Mundial
Conheça as principais causas que levaram a Europa a iniciar a Primeira Guerra Mundial e diversas curiosidades relacionadas ao conflito.
Consequências da Primeira Guerra Mundial
Descubra quais foram as consequências da Primeira Guerra Mundial. Veja como essa guerra modificou o mapa-múndi, a geopolítica mundial e a sociedade.
Primeira Guerra Mundial
Clique para conferir tudo o que você precisa saber sobre a Primeira Guerra Mundial: suas causas, países envolvidos, fases e consequências.
Tratados da Primeira Guerra Mundial
Tratados da Primeira Guerra Mundial, Primeira Guerra Mundial, O mundo depois da Primeira Guerra Mundial. Tríplice Entente, Tríplice Aliança, Tratado de Versalhes, Tratado de Saint-German, Catorze pontos para a paz.
Trégua de Natal na Primeira Guerra
Saiba mais sobre a chamada Trégua de Natal na Primeira Guerra, que ocorreu nas imediações de Ypres, Bélgica.
Tríplice Aliança
Você sabe o que foi a Tríplice Aliança? Clique aqui e conheça detalhes desse acordo militar que tem relação com a Primeira Guerra Mundial.
Tríplice Entente
Clique aqui, entenda o que foi Tríplice Entente, saiba quais eram seus objetivos e descubra a sua relevância na Primeira Guerra Mundial.
video icon
Professora ao lado do texto"Vogal temática"
Português
Vogal temática
Vogal temática é a vogal que torna possível a ligação entre o radical e as desinências. Nesta videoaula, aprofundaremo-nos nesse assunto e analisaremos as formas de identificação adequadas desse morfema.